Olimpíada ou Olimpíadas? Por Josué Machado

OLIMPÍADA OU OLIMPÍADAS?

por Josué Machado

Não faz muito tempo, a maioria das pessoas sabia a diferença entre uma palavra e outra.

Olimpíada ou olimpíadas? Por que jornais, revistas e locutores estão utilizando OLIMPÍADA, no singular, como sinônimo de OLIMPÍADAS ou jogos olímpicos?

Antigos e respeitados dicionários como Morais, de 1813;  Domingos Vieira, de 1873; Cândido de Figueiredo e o Lello Universal, do começo do século passado, são claros ao estabelecer a diferença entre OLIMPÍADA e OLIMPÍADAS. No Aulete, por exemplo:

olimpíada – (substantivo feminino singular) “período de quatro anos que mediava entre duas celebrações consecutivas dos jogos, e era adotado pelos gregos para a contagem do tempo depois do ano 776 a.C.”

Olimpíadas – (substantivo feminino plural) “jogos olímpicos modernos, que se realizam de quatro em quatro anos, de l896 para cá.”

O Dicionário Etimológico de Antônio Geraldo da Cunha reforça a diferença.

Já alguns dicionaristas, entre eles Antenor Nascentes e Laudelino Freire, definem “olimpíada” como o Aulete e os outros, mas admitem, como segunda acepção, que a palavra no singular também pode significar “a celebração das competições atléticas de quatro em quatro anos entre esportistas do mundo inteiro”.

Os modernos Houaiss e Aurélio seguiram a tendência: OLIMPÍADAS são os jogos olímpicos, e OLIMPÍADA, o  intervalo entre eles, mas também os próprios jogos.

Somando-se os pesos e a etimologia, conclui-se que “olimpíada”  é, sem dúvida, o período de quatro anos decorridos entre duas celebrações dos jogos olímpicos.

E “olimpíadas”,  com um grande “S”, o mesmo que jogos olímpicos.

Por que então se atribui a “olimpíada” o sentido de jogos olímpicos?

Porque autores como Silveira Bueno e os lusos editores do último Morais ignoraram a diferença e aceitaram “olimpíada” como sinônimo de “olimpíadas” ou jogos olímpicos. Um fenômeno de simplificação, provavelmente forçado pelo uso popular. É a provável tendência em que talvez tenham embarcado diretores de redação para evitar dúvidas. É possível que alguns achassem complicado registrar a diferença de significado entre “olimpíadas” e “olimpíada”.

Supondo fosse esse o raciocínio, basta lembrar várias palavras que no plural têm um significado, e no singular, outro: bem (virtude), bens (propriedades); copa (taça e ramagem, topo), copas (naipe de baralho); costa (litoral), costas (dorso); féria (renda diária), férias (descanso); honra (estima), honras (cargos, dignidades); ouro (metal), ouros (naipe); zelo (esmero), zelos (ciúmes) e outras muitas.

… No entanto, pelo menos para registro histórico, vale lembrar e repetir que OLIMPÍADA é o período de quatro anos entre duas celebrações dos jogos. E que OLIMPÍADAS ou jogos olímpicos são comemorações de uma olimpíada; faziam parte da solenidade de abertura.

É possível também que os autores de um específico manual de redação tenham se distraído no exame do significado e levado outros à mesma distração.

O fato é que o poder multiplicador e simplificador de jornais, revistas, rádio e TV tende a acabar com a diferença de significado entre o singular e o plural nesse caso.

No entanto, pelo menos para registro histórico, vale lembrar e repetir que OLIMPÍADA é o período de quatro anos entre duas celebrações dos jogos. E que OLIMPÍADAS ou jogos olímpicos são comemorações de uma olimpíada; faziam parte da solenidade de abertura.

Mas a história e a etimologia valem menos do que a perpetuação pelo uso, que os dicionários acabam registrando. E essa é a função deles.

A propósito, oficialmente os primeiros jogos olímpicos foram disputados no centro religioso chamado Olímpia, na Grécia antiga, em 776 a.C. Daí o nome. Olímpia era célebre por seu santuário a Zeus Olímpico, o Deus supremo dos gregos. A ele eram dedicados os jogos de quatro em quatro anos. Depois dos sacrifícios e procissões religiosas, havia disputas durante três dias. Era um período de trégua entre as cidades gregas, por feroz que fosse a guerra entre elas. Os vencedores recebiam coroas de louro e eram exaltados como heróis.

Bons tempos aqueles em que havia heróis de verdade para exaltar.

Hoje, por falta de coisa mais digna, há quem ainda exalte políticos como heróis e brigue por eles…

“Caspite!”, exclamaria Temer Lulia se não estivesse na confusão.

olimpiadas-da-Grecia-antiga-8

________________________________________________________

JOSUE 2Josué Rodrigues Silva Machado, jornalista, autor de “Manual da Falta de Estilo”, Best Seller, SP, 1995; e “Língua sem Vergonha”, Civilização Brasileira, RJ, 2011, livros de avaliação crítica e análise bem-humorada de textos torturados de jornais, revistas, TV, rádio e publicidade.

1 thought on “Olimpíada ou Olimpíadas? Por Josué Machado

  1. Entendi nestas pesquisas que: Olimpíada e Olimpíadas são objetos diferentes, apesar de serem correlatas. Olimpíada é um período de tempo entre 4 anos quando se realizam os jogos olímpicos e, Olimpíadas é o evento dos jogos olímpico. Será que entendi corretamente?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter