O Carnaval geral. Na política, nas declarações, atos e muitos fatos

 Aproxima-se o Carnaval e, novamente, vem junto a polêmica sobre os blocos que desfilam pelas ruas. Em reportagem exibida no SP 1ª Edição (7), seus líderes reclamaram da interferência da prefeitura paulistana, que pretende regulamentar os desfiles, disseram  que isso fere a liberdade deles etc. etc. etc. O problema é que não pensam no direito  ao sossego dos moradores ao longo do trajeto dos desfiles, raro é aquele que gosta de barulho e sujeira na frente de suas casas. Um dos líderes declarou que a prefeitura deve ser servidora da cidade como se esta fosse só deles – “bloqueiros” – sem levar em conta que são parte ínfima dos habitantes. Que desfilem no Sambódromo, lugar apropriado, lá podem fazer a farra que quiserem pelo tempo que acharem satisfatório.

Dizem que é difícil entender o funcionamento do cérebro feminino, pode ser, mas não é  impossível. Impossível é entender o dos eleitores, não é que Silvio Berlusconi voltou à política italiana? Por aqui, acontece a mesma coisa, um monte de berlusconis reeleitos apesar de tudo que pesa comprovadamente contra eles.

O que tem de “suspeito” preso em flagrante é uma barbaridade, a turma não é mesmo capaz de distinguir português de jurisdiquês. Daí tem-se o jornalismo vaselina.

A propaganda do PCdoB na TV é hilária, usa  e abusa  de apresentar mulheres como atrativo, entre elas Vanessa Grazziotin, uma das que se apossaram da Mesa do Senado para impedir votação, e que, juntamente com o marido, Eron Bezerra (já condenado e com direitos políticos suspensos por oito anos) , foi denunciada pela PGR por caixa 2 nas eleições de 2012. O processo está no STF com a ministra Rosa Weber.

Esqueceram-se de que, como visto recentemente, ser mulher não é atributo de capacidade e honestidade. A  do PRTB sempre foi cômica, afinal seu apresentador é o “humorista” Levy Fidelix.

Por falar em propaganda, a sua prima-irmã publicidade está cada vez mais lamentável, custa-me crer que pessoas se deixem influenciar por anúncios cada vez mais, bom, é espaço família, cada um que escolha o adjetivo que considerar adequado, o meu é proibido para menores.

(CACALO KFOURI)

***************

No Torcedores.com

Felipe Melo diz que revidou a(!!!) uma tentativa de Clayson de atingí(!!!)-lo

(!!!) Vixi santa, aonde acharam os escribas deste site? Revidou uma, cara-pálida, transitivo direto nesta acepção. E acento em atingi atinge a gramática.

Obs.: – Trata-se de jogador violento que não joga nada e só prejudica seu time. “Parmera”, joga fora antes que apronte mais e ponha o time na fogueira.

                                                             ***************

No UOL

Manifestantes protestam contra e a favor de filósofa americana Judith Butler em São Paulo

 Os grupos contrários à filósofa reclamaram da “ideologia de gênero” apregoada no discurso de Butler, principal expoente da teoria queer –campo para o qual o gênero, a orientação e a identidade sexual são resultados de uma construção social, e, portanto, não biológicos. Uma petição online, no site CitizenGo, chegou a reunir mais de 360 mil assinaturas pelo cancelamento da palestra da filósofa em São Paulo nas últimas semanas. Com cartazes e gritos de guerra, disseram “bem vinda, Butler”, do lado oposto do portão onde estavam os críticos da filósofa — entre os quais, membros do Instituto Plínio Corrêa de Oliveira, ligado à TFP (Tradição, Família e Propriedade), com cartazes que traziam a mensagem “Buzine em favor do casamento como Deus o fez –1 homem + 1 mulher”.

Obs.: – O ex-prefeito de Nova York Rudolph Giuliani criou o programa de nome Tolerância Zero. No momento, no Brasil, está sendo criado o movimento Intolerância 100. Esse pessoal ligado à TFP é tão atrasado que nos anos 1960 tentou impedir a visita do marechal Tito, presidente da então Iugoslávia, ao Brasil e também a exibição do filme  “O Encouraçado Potemkin”, de Serguei Eisenstein, um clássico do cinema sob o argumento de que eram coisas de comunistas e que contaminariam o país. Mas isso não quer dizer que se aparecer alguém que defenda ideias, digamos assim, preconceituosas como as da turma que tenta impedir a palestra de Judith Butler, os defensores dela não tentem impedir que se manifeste. Instaurou-se  “ou se pensa (?) igual ou se é boçal. Que gente triste, bolsonaretes de ambos os lados.

Moro nega pedido de Lula e diz que defesas não acompanharão perícia em sistemas da Odebrecht

Obs.: – Puxa, que surpresa, perderam mais uma? Quem diria, hein? Vão acabar apelidados de Íbis da advocacia. Íbis, para quem não lembra, é um time de futebol de Pernambuco, considerado o pior do mundo, não ganha uma.

Rosie Oliveira, do Amazonas, vence o Miss Bumbum 2017

Jornalista por formação, Rosie também é engajada em questões que envolvem a política nacional e preocupada com o futuro do país.

Obs.: – Quem sabe, dê certo, tem muita gente, tanto no jornalismo como na política, pensando com o bumbum e não é miss ou mister.

PGR denuncia deputada Shéridan por suposta(?!?!?!) compra de votos

(?!?!?!) Denunciada por suposta, cara-pálida? Não, não, não, foi denunciada porque há fortes indícios de que fez isso. Tão bonitinha e tão corruptinha… E pensar que é a relatora da reforma política. O título é mais uma “obra-prima” do UOL, aqui está o da Folha de S.Paulo, cuja matéria foi reproduzida:  “Dodge denuncia deputada Shéridan sob acusação de compra de votos”

                                                            ***************

No Estadão

Bando ataca empresa de valores com explosivos

 De acordo com o major Flávio Santiago, do setor de Comunicação da PM de Minas, cerca de 30 bandidos, em dez carros, chegaram a Uberaba por volta das 4h30.

Obs.: – Fazendo uso de um velho chavão, a pergunta que não quer calar: como um comboio com dez carros passa pela estrada sem que a polícia desconfie? Respondo: porque a polícia não policia. No feriadão viajei pela Fernão Dias, rodovia federal. Tanto na ida como na volta não vi nem sombra da PRF, nem na estrada, nem nos postos.

 Jovem invade escola em Goiás e atira 11 vezes em estudante

 Pouco depois das 8 horas de ontem, Misael Pereira, de 19 anos, pulou o muro do Colégio Estadual 13 de Maio, em Alexânia, a 88 km de Brasília, e foi até a sala do 9.º ano do ensino fundamental, onde atirou 11 vezes contra Raphaella Noviski, de 16. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito tinha uma paixão não correspondida pela vítima. Misael foi mascarado ao local, armado com um revólver(???) calibre ponto 32 e uma faca, e já tendo como alvo Raphaella, segundo a Polícia Militar de Alexânia.

(???) Que revólver mágico é este com o qual é possível disparar 11 vezes sem recarregar?  Ao ler a Folha de S.Paulo, fica-se sabendo que ele recarregou a arma (“O jovem disse que, com um revólver 32 abastecido, mirou em Rafaella, recarregou a arma (de novo)(*) e repetiu os disparos.”).

(*) Tem um erro aqui, não recarregou a arma de novo, recarregou uma vez, carregou e recarregou.

 JBS adere ao Refis e terá economia de R$ 1,1 bi

 Com programa, empresa, cujos sócios estão presos, vai regularizar débitos de R$ 4,2 bi

Obs.: – A mensagem é a seguinte: sonegue, sonegue, sonegue, um dia você lucrará com isso.

 Metrô fará novo túnel para desafogar ‘fila dos pinguins’

Obra servirá para aliviar a superlotação na passagem entre as duas estações; 22,5 mil pessoas circulam pelo local nos horários de pico

Obs.: – Quem projetou a ligação entre as estações deveria ir preso assim como aquele responsável pelos elevadores do Terminal 3 do Aeroporto Internacional de Guarulhos, neles mal cabem um pessoa com duas malas.

Tuberculose faz presos iniciarem greve de fome

O movimento foi articulado pelo WhatsApp e por tempo indeterminado.

Obs.: – Cuma??? Por zapzap? Não precisa de celular para isso? Oh, tem celular dentro das cadeias?

 Gestão Doria dificulta acesso a dados e viola Lei de Acesso à Informação

Obs.: – Quanta honestidade na gestão do (indi)gestor que não é político! Notem que coisa curiosa, tive de digitar o título que está no impresso, no digital, aquele que o jornal alardeia ser mais simples e intuitiva, aparece só isto: “Gestão nega irregularidades”.

                                                                 ***************

Na Folha

Trump promete armar Japão contra Kim

Obs.: – Tá explicado, é lobista da indústria bélica!

Twitter libera postagens de até 280 caracteres para todos os usuários

Obs.: – Mein Got, mais espaço para Trump escrever besteiras!

                                                                 ***************

No Blog do Ancelmo (Gois)

 Desembargador pede anulação de multa por erro de agente ao preencher infração

 O desembargador Flávio Marcelo de Azevedo Horta Fernandes, da 2ª Câmara Criminal do Rio, foi parado numa blitz da Lei Seca, em junho passado, e se recusou a fazer o teste do bafômetro.

Obs.: – Preocupa o mau exemplo, este; a aposentada Luislinda Valois e sua pretensão defendida em 208 páginas! de violar a lei; o ex-presidente do TJ paulista, José Renato Nalini, que disse precisar do auxílio-moradia para poder ir a Miami comprar ternos. Pobre Justiça nas mãos de gente assim.

 Conselheiros do TCE-RJ desistem, e Pezão vai indicar líder da Alerj para a vaga de Jonas Lopes

Obs.: – Ou seja, indicou a raposinha para tomar conta do galinheiro no lugar do raposão. Mais uma vez, mete os “pezões” pelas “mãozonas”.

                                                                  ***************

Na Folha digital

Por que a Arábia Saudita prendeu seus príncipes em um hotel 5 estrelas?

Obs.: – Porque eles são príncipes, uai!

                                                                 ***************

About

Brickmann & Associados Comunicação – B&A / Tel. (11) 3885-6656 / www. brickmann.com.br / E-mail: contato@chumbogordo.com.br / Twitter: twitter.com/ChumboGordo / Facebook: facebook.com/chumbogordo

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.