A las cinco de la tarde…Cacalo lembra de Lorca, dos loucos, dos lúcidos, e de nós

 Não consigo entender a posição adotada pelos que não respeitam a ordem de  prisão expedida contra Lula, são totalmente incapazes de aceitar a realidade, foi condenado, é culpado por mais que se declare inocente, fez o que não devia, locupletou-se, nas palavras de seu ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci “transformou a corrupção em política de governo”, enganou o povo – que continua se enganando –, foi pego e não conseguiu escapar. E esse é só o começo, vem mais pela frente. Ou será que das 21 pessoas envolvidas em seus julgamentos só as cinco que votaram a favor do habeas corpus estão certas? E há que atentar para um detalhe, mesmo essas pessoas não votaram pela absolvição dele, escolheram o direito à embromação.

 Tem mais, a vida toda execraram o advogado José Roberto Batochio por dois motivos: acusavam-no de ter pertencido ao famigerado CCC, Comando de Caça aos Comunistas – e mostravam provas irrefutáveis – e pelo fato de ser o responsável por manter Paulo Maluf fora da cadeia por tanto tempo. E, recentemente, esqueceram-se de todos esses detalhes e contrataram o competente causídico – sem entrar em juízo de valor – para defender o seu demiurgo. Vão ser incoerentes – pragmáticos ou, quem sabe, amorais  – lá naquele lugar que minha educação me impede de nominar.

 Um velho ditado reza que “para os amigos, tudo, para os inimigos, a lei”. É o lema dos lulistas, não admitem decisões contra eles.

 Agora, cá entre nós, que potência é a Odebrecht, hein? O que tem de ex-presidente em cana ou aguardando o retiro é uma grandeza. E todos bolivarianos. Que vergonha Simón Bolívar deve estar sentindo.

 O juiz Sergio Moro mandou que Lula se entregue até as 17 horas de hoje (6).

Lembrei-me de um trecho de poema de Federico García Lorca, “A las cinco de la tarde. Eran las cinco en punto de la tarde.”. (*)

(CACALO KFOURI)

                                                              ***************

               Me engana que eu gosto!

Defesa tomará as medidas previstas para evitar prisão, diz advogado de Lula

PT vê prisão iminente de Lula e faz reunião de emergência em SP

Obs.: – Parece que só a defesa acredita nela mesma.

                                                              ***************

Na Folha

 Lula decide não ir para Curitiba

Obs.: – Lula e seu séquito querem confusão, acirramento de ânimos, conflitos em nome da tal da “resistência democrática” ou do quebra-quebra de Stédile, ou, pior, as mortes previstas por Glesi Hoffmann.

 Defesa de Lula vai à ONU para evitar prisão de ex-presidente

 Obs.: – Querem intervenção externa para contrapor-se a uma decisão soberana da Justiça do país? Uau!

                                                             ***************

No Estadão conteúdo                                                      

 Cármen Lúcia não foi feliz ao deixar de pautar ações, diz Gilmar Mendes

 Obs.: – E nós ao vê-lo falando no STF…  

                                                               ***************

N’O Globo

Escândalo do Facebook: uso indevido de dados pode ter afetado 443 mil no Brasil

Obs.: -A mim, não, sou “tímido”, não me exponho (só por aqui é que faço isso). No máximo, zapzap com família e amigos selecionadíssimos e Instagram para cuidar da minha pouca vaidade e mostrar umas fotinhas que acho valer a pena exibir.

Major preso após operação encontrar drogas e armas frias em UPP é transferido para cargo no QG da PM

Obs.: – Do jeito que a PM do RJ é, deve ser mesmo o lugar mais adequado.

Temer comete gafe e chama Corinthians de ‘Sociedade Esportiva’

Presidente se confundiu e usou o nome do principal rival do time, o Palmeiras

Obs.: – Fora, Temer!!!
                                                              ***************

No UOL

Marco Aurélio critica presidente do STF e a chama de ‘toda-poderosa’

Obs.: – Crítica, dependendo da origem, vale muito mais que elogio. É o caso.

 MST inicia bloqueio de estradas em todo o País em protesto contra prisão de Lula

 Obs.: – Pronto! O exército de Stédile pegou em armas. Esperemos que o de Villas Bôas não faça besteiras, pois é exatamente isso que os lulistas pretendem.

                                                               ***************

No Estadão

 “Não vamos assistir passivamente, haverá resistência democrática.”, diz Boulos após mandado de prisão de Lula

 Obs.: – Tico e Teco reuniram-se, fizeram um esforço hercúleo, queimaram seus quatro neurônios e não chegaram à conclusão do que seja resistência democrática. Mas, levantaram algumas hipóteses: seria impedir, com bloqueios, o cumprimento da lei? Ou a democracia relativa a que se referia o general Geisel durante a ditadura? Ou, ainda, exemplo mais recente, a democracia venezuelana?

 Grupo pró-Lula agride equipes de reportagem

 Obs.: – Ahhh, agora entendi o que é resistência democrática!

 Imposto religioso era o mais lucrativo

 No entanto, talvez o imposto mais lucrativo fosse o religioso, conhecido como “zakat”, considerado um dos cinco pilares do Islã. Ele era de 2,5% sobre o patrimônio de um indivíduo e chega a 10% no caso da produção agrícola. Embora algumas dessas taxas fossem cobradas também pelos governos da Síria e do Iraque, a cobrada em cima do patrimônio era uma nova arrecadação.

Obs.: – Quem ensinou quem? Quem aprendeu com quem? O dízimo tem várias versões.

Perto de inauguração, monotrilho para 1 dia em cada 3 e tem obras apressadas

Mais uma estação é aberta incompleta

 O governador Geraldo Alckmin (PSDB) inaugurou ontem, a exemplo que havia ocorrido na véspera com a Oscar Freire, mais uma estação inacabada.

Obs.: – É a Operação Engana Eleitor em andamento.

 ‘Despejados’, moradores de rua se revoltam

 A chegada dos venezuelanos em São Paulo causou revolta entre moradores de rua que usavam o Centro Temporário de Acolhimento (CTA) de São Mateus, na zona leste, e tiveram de deixar o albergue para dar lugar aos refugiados. Barrado do equipamento, um grupo com (cerca de dez pessoas)(???) montou uma “maloca” em uma praça a 350 metros de distância, onde dormiu sobre papelões.

(???) Cara-pálida, cerca de dez? Tem certeza de que não foi cerca de dois? Não conseguiu contar quantos em um grupo tão pequeno?

 Obs.: – Método Doria de acolhimento, desveste um santo para vestir outro. É esse tipo de ação que faz as pessoas se virarem contra imigrantes.

 ***************

N’O Globo

Jungmann nega ‘atalho democrático’ e diz que Villas Bôas é ‘soldado exemplar’

Obs: – Impressionante a capacidade de adaptação que os ex-“cumunistas” têm. Será pelo fato de nunca conseguirem se livrar do moto “os fins justificam os meios” que os guiou por boa parte da existência?

***************

No Blog do Jamildo

O que está em jogo é a própria democracia, diz PCdoB sobre Lula

 Obs.: – E o que comunista entende de democracia? A URSS era uma democracia? A Alemanha Oriental, apesar de se chamar República Democrática da Alemanha era uma democracia? Aquele muro foi construído para impedir que os alemães ocidentais mudassem de país? Cuba é uma democracia? Certas palavras viram impropérios dependendo da boca de que saem. Raul Jungmann, hoje ministro de Temer, ex-PCB, diz que as declarações do comandante do Exército são absolutamente normais, apesar de violarem a lei. Como se vê, tal qual a biruta, que indica a mudança de direção do vento, essa turma muda de ideia conforme suas conveniências.

***************

 

*A las cinco de la tarde, por Federico García Lorca

A las cinco de la tarde.
Eran las cinco en punto de la tarde.
Un niño trajo la blanca sábana
a las cinco de la tarde.
Una espuerta de cal ya prevenida
a las cinco de la tarde.
Lo demás era muerte y sólo muerte
a las cinco de la tarde.

El viento se llevó los algodones
a las cinco de la tarde.
Y el óxido sembró cristal y níquel
a las cinco de la tarde.
Ya luchan la paloma y el leopardo
a las cinco de la tarde.
Y un muslo con un asta desolada
a las cinco de la tarde.
Comenzaron los sones de bordón
a las cinco de la tarde.
Las campanas de arsénico y el humo
a las cinco de la tarde.
En las esquinas grupos de silencio
a las cinco de la tarde.
¡Y el toro solo corazón arriba!
a las cinco de la tarde.
Cuando el sudor de nieve fue llegando
a las cinco de la tarde
cuando la plaza se cubrió de yodo
a las cinco de la tarde,
la muerte puso huevos en la herida
a las cinco de la tarde.
A las cinco de la tarde.
A las cinco en Punto de la tarde.

Un ataúd con ruedas es la cama
a las cinco de la tarde.
Huesos y flautas suenan en su oído
a las cinco de la tarde.
El toro ya mugía por su frente
a las cinco de la tarde.
El cuarto se irisaba de agonía
a las cinco de la tarde.
A lo lejos ya viene la gangrena
a las cinco de la tarde.
Trompa de lirio por las verdes ingles
a las cinco de la tarde.
Las heridas quemaban como soles
a las cinco de la tarde,
y el gentío rompía las ventanas
a las cinco de la tarde.
A las cinco de la tarde.
¡Ay, qué terribles cinco de la tarde!
¡Eran las cinco en todos los relojes!
¡Eran las cinco en sombra de la tarde!

 ——————————————————————————————————————————–

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter