O vírus e a bola. Blog do Mário Marinho

O VÍRUS E A BOLA

BLOG DO MÁRIO MARINHO

Ao contrário da irresponsabilidade mostrada pelo presidente desse nosso amado Brasil, os dirigentes de futebol (e de muitos outros esportes também) estão encarando com a devida seriedade a ameaça do Coronavírus que está chegando no Brasil.

O presidente da República, que deveria dar exemplo de homem público, preferiu a galhofa e a demagogia se juntando a seus apoiadores na tarde de domingo, em Brasília.

Desrespeitou o País, desrespeitou os médicos, os cientistas e o seu Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que, aliás, vem prestando inestimável serviço no combate à ameaça.

Ao invés de se juntar a esses profissionais sérios e competentes, preferiu o presidente se aliar ao bispo Edir Macedo que, também no domingo, pregou para os seus fiéis que o vírus não mata ninguém e que não passa de uma invenção do satanás e da mídia sensacionalista.

Eles se merecem e formam uma boa dupla.

Na manhã desta segunda-feira, dirigentes futebolístico se reuniram na sede da Federação Paulista de Futebol e decidiram paralisar o campeonato paulista. A paralisação será por tempo indeterminado, até que as ameaças da praga sejam vencidas.

No domingo, a Confederação Brasileira de Futebol já havia anunciado a suspensão das atividades futebolísticas sob sua responsabilidade.

Assim, estão suspensos a Copa do Brasil, Campeonatos Brasileiros Femininos A1 e A2, Brasileiro sub 17 e Copa do Brasil sub 20.

Também hoje a Federação Gaúcha paralisou o seu Campeonato. A Federação Mineira tomou idêntica medida com validade a partir de amanhã.

A Liga do Nordeste se reúne amanhã para decidir o destino da Copa do Nordeste.

É o bom senso e o juízo imperando.

Corinthians: o
mesmo do mesmo.

Mais uma vez, o Corinthians leva um gol de um adversário mais fraco e não consegue virar o placar.

O jogo de ontem, em Itaquera, sem público (como mandam o juízo e o bom senso) contra o Ituano ameaçado de rebaixamento, foi uma repetição do que o Corinthians tem feito desde que Tiago Nunes assumiu o comando técnico, no começo deste ano.

O time tem inútil domínio de bola, chega até o gol adversário e não consegue marcar.

Quando isso acontece uma ou duas vezes, pode-se colocar a culpa no azar.

Mas, a repetição como se fosse um CtrlC-CrtlV, deixa o torcedor exasperado e, o que é pior, sem a menor esperança de que alguma coisa vai mudar.

Isso porque se falta um esquema de jogo, um técnico vibrante fora de campo, capaz de incendiar o seu time, o que se vê é total apatia dos jogadores em campo.

O time toca a bola como se estivesse vencendo por folgado placar.

Parece seguir o ritmo imposto pelo sonolento Luan, anêmico a passear em campo, que não vibra nem com o próprio gol.

A paralisação do Paulistão pode livrar o Timão do vexame de não se classificar entre os dois finalistas do Paulistão.

Agora, haverá tempo para treinos.

Mas será apenas falta de treinos o problema do Corinthians?

Triste
sina da Raposa

Nesse pedaço de mau caminho que trilha o Cruzeiro, de tantas glórias, ontem foi dia de perder para o Coimbra, pelo campeonato Mineiro.

O Mineirão, após 9 rodadas, é liderado pelo meu América, seguido do Tombense, Atlético e Caldense. Só então, em 5º lugar aparece o Cruzeiro.

Ontem, ao saber de mais esse tropeço do Cruzeiro, liguei para dois ou três amigos e pedi informações sobre o Coimbra.

Mas eles, assim como eu, não faziam a menor ideia de quem é esse Coimbra. O jeito foi recorrer ao professor Google que me informou ser um time da vizinha cidade de Contagem, novato na Primeira Divisão mineira.

Ah!, bem.

E ontem conseguiu sua primeira vitória na Primeira Divisão.

Veja os gols do Fantástico:

—————————————————————————————–

Mário Marinho – É jornalista. É mineiro. Especializado em jornalismo esportivo, foi FOTO SOFIA MARINHOdurante muitos anos Editor de Esportes do Jornal da Tarde. Entre outros locais, Marinho trabalhou também no Estadão, em revistas da Editora Abril, nas rádios e TVs Gazeta e Record, na TV Bandeirantes, na TV Cultura, além de participação em inúmeros livros e revistas do setor esportivo.

(DUAS VEZES POR SEMANA E SEMPRE QUE TIVER MAIS
 NOVIDADE OU COISA BOA DE COMENTAR)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *