Lições do terror. Por Fernando Gabeira

Lições do terror

FERNANDO GABEIRA

… Acontece que estou reavaliando um pouco minha noção de jornalismo. Nossa tendência é dramatizar ataques, cortar as imagens de forma que o fogo e a destruição se destaquem. Quando examino mais de perto, os ataques, na verdade, são feitos em lugares desertos e em altas horas da noite. Um exemplo disso foi a dinamite que apareceu no metrô. Não tinha detonante, seu objetivo era assustar.

- PUBLICADO ORIGINALMENTE EM O GLOBO 
E NO  SITE OFICIAL DO AUTOR WWW.GABEIRA.COM.BR,   
EDIÇÃO DE 21 DE JANEIRO DE 2019 -

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter