Nós, os malucos que temos de pagar tantos impostos.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, com sua finesse de brucutu habitual, ontem (5), em audiência virtual com a comissão do Congresso que trata da reforma tributária, declarou que “chamar tributo de CPMF é maldade ou ignorância”, ou seja, reduziu o Brasil a um aglomerado de gente ruim ou parva, pois o imposto que quer criar nada mais é do que o velho com nome novo.

 Mas, uma coisa acertou, o sistema tributário brasileiro é um manicômio, é confuso, incompreensível, injusto, ineficaz e custa caro às empresas, exige que tenham departamentos contábeis muitas vezes do tamanho dos setores produtivos.

 A corrupção, tanto como a incompetência, mata, tudo indica que foi ela a maior causadora da destruição acontecida no Líbano. Na página A14 do Estadão (6), o artigo “Explosão de incompetência do governo libanês” prova. https://internacional.estadao.com.br/noticias/geral,analise-explosao-de-incompetencia-do-governo-libanes,70003389073

 O jornal “O Globo” (5) publicou uma entrevista com o indigitado 01, primogênito do coiso, que deve ser lida de duas formas, o que está declarado e o omitido, ficou nas entrelinhas. Por exemplo, neste trecho: “Eu pego dinheiro meu (que saiu dos salários dos meus funcionários), dou para ele (que fica com uma parte), ele vai ao banco e paga para mim. https://oglobo.globo.com/brasil/entrevista-exclusiva-flavio-bolsonaro-admite-que-queiroz-pagava-suas-contas-pessoais-24568332

 (CACALO KFOURI)

                                                                 ***************

                                                                ***************

Copiadas do UOL

 Líbano sabia há 6 anos dos riscos do nitrato de amônio em Beirute, diz TV

 Autoridades libanesas tinham conhecimento do armazenamento do nitrato de amônio há pelo menos seis anos e, apesar de alertas, pouco fizeram em relação a isso, de acordo com cartas obtidas pela emissora de TV Al Jazeera. Uma explosão na região portuária de Beirute deixou mais de 100 mortos e milhares de feridos, ontem, e a substância é a principal suspeita de causar o incidente.

Se a população em sua maior parte desconhecia a presença de 2,75 toneladas de nitrato de amônio, – material usado em bombas e fertilizantes -, autoridades locais tinham conhecimento que a carga estava armazenada em um hangar da cidade.

Pelo jeito, incompetência das “otoridades” não é exclusividade brasileira, aguardemos para ver se a impunidade também não é.

 Toron elogia Aras e diz que Lava Jato colocou delatores ‘de joelhos’

O advogado criminalista Alberto Toron, conhecido por atuar em casos de repercussão nacional e em processos decorrentes de grandes operações como a Lava Jato, elogiou hoje o procurador-geral da República, Augusto Aras, citando que ele está agindo com “correção” e atuando para abrir essa “caixa-preta que é a Lava Jato”.

O elogio é a confirmação de que Aras, aras, vejam só está errado. Já é efeito da conversa dele no site do PT com advogados do Prerrogativas.

Em entrevista a “O Globo” (publicada na abertura do Mirando), 01 também teceu loas ao PGR, mais uma confirmação de que ele está querendo destruir a operação.

Preso com 37 kg de droga na Espanha, sargento segue na FAB e recebe salário

Segundo informações levantadas pelo UOL junto ao Portal da Transparência, apesar de estar detido e sem trabalhar desde junho de 2019, o militar recebe brutos R$ 8,1 mil mensais, incluindo verbas indenizatórias. Em novembro, o valor bruto chegou a R$ 14,5 mil, devido à gratificação natalina. Ao longo de todo esse período, seus salários somaram cerca de R$ 97,5 mil.

E ainda há quem estranhe o grande número de militares que recebe auxílio emergencial… Este é com conhecimento da FAB que recebe o indevido. Na outra encarnação voltarei milico…

                                                                ***************

Copiada da Folha

Líbano ordena prisão domiciliar para autoridades do porto onde ocorreu explosão

O governo libanês determinou nesta quarta (5) que as autoridades do porto de Beirute responsáveis pelas operações de armazenamento e segurança sejam colocados em prisão domiciliar. Não foi informado quantas pessoas serão alvo dessa medida.

A suspeita (é de que)(*) a negligência dessas autoridades tenha contribuído para a megaexplosão ocorrida em Beirute na terça (4), que matou ao menos 135 e feriu mais de 5.000 pessoas.

(*) Cara-pálida, a suspeita é que ou a de que, capisce?

 Ao longo dos últimos anos, chefes da alfândega libanesa enviaram ao menos seis cartas à Justiça e a outras autoridades pedindo que fosse dado um destino ao material, mas não obtiveram respostas.

Não precisa investigar muito, né mermo? É só levantar os nomes dos que receberam as cartas e nada fizeram.

                                                               ***************

Copiada do Dr Jairo Bauer

 “Sou viciado em sexo e minha mulher se irrita; o que fazer?”

Fácil, vira mórmon ou muçulmano e poderá ter mais de uma, mas escolha direito as outras, tá?

                                                               ***************

Copiada do UNIVERSA

Polícia investiga postagem expondo advogada que fazia ioga no RJ

A advogada Mariana Maduro foi exposta na internet após ser filmada enquanto praticava ioga na Lagoa Rodrigo de Freitas, zona sul do Rio de Janeiro. No vídeo publicado no sábado (1°), dois homens trocam um diálogo de cunho sexual.

As imagens foram gravadas pelo empresário Ricardo Roriz, que tem uma loja de artigos militares, e mostram uma conversa dele com um homem identificado como Celsão, ambulante na Lagoa Rodrigo de Freitas, segundo a Polícia Civil.

Enquanto Mariana Maduro se prepara para fazer uma das posições do ioga, Celsão diz: “Ela tá plantando bananeira, vê se ela está plantando? …a hora que ela plantar, eu vou tirar [foto] com a água para fazer anúncio da água.” Ricardo Roriz responde: “Ô Celsão, tu fica disfarçando, vai botar água ali para ficar fingindo, é?”. E continua: “Celsão, tu não vale p*** nenhuma.”

Quando Mariana inicia o movimento que a deixa de pernas para o ar, Celsão aponta o celular para ela e Ricardo provoca: “Ó lá o que é um velho tarado”. Ele ainda aproxima a imagem com um zoom. “Celsão, tu é o maior doente sexual, hein Celsão. Tu fica só de voyeur.”

A resposta vem com uma frase e um gesto com as mãos indicando o movimento sexual da masturbação: “Eu gosto é para blau blau”, diz o homem identificado como Celsão.

Ricardo Roriz, segundo a delegada, contou que gravou o vídeo quando estava levemente embriagado.

É uma coletânea de absurdos, o tal do Celsão, o dono de loja de artigos militares Ricardo com sua desculpa esfarrapada e o Universa, que reproduziu o vídeo, ocasionando mais visualizações ainda, crime do qual o Mirando seria cúmplice se publicasse o link.

                                                             ***************

Copiada do G1

 Facebook remove publicação de Trump pela primeira vez

O Facebook disse na quarta-feira (5) que removeu uma publicação do presidente dos EUA, Donald Trump, de um trecho de uma entrevista à Fox News, em que ele diz que as crianças são “quase imunes” ao coronavírus.

“Este vídeo inclui falsas alegações de que um grupo de pessoas é imune ao covid-19, o que é uma violação de nossas políticas sobre desinformação prejudicial ao(!!!) COVID”, disse o porta-voz do Facebook, Andy Stone, segundo o jornal norte-americano The Washington Post.

 (!!!) Caramba, a esta altura do campeonato nem tradutor nem editor ainda não notaram que é a covid, feminino, uma gripezinha, de acordo com o coiso?

Brasileiros e brasileiras, é censura…?

                                                            ***************

Copiada do BLOG DA CRISTIANA LÔBO

O duelo de Lira e Maia

Tal como a conhecida terceira lei de Newton, aquela que diz que toda ação gera uma reação na mesma intensidade mas em sentido contrário(*), assim tem sido o duelo entre o líder do PP, deputado Arthur Lira (AL), conhecido também como “líder informal” do governo Bolsonaro, e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

(*) Parabéns, Cristiana! Noventa por cento dos dizentes erram a definição, boquejam igual em vez de “de mesma intensidade” e de sentido contrário. Como poderia ser igual se tem outro sentido?

É a tal da situação “egípcia”, é mais do que evidente que Maia sempre soube quem é Lira e fingiu que não. Maia repete o caso Mandetta, ex-ministro da Saúde, vive-se momento tão podre que até pecados de certas pessoa são relevados.

                                                            ***************

Copiadas do Estadão

 Especialistas não veem novos picos da doença

 Avaliação (é de que)(*), com a reabertura gradual do comércio, pode haver aumento de casos, que tendem a diminuir depois

(*) Não, cara-pálida, é que ou a de que.

Já assistimos a esse filme

A sensação é (*) de déjà vu. (…). A maioria aplaude; os críticos ora são ignorados, ora taxados(!!!) de pessimistas,

(*) Aqui não precisa do “a”.

 (!!!) Não, cara-pálida, taxar é cobrar imposto, tributo, as pessoas são tachadas. Veja o que o “Uáis”, o “Orélio” e, excepcionalmente, até o Volp, que não é léxico, nos contam:

1 Uso: formal.

pôr censura ou crítica em; desaprovar

Ex.: t. um presente de um admirador

 transitivo direto predicativo e pronominal

2 pôr 1tacha em (alguém, algo ou em si próprio), apontar-lhe defeitos; acoimar(-se)

Exs.: tachou-o de insensível; tachava-se de inseguro

 Em reunião com Fachin, evangélicos afirmam que punir abuso de poder religioso é ‘ativismo judicial’

Em reunião reservada com o vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Edson Fachin, deputados da Frente Parlamentar Evangélica alegaram que incluir o abuso de poder religioso como motivo para a cassação de políticos é “ativismo judicial”. O encontro do ministro com os parlamentares ocorreu a distância, por meio do programa de videoconferências, na noite desta quarta-feira (5).

Ah, sei, sei, mas abuso do ativismo enganatório pode, né mermo?

                                                            ***************

3 thoughts on “Nós, os malucos que temos de pagar tantos impostos.

  1. Na matéria “BLOG DA CRISTIANA LÔBO – O duelo de Lira e Maia”, você deu parabéns pelo acerto para a Cristina e não Cristiana.
    Carlos Astolpho

  2. Em Beirute, são 2,75 toneladas de nitrato de amônio, usado em bombas e fertilizantes, presentes em zona portuária.

    Por aqui, são 23 ministros, um PGR, o energúmeno no Palácio do Planalto e seus 3 zeros à esquerda, todos usáveis em bombas e fertilizantes, encontrados em zona governamental.

    Conclusão: Beirute é menos insalubre à vida humana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter