Um presidente ogro, desprovido de tudo, e os ataques inaceitáveis

 Os que aceitam fazer parte de um governo chefiado por um desclassificado é cúmplice dele, são  tão desprovidos de valores morais como quem os escolheu.

 Editorial da Folha de S.Paulo (19), pág. A2, reagindo aos torpes ataques de boçalnato à jornalista Patrícia Campos Mello e, por tabela, à toda imprensa: Editorial – Sob ataque, aos 99” https://www1.folha.uol.com.br/opiniao/2020/02/sob-ataque-aos-99.shtml

 Carta de um leitor do jornal publicada na editoria Painel do Leitor (pág. A3): “Peço desculpas à repórter Patrícia Campos Mello pelos constantes ataques que tem recebido por fazer seu trabalho. E por que peço desculpas? Pela simples razão de eu ter sido um dos eleitores responsáveis pela vitória do “Sem Precedentes da República” que está aí e que, diferentemente do que eu acreditava, não é uma pessoa honesta, íntegra, educada e de valores pautados no respeito. É um sujeito sem caráter e sem ética. Sujo e covarde. Tenho mãe, esposa, irmãs e, em breve, terei uma filha. E a última coisa que desejaria que acontecesse a elas é o que vem acontecendo com a jornalista.”

 Nada serve de alerta para este governo, mas será bom que alguém da área de Segurança Nacional leia o que vem sendo publicado a respeito das máquinas de criptografia da empresa suíça Crypto AG que, na verdade, era da CIA. Todos os governos que fizeram uso do equipamento foram espionados, o perigo não é a China com seu 5G, o grande espião é o país governado por Donald Trump, EUA, que pretende interferir no leilão para implantação da tecnologia no Brasil.

 Dá pena dos humoristas brasileiros, a concorrência que sofrem é muito grande. Agora é o pessoal do PT, pândego, a querer associar a greve na Petrobras, declarada ilegal por um ministro do Tribunal Superior do Trabalho, a movimento contra a privatização da empresa, justo eles, os criadores do Petrolão.

(CACALO KFOURI)

                                                               ***************

Ontem, 18, por volta das 18h15, um toró em São Paulo, flagrante na Rua Cubatão (Vila Mariana):

https://photos.app.goo.gl/SYyLCKeRxWC1mFS29

Por que será que acontecem enchentes em São Paulo? Soma da inépcia das autoridades com a ajuda de parte da população.

                                                             ***************

Copiada da Folha

Bolsonaro insulta repórter da Folha com insinuação sexual

Em CPMI, sem apresentar provas, depoente afirmou que jornalista queria um determinado tipo de matéria a troco de sexo, declaração reproduzida pelo deputado Eduardo Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro insultou nesta terça-feira (18), com insinuação sexual, a jornalista Patrícia Campos Mello, da Folha. “Ela [repórter] queria um furo. Ela queria dar o furo a qualquer preço contra mim [risos dele e dos demais]”, disse o presidente, em entrevista diante de um grupo de simpatizantes em frente ao Palácio da Alvorada.

Onde está a oposição? Isto é pior que as pedaladas que levaram à cassação do mandato de Dilma, é ação abjeta, de quem não tem a menor noção da liturgia do cargo que ocupa.

                                                               ***************

Copiada do Estadão

Correções

Música. Citada na coluna Tristeza não tem fim, de Vera Magalhães (Política, 16/2/2020, pág. A10), a canção A Felicidade é de autoria de Tom Jobim e de Vinícius de Morais(!!!).

(!!!) Eta nóis, erram na correção! É MoraEs, cara-pálida!

                                                                ***************

Copiada do Blog do Ancelmo

Em Ipanema, casal não gosta de ‘Parasita’ e diz que filme ‘é coisa de comunista’

Diálogo de um casal na saída de sessão do filme “Parasita”, sábado à noite, na Estação Ipanema, no Rio.
Ela: Não gostei.
Ele: Também não.
Ela: Filme pobre, escuro.
Ele: Perdi meu tempo por causa de um Oscar.
Ela: Isso é coisa de comunista.
Ele: É… tem gente de esquerda nos EUA.

Barrabás, o Brasil ficou mais medíocre do que minha vã filosofia poderia imaginar. Essa é a síntese dos bolsominions.

                                                               ***************

Copiada do Congresso em Foco

Após ameaçar entregar o cargo, Guedes continua ministro

Após se encontrar a portas fechadas com o presidente Jair Bolsonaro, Paulo Guedes deixou o Palácio do Planalto ainda como ministro. Guedes ouviu apelos de Bolsonaro e dos ministros Augusto Heleno (GSI) e Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), que também participaram da reunião, para continuar no governo. Mesmo inclinado a entregar o cargo, ele resolveu continuar – até quando não se sabe – para tocar sua agenda liberal. O argumento usado para dissuadi-lo foi de que sua saída do ministério agora poderia representar o fim precoce do governo Bolsonaro.

Faça alguma coisa a favor do povo que tanto o incomoda. pique a mula e acabe com o tormento!Resultado de imagem para saída

                                                             ***************

Copiada do UOL

Aglomerações no carnaval elevam risco de disseminação de sarampo .

Mesmo??? Só de sarampo??? Cara-pálida, aglomerações fazem crescer o risco de propagação até de resfriado.

                                                             ***************

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *