Mais gastos, mais custos, demissões, e tudo que foi prometido que não ocorreria

Ontem (10), ao comentar as declarações do criador do “Somos 70%”, o Mirando esqueceu-se de incluir entre os presidenciáveis um potencial candidato, Sergio Moro, que certamente fragmentará mais ainda a oposição ao coiso nas eleições de 2022. Este artigo publicado na Folha de S.Paulo, pág A2, que o inclui, aumenta mais ainda a chance de reeleição do desprezível atual ocupante do cargo: “A ajuda de Lula e Moro”.

https://www1.folha.uol.com.br/colunas/eduardo-scolese/2020/06/lula-e-moro-ajudam-bolsonaro.shtml

 Há em andamento uma tentativa de um grupo de advogados de impedir que Sergio Moro seja inscrito na OAB e que possa advogar. Os argumentos apresentados são os mais variados, vão desde desrespeito a advogados quando juiz, ações ilegais etc. etc. etc. Interessante, nenhum deles se preocupa com o fato de, em defesa de seus clientes sabidamente culpados e que os pagam regiamente com dinheiro desviado, afirmam, apesar de todas as provas em contrário. serem inocentes e, se condenados, que foram injustiçados. O presidente da Ordem, Felipe Santa Cruz, ao contrário desses, declara que nada impede que Moro receba sua carteirinha. E Santa Cruz sempre foi crítico feroz do ex-juiz. Parafraseando Nelson Gonçalves em seu grande sucesso, “Boemia”, “Hipocrisia, aqui me tens de regresso…”

 A advogada do coiso, Karina Kufa, em entrevista ao Estadão declarou que o “presidente não pode ser responsabilizado por atos dos eleitores. Imagina ter que controlar o que mais de 57 milhões de eleitores que votaram nele fazem”, isso quando todos sabem que foi montado em conjunto com os responsáveis pela campanha eleitoral, entre eles os 00s filhos, um esquema criminosos de disparos de fake news por meio de robôs, tudo financiado por um grupo de empresários cujos nomes são conhecidos. Mas isso pode, não é srs. opositores de Moro, não os choca, mentiras não os incomodam, não é? Tivesse a causídica mais um K no nome e a abreviação seria um bom comentário para a sua entrevista, kkk. O grande erro que Moro cometeu foi ter aceitado fazer parte deste desgoverno, como juiz tudo o que fez foi referendado pelo TRF-4.

 (CACALO KFOURI)

                                                         ***************

 

Como sabiamente dizia Bertoldo Brecha, personagem de Mário Tupinanbá na inigualável Escolinha do Profesor Raimundo, a original, “A inguinorânça é que astravanca o pogressio”. Será a “fisolofa” uma influencer?

                                                          ***************

Copiadas do UOL

Helder Barbalho é alvo de operação da PF que apura compra de respiradores

A PF (Polícia Federal) e o MPF (Ministério Público Federal) cumprem hoje mandados de busca e apreensão contra o governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), e outras 14 pessoas numa operação que apura supostos desvios de recursos e fraudes em processos de licitação para compra de ventiladores pulmonares destinados ao combate à covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, no estado.

Puxa… que surpresa, jamais pensei que o filho do “impoluto” Jader Barbalho fosse capaz de se envolver em negócios escusos…

Para quem não lembra, alguns detalhes de quem é o papai dele: alvo de várias denúncias de desvio de verbas públicas da Sudam, do Banpará e do Incra, chegou a ser preso por alguns dias. Renunciou, em 2001, ao cargo de senador para não ser considerado inelegível. No caso da Sudam, a acusação, segundo Gilmar Mendes, prescreveu.

 Existe sobre ele um documentário norte-americano de nome “Manda bala”, “Send a bullet” no original que mostra o seu poder político, sua influência nos meios de comunicação paraense  e seu envolvimento no escândalo da Sudam.

Os Barbalhos são sinais evidentes de que o país não mudará nunca, todos os paraenses sabem quem são e continuam a votar neles. Jader, que renunciou ao cargo de senador em 2001, no ano seguinte a candidatou-se e deputado federal e foi eleito. Em 2010, elegeu-se senador; os paulistas reelegeram Paulo Maluf dezenas de vezes apesar de conhecerem seu histórico desonesto; a mesma coisa repetiu-se na Bahia com Antônio Carlos Magalhães e família. Lula, apesar de já condenado e à espera de outras penas ainda tem força eleitoral. Isso sem dizer que o coiso foi eleito apesar de sua triste biografia. Tem jeito um país com eleitores deste tipo?

 Marielle: preso em casa de R$ 1,9 mi, bombeiro será investigado por lavagem

 O sargento do Corpo de Bombeiros Maxwell Simões Corrêa, 44, preso na manhã de hoje por suspeita de ter ajudado a ocultar armas de um dos acusados de matar Marielle Franco, em março de 2018, mora em um condomínio de luxo do Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio de Janeiro.

 É, de água ele entende…

                                                        ***************

Copiada do Catraca Livre

Pazuello prova que faltou às aulas de Geografia e vira meme na web

 O ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello provou, nesta terça-feira, 9, que faltou às aulas de Geografia nos tempos que frequentou a escola ao dizer que as regiões Norte de Nordeste tendem a sofrer mais com o coronavírus porque estariam ligadas ao inverno do Hemisfério Norte e virou meme na web.

“Para efeito da pandemia, podemos separar o Brasil em Norte e Nordeste, que é a região que está mais ligada ao inverno do Hemisfério Norte, são as datas do Hemisfério Norte que temos inverno, e ao Centro-Sul, Sudeste, Centro-Oeste, que é a região que tá mais ligada ao inverno do Hemisfério-Sul”, disparou Pazuello.

Diferente(mente) do que afirmou Pazuello, O (Norte e Nordeste do Brasil ficam no Hemisfério Sul. O inverno nas regiões acontece no meio do ano, com inicio em junho. No Hemisfério Norte, o inverno começa em dezembro.)(*)

▷ Bonecos de Neve: Imagens Animadas, Gifs Animados & Animações ...(*) Aqui tem um erro, o problema não é este. Realmente há uma pequena parte da Região Norte do país no Hemisfério Norte, mas como bem disse Jorge Ben Jor – só Ben quando compôs a música -, “Moro num país tropical”. A menos, lógico, que a Terra seja realmente plana, aí vale tudo.

 Se tivesse composto agora é provável que atualizasse para “Moro num país tropical, abençoado por Deus e atazanado(#) pela zeralhada”.

(#) Corruptela de atenazar.

O que se espera de um militar, entre outros detalhes, é que conheça Geografia, pois participa da defesa do território nacional. Pazuello, militar e médico, andou matando aula na academia, tomara que, para o bem de seus eventuais pacientes, que não tenha feito o mesmo da faculdade de Medicina e que conheça o corpo humano melhor do que as características do Brasil.

                                                        ***************

Copiadas da Folha

Adeus às armas

 Se obter(!!!) o registro de advogado, Moro poderá entrar no lado claro da cena

(!!!) Barrabás, mein Got, mon Dieu, sr. editor cara-pálida! Se obter??? Que o bom e velho futuro do subjuntivo se obtiver? Na versão digital a barbaridade foi corrigida, na impressa, só com Erramos no dia seguinte.

PSL é partido que mais cresce mesmo(*) após saída de Bolsonaro

O PSL foi o partido que mais ganhou novos filiados Brasil na janela partidária de abril deste ano, última antes das eleições municipais.

Dados levantados pela Folha no sistema do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) apontam que o PSL tinha 344,3 mil filiados em março deste ano e cresceu para 435,9 mil em abril, um avanço de 27%. ​

(*) Mesmo ou por quê? Continua um valhacouto de gente de extrema direita, reacionária e violenta, que sofreu uma pequena em número, porém considerável no efeito, diminuição de seus iguais quando da saída da zeralhada.

 TJ-SP usa verba emergencial ‘invisível’ para petiscos e regalias a desembargadores

De forma oculta ao público, o Tribunal de Justiça de São Paulo tem usado uma verba reservada a situações urgentes e imprevisíveis para comprar petiscos e outras regalias aos seus 360 desembargadores.

Segundo documentos obtidos pela Folha, a corte paulista se vale da chamada “verba de adiantamento” para fazer compras que incluem produtos como queijo maasdam holandês (R$ 67,90 o quilo) e salame hamburguês Di Callani (R$ 60,25 o quilo), além de frutas como kiwi gold (R$ 59,99 o quilo).

No documento, é citado que, após uma alteração de fornecedor em maio de 2019, os valores mensais dos produtos tiveram um aumento de 17%. Isso aconteceu, por exemplo, com a alface americana (subiu de R$ 2,91 para R$ 4,49)(*), cebola (de R$ 3,60 para R$ 4,99), melão (de R$ 7 para 8,99) e tomate (de R$ 4,40 para R$ 8,99)(*).

Fruits Dance GIF - Fruits Dance Party - Discover & Share GIFs(*) No sacolão onde faço compras a alface americana custa R$ 2,49, o tomate italiano R$ 5,90.

Há certas categorias que não precisam de ajuda exterior para que sejam desmoralizadas, seus líderes se encarregam disso. É triste escutar o silêncio ensurdecedor  dos que discordam e não se manifestam.

 Santander planeja demitir 20% dos funcionários no Brasil durante a pandemia de Covid

Banco nega percentual, que equivale a 9,4 mil funcionários, e diz que iniciou uma reavaliação da produtividade nas equipes, como ocorre em qualquer negócio

As demissões ocorrem durante a pandemia do novo coronavírus mesmo após o banco ter assinado um compromisso público de que não demitiria enquanto perdurasse a crise.

Ah, quero ver o que acontecerá com um cliente que não cumpra uma, umazinha só, data de vencimento.

Este será o efeito mais devastador, com exceção, é claro, da doença em si, da pandemia, as empresas – todas – descobriram que podem encolher seus quadros, os bancos principalmente. Mas continuarão a divulgar anúncios em que declaram ser bonzinhos e preocupados com o próximo.

                                                           ***************

Copiadas do G1

MP que permite a Weintraub escolher reitores temporários durante a pandemia pode atingir 19 universidades e institutos federais em 2020

A Andifes [Instituições Federais de Ensino Superior](*) informou que vai contestar a medida, por ferir a autonomia universitária. O Conif [Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica](*) afirmou que está articulando com partidos políticos uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a inconstitucionalidade da medida.

(*) O Mirando não tem por hábito publicar os extensos das siglas, mas estas duas não há como não contar quais são. Admito, nem eu sabia…

Mais uma MP sem sentido que será derrubada no STF. Desconfio que o coiso faz isso de propósito, para entupir a pauta da Corte e não permitir que julgue causas mais importantes.

Homem é preso após invadir a TV Globo e fazer repórter refém; ninguém se feriu

Com uma faca, ele rendeu a repórter Marina Araújo e exigiu falar com a apresentadora Renata Vasconcelos. PM fez a negociação e, após a chegada de Renata, homem se entregou. A Globo repudia com veemência todo tipo de violência. Foi obra de alguém com distúrbios mentais, sem nenhuma conotação política.

É claro que nos primeiros momentos nestes tempo em que tudo é motivo para suposições surgiram as mais variadas teses sobre o que levou o lunático a invadir o prédio da emissora.

Seguindo instruções do comandante Heitor, Renata compareceu ao local onde estava(*) Marina e(*) o invasor.

(*) Cara-pálida, repare bem, tem um “e” logo à frente, portanto, estavam.

Ex-policial acusado de envolvimento na morte de George Floyd é solto sob fiança

O ex-policial Thomas Lane, 37 anos, um dos quatro acusados de participação na morte de George Floyd, foi solto nesta quarta-feira (10) após pagar fiança no valor de US$ 750 mil — mais de R$ 3,7 milhões.

Caramba, como ganham bem os policiais de Minnesota!

Bolsonaro recria Ministério das Comunicações e coloca deputado Fábio Faria como ministro

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta quarta-feira (10) em uma rede social a recriação do Ministério das Comunicações.

Pouco depois do anúncio, o “Diário Oficial da União” publicou a nomeação do deputado Fábio Faria (PSD-RN) como ministro. O secretário-executivo da pasta será Fábio Wajngarten, atual secretário de Comunicação Social do governo.

Mais uma mentira bolsonaresca, na campanha eleitoral ele disse que o governo teria “no máximo” 15 ministérios” e, por enquanto, são 23. O deputado é casado com uma das filhas do dono do SBT, o que significa que “Silvio Santos vem aí!”. O coiso comprou uma TV.

                                                           ***************

Copiada da Revista Época

Após pergunta sobre militares, EBC afasta repórter de cobertura de covid.

A Empresa Brasil de Comunicação afastou da cobertura do Ministério da Saúde na quinta-feira 4 um jornalista que questionou a pasta sobre a nomeação de militares sem formação médica.

Um repórter da Rádio Nacional, que cobria Ministério da Saúde há quatro meses, desde o começo da pandemia no país, questionou:

“Quais critérios estão sendo usados para ocupação dos cargos comissionados no Ministério da Saúde? Militares e empresários sem nenhuma experiência em saúde pública terão condições de combater a maior pandemia dos últimos 100 anos?”.

Como de praxe, as perguntas são enviadas por WhatsApp a um grupo gerenciado pela assessoria de imprensa do ministério. Alguns questionamentos são respondidos nas entrevistas coletivas diárias.

Uma hora e meia após enviar a pergunta, o jornalista recebeu uma mensagem de uma chefe da estatal. Foi comunicado de que não cobriria mais o Ministério da Saúde.

E a pasta ignorou o questionamento do repórter da EBC na entrevista coletiva.

Sendo justo, o procedimento não é inédito, o único período em que a empresa não cedeu a pressões, e houve enormes, do Palácio foi quando ainda tinha o nome de Radiobrás – na época, tinha o acento – e era presidida por Eugênio Bucci. Quem quiser conhecer em detalhes o que aconteceu procure pelo livro “Em Brasília, 19 horas” de autoria dele.

                                                           ***************

1 thought on “Mais gastos, mais custos, demissões, e tudo que foi prometido que não ocorreria

  1. Cavalo, Pazuello não é formado em medicina. O curso da AMAN forma em Ciências Militares.
    O policial de Minesota teve a fiança paga por meio de crowfunding (vaquinha).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *