Mulher-Laranja

Depois da melancia e samambaia, a Mulher-Laranja. E a mira do Cacalo

Desde a semana passada está em destaque uma barbaridade, uma criança de 10 anos de idade, no Espírito Santo (!!!), estuprada por um tio a partir dos 6 anos, engravidou, e discute-se a questão se ela tem o direito de abortar, tendo como influência importante o ponto de vista religioso. Que raios de amor e respeito cristãos são estes que não levam em consideração a destruição da vida futura desta criança, obrigada a parir o fruto de uma violência insana que será a razão pela qual nunca esquecerá o sofrimento por que passou? “Cristãos” hipócritas e com dificuldade de intelecção, até hoje não perceberam o conteúdo simbólico e de época – assim como os canceladores do passado atuais fazem – dos livros que consideram sagrados. Mais uma vez, recorro à canção “It ain’t necesseraly so”, da ópera moderna “Porgy and Bess”, de autoria dos irmãos George e Ira Gershwin:

 It ain’t necessarily so
It ain’t necessarily so
The t’ings dat yo’ li’ble
To read in de Bible,
It ain’t necessarily so.
Li’l David was small, but oh my !
Li’l David was small, but oh my !
He fought Big Goliath
Who lay down an’ dieth !
Li’l David was small, but oh my !
Wadoo, zim bam boddle-oo,
Hoodle ah da wa da,
Scatty wah !
Oh yeah !…
Oh Jonah, he lived in de whale,
Oh Jonah, he lived in de whale,
Fo’ he made his home in
Dat fish’s abdomen.
Oh Jonah, he lived in de whale.
Li’l Moses was found in a stream.
Li’l Moses was found in a stream.
He floated on water
Till Ol’ Pharaoh’s daughter,
She fished him, she said, from dat stream.
Wadoo …
Well, it ain’t necessarily so
Well, it ain’t necessarily so
Dey tells all you chillun
De debble’s a villun,
But it ain’t necessarily so !
To get into Hebben
Don’ snap for a sebben !
Live clean ! Don’ have no fault !
Oh, I takes dat gospel
Whenever it’s pos’ble,
But wid a grain of salt.
Methus’lah lived nine hundred years,
Methus’lah lived nine hundred years,
But who calls dat livin’
When no gal will give in
To no man what’s nine hundred years ?
I’m preachin’ dis sermon to show,
It ain’t nece-ain’t nece
Ain’t nece-ain’t nece
Ain’t necessarily … so !

 A Igreja Católica, que durante décadas impediu a aprovação do divórcio no país, e seus aliados, o que de mais triste existe em termos de Cristianismo, os atuais “evangélicos” e a ministra Damares, desejam impor seus pontos de vista metafísicos, sem nenhum valor científico – adeptos da cloroquina religiosa – a todos os seres viventes, sem o menor respeito pelos outros que não seguem suas crendices. Sigam, têm o direito, aquilo em que acreditam, mas o Brasil é um Estado laico, deixem o próximo, aqueles que dizem amar e respeitar, em paz!

 A Justiça local autorizou o aborto, os médicos do hospital indicado recusaram-se a fazê-lo, a criança foi levada a Recife, para que fosse feito o procedimento. Houve manifestações contra e a favor da ação na porta do Centro Integrado de Saúde onde a menina foi internada. A coisiforme Sara Winter – aquela mesma do grupo fascista 300 –, cometendo mais um crime ao  violar o Estatuto da Criança e do Adolescente, divulgou o nome da criança, o que é proibido, e o local para onde foi transferida, sendo uma das (ir)responsáveis pelo tumulto.

 O jornalista Ancelmo Gois, em seu blog n’O Globo (16) informa que “É chocante saber que 680 mil servidores receberam auxílio emergencial de forma irregular e que  isto custou quase R$ 1 bilhão. Dinheiro meu, seu, nosso.”. Há outro fato chocante, que é a falta total de controle da parte do governo sobre o uso do “dinheiro meu, seu, nosso”. Como é possível à máquina estatal não saber que estas pessoas estão empregadas e não têm o direito de receber o auxílio? Descontrole total, o que explica a enorme corrupção existente no uso do dinheiro público.

 (CACALO KFOURI)

                                                             ***************

Na capa do UOL

Delegado-geral da Polícia Civil reage a tentativa assalto e fere criminoso(*)

Na capa do G1

Delegado-geral da Polícia Civil de SP sofre tentativa de assalto no Ipiranga, Zona Sul da capital

Segundo a polícia, Ruy Ferraz Fontes reagiu ao assalto e baleou o suspeito(*), que fugiu ferido.

(*) O G1 continua adepto do jornalismo vaselina, o vaselinistês. E ainda insinua que o delegado-geral atirou em alguém que pode ser inocente…                                               

                                                               ***************

Copiadas do G1

MP investiga suposta contratação de funcionários fantasmas desde o 1º mandato por Carlos Bolsonaro

 GloboNews localizou uma das funcionárias, que afirmou entregar panfletos em Nova Iguaçu. Defesa do vereador disse estar ‘empenhada em esclarecer os fatos’.

É melhor ler o texto todo, impossível resumir tantas são as falcatruas descobertas. A grande vantagem que a imprensa leva é a rapidez para ir direto ao ponto:

https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/2020/08/14/mp-investiga-suposta-contratacao-de-funcionarios-fantasmas-desde-o-1o-mandato-por-carlos-bolsonaro.ghtml

 ‘Feelings’, maior sucesso brasileiro dos anos 70, tem história de plágio e autor recluso na Itália

Loulou Gasté se tornou oficialmente coautor de “Feelings”, depois que o tribunal americano definiu que mais de 80%(*) da música foi escrito(*) por ele e não por Morris Albert.

(*) Arrááá, caiu na armadilha da concordância por proximidade, cara-pálida! Se concordou com a masculinidade dos 80% tem que fazer a mesma coisa com a pluralidade, foram escritos, se quer usar a concordância por proximidade tem de ser “da música foi escrita”.

 Cena de sexo surpreende vereadores do Rio durante reunião virtual

 Uma reunião virtual da Comissão dos Direitos da Criança e do Adolescente da Câmara do Rio, nesta sexta-feira (14), contou com uma cena de sexo, enquanto os vereadores tratavam sobre a garantia da alimentação dos alunos da rede municipal na pandemia.

Orna com o que os nobres edis fazem com os cariocas.

 Exército doa cobertores sujos e colchões rasgados a alojamento de índios com Covid

Objetos foram recolhidos e serão devolvidos. Defesa Civil diz que vai enviar 70 colchões novos.

“Eles estão inadequados, os colchões estão todos velhos, estão rasgados, cobertores todos sujos. A cama não tem condições de ser utilizada. A gente vai pedir para a coordenação recolher esse material e dar um outro destino”, afirmou.

Marechal Rondon deve ter se transformado em um ventilador na tumba de tanto que está virando de vergonha.

                                                              ***************

Copiadas da Folha

 Apoiadora de Bolsonaro antecipou contagem que levou MP-RJ a perder prazo contra foro especial a Flávio

O clique de uma simpatizante do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez com que o Ministério Público do Rio de Janeiro perdesse o prazo para recorrer contra a concessão de foro especial ao senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e acirrou um clima de desconfiança no Ministério Público do Estado.

Defensora de foro especial em favor de Flávio, a procuradora Soraya Gaia antecipou em três dias a contagem de prazo para que o Ministério Público recorresse contra a decisão de foro privilegiado ao primogênito do presidente.

Melhor que isto nem o presidente do STJ conseguiria fazer. Agora é esperar que o Conselho Nacional do Ministério Público aja rapidamente e não seja leniente como CNJ e OAB.

 A distância, ministro da Educação lidera igreja evangélica em Santos

“Logo, logo isso vai passar, para que a gente possa retomar o trabalho normal. Quero agradecer a Deus e às orações que os irmãos fizeram. Eu senti que estava de fato sendo sustentado pela minha igreja”, afirmou em mensagem exibida em um telão.

A única coisa que não lidera é o ministério para o qual foi nomeado, até o momento não se tem notícia de uma medida que seja que tenha tomado, nem que fosse mandar que fossem dadas umas palmadas em alunos rebeldes como é de seu gosto.

O cara-pálida da capa do UOL não foi capaz de copiar o título da matéria da Folha, meteu uma crase onde não tem:

“À(*) distância, ministro da Educação lidera igreja evangélica em Santos”.

(*) Para que a crase seja cabível, a distância deve ser determinada, à distância de x metros.

 Delação de Palocci sobre BTG e Lula não tem provas e foi baseada em notícias de jornais, diz PF

A Policia Federal concluiu que as acusações feitas pelo ex-ministro Antonio Palocci, da Fazenda, sobre um caixa milionário de propinas para Lula administrado pelo banqueiro André Esteves, do BTG, não têm provas e foram todas desmentidas pela investigação –inclusive em depoimentos de testemunhas e de delatores que incriminaram o PT em outros processos.

Na semana passada, o delegado Marcelo Daher encerrou o inquérito sem indiciar os acusados e afirmando que as informações dadas por Palocci em sua delação “parecem todas terem sido encontradas em pesquisas de internet”, sem “acréscimo de elementos de corroboração, a não ser notícias de jornais”.

De acordo com Daher, “as notícias jornalísticas, embora suficientes para iniciar o inquérito policial, parece que não foram corroboradas pelas provas produzidas, no sentido de dar continuidade à persecução penal”.

Ele encaminhou o resultado ao Ministério Público Federal.

Palocci ou palhaço? O ex-ministro da Economia vai ter sua pena inflacionada.

Prêmio do TJ de SP a desembargadores poderia implicar em(*) gastos de R$ 5 milhões

 (*) E o uso de “em” diante de um verbo transitivo direto implica um erro crasso, cara-pálida, implica gastos, no caso, cacófato, melhor usar causar, gerar, significar, capisce?

                                                              ***************

Copiada d’O Globo

 Flávio Bolsonaro omitiu R$ 350 mil investidos em compra de loja de chocolates, aponta MP-RJ

Investigações do Ministério Público do Rio (MP-RJ) no caso da “rachadinha” mostram que o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e sua mulher, Fernanda Bolsonaro, omitiram de suas declarações de Imposto de Renda o total de R$ 350 mil investidos na compra de uma loja de chocolates que o parlamentar possui em sociedade com o amigo Alexandre Santini desde 2014.

O crime do dia, mas ele continua com foro privilegiado, quê, no caso, deveria mudar de nome, desaforo privilegiado. O atual jogador do Corinthians, Michel Macedo, , é casado com a Mulher-Melancia, o ex,  Dentinho, é casado com a Mulher-Samambaia, já 01, para não ficar atrás, casou-se com a Mulher-Laranja.

                                                              *************** Café com bombom, por favor! - Coleções - Google+ | Gifs ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter