Ventilador ligado na CPI. E a polícia ainda tentando se eximir do massacre de Paraisópolis

Imagem relacionada O dia promete, Joice Hasselmann avisa que vai jogar no ventilador na sessão de hoje (4) da CPI das Fake News.

 Não faltam indícios de que a ação da PM no Baile DZ7 em Paraisópolis, bairro de São Paulo, na madrugada do último domingo, não foi desastrada como se pensou inicialmente, foi propositada, foi pensada, foi organizada com o intuito de vingar a morte de um sargento, dias antes em uma operação na área. Um pedido de socorro endereçado ao Samu foi cancelado. Um soldado do Corpo de Bombeiros cancelou o único pedido de socorro feito ao Samu durante a ação policial que acabou com nove mortes em Paraisópolis, na Zona Sul de São Paulo, alegando que a Polícia Militar já estaria socorrendo as vítimas.

 Moradores da região afirmam que os PMs impediram que eles [moradores] socorressem as vítimas. Dos nove mortos, sete morreram no local e não poderiam ter sido removidos antes da chegada da perícia, mas foram, o que constitui alteração da cena, cada vez mais, evidente do crime. Mas o já bolsonarinho doria, não é mais aprendiz, pede que PM não seja condenada de antemão por mortes. Deve ser condenada, não é a primeira vez que age assim e nem será a última em razão do discurso do próprio governador, que declarou que a política de segurança – para quem? – não mudará.

 Até o momento, silêncio sepulcral do ministro da Justiça.       

 Sinal dos dias em que vivemos e que vivemos, conversa ouvida entre duas pessoas durante compras no sacolão: “Você viu o que aconteceu em Paraisópolis?”. “Vi sim, mas é aquela coisa, macaco que muito pula quer chumbo!”.

 O ministro da Justiça Sergio Moro, silente até o momento em relação ao massacre em Paraisópolis, perdeu o juízo, declarou que “O presidente Jair Bolsonaro é uma pessoa muito íntegra, todo mundo que o conhece atesta isso.”. Como uma pessoa íntegra pode (des)educar três filhos da forma que fez? Pode ter como ídolo um torturador? Negar que houve ditadura no país? Ser amigo de Fabrício Queiroz?

 (CACALO KFOURI)

                                                          ***************

 

 

                                                             ***************

Copiadas do UOL

 Pisa: Brasil fica entre piores, mas à frente da Argentina; veja ranking

 Mas, apesar de estar entre os piores(*) colocados, o Brasil ainda fica à frente de países latinos como a Argentina, a Colômbia e o Panamá em uma ou mais disciplinas avaliadas.

 (*) Ainda bem que não tem Pisa específico para escribas… mais mal colocados, cara-pálida, antes de particípio não se usa pior, não se usa melhor.

 Justiça obriga Bocardi a pagar R$ 580 mil a banco; apresentador faz acordo~

O apresentador Rodrigo Bocardi, da Globo, foi ordenado pela Justiça a pagar ao Banco Itaú a quantia de R$ 580.772,69. A 1ª Vara Cível de São Paulo entendeu que o profissional da Rede Globo não pagou parcelas da cédula de crédito firmada no início do ano com a instituição bancária. Após travar disputa judicial por meses contra o banco, Bocardi homologou no dia 27 de novembro um novo acordo para pagamento dos valores pendentes. Os mais de R$ 580 mil deverão ser quitados em três parcelas.

Durante o processo, a defesa de Bocardi pediu a impugnação da cobrança, alegando que o título de crédito firmado com o banco era inexigível, pois não teria a assinatura de pelo menos duas testemunhas.

O departamento jurídico do Itaú rebateu a defesa de Bocardi. Os advogados do Itaú disseram à Justiça que não há necessidade de testemunhas em contratos de cédula de crédito bancário. “[Bocardi e a empresa] usufruíram do crédito disponível na conta corrente e agora, no momento de cumprir com suas obrigações, tentam escusar-se de maneira vil, com alegações infundadas e não amparadas pelo nosso ordenamento jurídico”.

Peeerguuunto, um jornalista assim merece que se acredite nele? Do jeito que o Grupo Globo anda demitindo… Plim, plim.

                                                              ***************

Copiada do Estadão conteúdo

Na véspera de julgamento, Juíza Selma admite que pode ser cassada

A senadora teve o mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral do(XXX)(de) Mato Grosso (TRE-MT) por suspeita de receber caixa 2 no valor de R$ 1,2 milhão durante a campanha do ano passado. O caso começará a ser julgado pelo TSE nesta terça-feira (3). A ex-procuradora-geral da República Raquel Dodge deu parecer pela cassação.

“Ainda que eu saia, eu tenho certeza que todos os dias a minha oração vai ser dirigida a vocês e que vocês vão ter força, talvez mais ainda do que eu estando aqui, vocês vão ter muita força para lutar contra tudo isso”, discursou Selma, com voz embargada, dirigindo-se aos senadores Styvenson Valentim (PODE(*)-CE) e Eduardo Girão (PODE(*)-CE).

(*) Não pode errar assim, é Podemos, cara-pálida. E se o nome fosse o que escreveu, seria Pode, manda o Volp que, se sigla der leitura direta, só a inicial vai em caixa-alta, exceção feita a PSOL, pois o partido registrou-se assim.

Peça na sua oração, Moro de saias [apelido da indigitada e, do jeito que ele vai, logo, logo, será chamado de juiz Selmo], que todos os “vocês” recebam pelo menos 10% do que abocanhou de caixa 2. A hipocrisia desse pessoal que faz uso de religião para enganar os desesperados ingênuos que se apegam a qualquer coisa para sair do buraco não tem limites.

Brasil ganha “Fóssil do Dia” na COP-25 por culpar ONGs por queimadas

Na estreia do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, na Conferência do Clima da ONU, em Madri, o Brasil foi “homenageado” com o “Fóssil do Dia”, prêmio irônico concedido por ONGs para os países que estão “fazendo o seu melhor para bloquear o progresso nas negociações” sobre o combate ao aquecimento global.

Nem precisa comentar, né mermo?

                                                                 ***************

Copiada do Congresso em Foco

Cai MP de Bolsonaro que prejudicava jornais

A medida provisória que desobrigava as empresas de capital aberto a publicarem seus balanços em jornais perde a validade nesta terça-feira (3) sem nem entrar na pauta da Câmara dos Deputados.

A medida foi editada por motivo errado, vingancinha barata, mas não está errada, não tem sentido nos dias atuais a obrigatoriedade, basta que os balanços sejam nos sites das empresas, quem tiver interesse que acesse. Se os jornais não fossem os principais interessados, aposto que já teriam encomendado uma pesquisa que mostraria que nem 0,1% dos seus leitores leu um balanço que seja ao longo da vida.

                                                                 ***************

Copiada do G1

Uber começa a oferecer patinetes elétricos no Brasil

Elétricas, cara-pálida, substantivo feminino como rezam todos dos dicionários, dá uma olhadinha, dá? Mas em um deles, não no Estadão, nele tem o mesmo erro.

                                                                ***************

Copiada do Lance!

Rizek detona grupo de palmeirenses por expulsar torcedores: ‘Ogros’

O apresentador André Rizek criticou fortemente a atitude de torcedores do Palmeiras, que expulsaram ao quase agredir dois torcedores julgados como ‘infiltrados’ no último domingo, na derrota para o Flamengo, na Arena. Através(*) de sua conta no Twitter, Rizek detonou o episódio, classificando os tais torcedores que buscaram a violência como ‘ogros’.

(*) Através não, cara-pálida, é por meio de, fazendo uso de, a mensagem não atravessa a conta. Mas, veja, a luz passa através do vidro, capisce?

 Mais um capítulo do que começou com o “nós contra eles” e não vai ter fim, a intolerância em relação ao diferente é uma doença para a qual não descobriram remédio.

Em tempo, o Palmeiras não tem Mundial…

                                                                 ***************

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *