A charge ( censurada ) e que roda o mundo cada vez mais rápido. Mais outras coisices

 Mais uma vez os fatos reforçam a ideia de Einstein, que dizia somente ter certeza a respeito da infinitude da burrice humana. Qual foi o resultado da ordem do coiso para que seu ministro que deveria ser da Justiça  pedisse que a PGR investigasse o jornalista Ricardo Noblat por haver divulgado a charge de Renato Aroeira em que há uma suástica associando o seu chefe ao nazismo? Todos os jornais – e este Mirando – divulgaram a ilustração.

Vida de alguem // Carrinho de bate-bate serve para: Em se falando em PGR, que figura estranha a do seu ocupante Aras, silenciou diante do incentivo do coiso para que UTIs fossem invadidas – se isto não é pedir invasões, alguém que explique: “Tem um hospital de campanha perto de você, tem um hospital público, arranja uma maneira de entrar e filmar. Muita gente está fazendo isso, mas mais gente tem de fazer, para mostrar se os leitos estão ocupados ou não, se os gastos são compatíveis ou não” – mas mandou ofícios aos procuradores-gerais de Justiça de São Paulo e do Rio de Janeiro para apurar invasões de hospitais em seus estados sendo que já estão sendo investigadas. Parece mesmo ser o procurador-geral do coiso.

 Eis o que Diego Giromini pensa a respeito de sua irmã Sara Winter,  musa do coiso:

“Como sou brasileiro e eu quero um país melhor, a notícia foi extremamente positiva. É uma pessoa totalmente descontrolada, só quer aparecer na mídia. Não serve para nada. É uma sociopata. Ela tem a cabeça da Suzane von Richtofen”.

Diego diz que as ações da irmã são movidas pelo desejo por dinheiro e fama. “É desse jeito desde pequenininha”.

Em sua visão, Sara “quis ser presa” e bolou uma estratégia para isso. “Ela já deve saber quantos dias vai ficar presa, vai ficar mais famosa. Ela vai querer ser chamada de presa política”, completa. (N.R. É o que o Mirando sustentou faz tempo).

“Meus pais não vão ficar felizes como eu, mas acho que também não vão ficar chateados, porque já esperavam isso dela. Até já cansaram”, explica. “É uma pessoa extremamente agressiva. Você dá um conselho para ela e ela acha que não é certo, ela começa a brigar, a agredir até fisicamente. É uma pessoa que não pode viver na sociedade”.

“A cada 15 dias a Sara exige que a minha mãe vá até Brasília para fazer stories no Instagram. Ela não pede, exige. Os seguidores cobram ‘cadê seu filho’. Quando ela se sente ameaçada, exige que minha mãe vá até lá levar o filho dela. E então minha mãe fecha o estabelecimento dela e viaja para lá”.

Segundo ele, o menino é criado pelos avós desde que nasceu.

Que bom para o menino!

(CACALO KFOURI)

                                                               ***************

Depois dizem que é má vontade da imprensa, mas eles só querem encrenca. Repare bem, leitor, “Uso das redes socais”, é pra partir direto pro pugilato, sem conversa! É documento oficial do Ministério da Saúde, aquele cujo chefe pensa que a Região Norte do país sobre influência do inverno no Hemisfério Norte.

                                                               ***************

                                                             Rir para não chorar:

 Bolsonaristas atribuem ao general Ramos versões sobre demissão de Weintraub

Nem eles se entendem mais. E vai piorar, por enquanto o general veste farda, mas já avisou que vai trocá-la por um pijama.

Mourão diz ver exagero em operação contra aliados de Bolsonaro e defende superação de ‘ruídos’

Fácil acabar com os ruídos, mordaça no Planalto inteiro!

 Arthur Lira (PP-AL): O centrão é uma força moderadora

 E “vendedora” de apoio também, né mermo?

 Não tem como cassar Bolsonaro por uma página no Facebook, diz advogada

A advogada é a KK…k (Karina Kufa, só falta um k para um auto comentário, a risada)▷ Risada: Imagens Animadas, Gifs Animados & Animações – 100 ...

 Deputado investigado diz que fogos no STF faziam parte de ‘ato religioso’

 O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), um dos alvos de uma operação da Polícia Federal (PF) que investiga o financiamento de grupos que promovem atos contra a democracia, declarou ter “certeza” que os ataques com fogos de artifício direcionados ao STF (Supremo Tribunal Federal) no final de semana faziam parte do término de um “ato religioso” e que não pode ser generalizado.

Olha outro leitor da versão especial da Bíblia dos líderes “evangélicos” Malafaia, RR Soares, Valdomiro, Edir e Feliciano.

                                                              ***************

Copiadas do UOL

Gabinete do ódio é piada, conheço os meninos, diz advogada de Bolsonaro

A advogada de Jair Bolsonaro (sem partido) na Justiça Eleitoral, Karina Kufa disse hoje no UOL Entrevista que o chamado gabinete do ódio virou uma piada entre apoiadores do presidente. “Essa história do gabinete do ódio acabou virando uma piada(*) no nosso meio”, afirmou Kufa na entrevista ao colunista do UOL Josias de Souza.

(*) KKk! Só errou a respeito do que é a piada… Ah, e o que significa “no nosso meio”?

Ilustres causídicos signatários do documento pedindo que a OAB não conceda a carteirinha para que Sergio Moro possa advogar, isto não os indigna? É comportamento normal e louvável, totalmente ético, né mermo?

‘Psicose’ completa 60 anos; filme traumatizou a protagonista até sua morte

Bastaram 45 segundos para mudar a vida de Janet Leigh. Esse foi o tempo que levou para Marion Crane ser esfaqueada no filme “Psicose”. E, hoje, o longa de Alfred Hitchcock completa 60 anos. Não foi apenas no cinema que a cena foi marcante. Ela mudou completamente a vida de Janet também. A cena fez com que a atriz recebesse cartas ameaçadoras até sua morte, em 2004.

Recebi muitas cartas dizendo que fariam o mesmo que Norman Bates fez com Marion Crane. Agora não recebo tantos quantos no começo, mas devo dizer que foi bastante sério. Até o FBI teve que intervir. Felizmente, nada aconteceu.

É só para mostrar que aqueles que não batem bem dos pinos sempre existiram, o que a internet faz é dar  mais velocidade para eles propagarem o seu problema mental.

 Alvo de ação da PF, blogueiro diz que Alexandre de Moraes é ‘verme imoral’

 O blogueiro Allan dos Santos, do canal Terça Livre, chamou o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes de “verme imoral” e disse que a Corte está passando vergonha.

Parece que uma característica comum dos coisiformes é a inversão total de valores, não é a Corte que passa vergonha.

Se este valentão agir como seus párias ops! pares, na hora em que o caldo entornar vai negar ter dito tudo o que falou ou declarar que foi religioso.

 Bolsonaro fala em tomar ‘medidas legais’ após ações do STF contra aliados

Bolsonaro afirmou que não pode “assistir calado” enquanto “direitos são violados e ideias são perseguidas”. Por isso, vai tomar “todas as medidas legais” para proteger os brasileiros.

Existe uma medida legal para proteger o Brasil e os brasileiros – legal no sentido de ótima, excelente, boa ideia! – que pode tomar, sr. coiso, renuncie!

O país passando por uma pandemia sem precedentes e a única preocupação do ocupante da Presidência é a tentativa inócua de proteger seus selvagens aliados com medidas legais, pois tudo o que está sendo feito em relação a eles é dentro das leis, nem passa perto de suas preocupações governar.

                                                              ***************

Copiada do Sul21

Bolsonaro não assina acordo de 132 países contra propagação de fake news durante a pandemia

Mesmo??? Por que será, hein?

                                                              ***************

Copiadas do Estadão

(Frente à)(*) pandemia, Azul e Latam fecham acordo para compartilhamento de voos

‘Furyo’, no Belas Artes Drive in

(Face à)(*) demanda, o Belas Drive-in abre agora as vendas para mais duas semanas, de 14 a 26 de julho.

(*) Duas vezes o mesmo erro – recorrente – com palavras diferentes, nenhuma das duas formas existe na língua portuguesa, caras-pálidas, o certo é diante da, ante a.

                                                              ***************Grease Drive In GIFs | Tenor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *