Avaliação geral dos dias, na mira de Cacalo

 Lupus est homo homini non homo – o homem é o lobo do homem. A prova provada é esta:

menino guerra

Somos, realmente, humanos? Leitura sobre o crime n’O Estado de S. Paulo (20), pág. A15, “Até quando” e “Foto de menino ilustra violência e dor em Alepo”.

Também no Estadão (21), “Bilinguismo luso-brasileiro”, pág C6, pra quem ainda acha que o português daqui e o de lá são a mesma língua; e “Educar não é adestrar”, pág. C9.

Candidatos em campanha comem pastel, coxinha de gato, tomam café requentado. As fotos, às vezes, mostram uma certa repugnância da parte deles. A imprensa dá uma caçoadinha, mas deixa de lado um aspecto fundamental: fazem isso porque o eleitor quer, se não fizerem, perdem votos, por incrível que possa parecer. Infelizmente, este é o nível, independentemente do idem social. O pastel para as classes mais baixas é o “rouba, mas faz” da mais altas. Reside aí a lamentável “qualidade” de nossos parlamentares em todos os níveis.

No SporTV: “O Brasil não tem futebol feminino, tem uma seleção de futebol feminino. Quando chega um evento de porte, recebe apoio da CBF. Depois, nada.”

Na Folha de S.Paulo (21): “Se o futebol valesse  alguma coisa, digamos, a paz na terra ou o fim da fome na África, eu seria Zagallo e Parreira até o último fio de cabelo, mas ele só vale pela graça do jogo. Jogar feio pra ganhar de 1 a 0 é um pouco como passar a vida toda sem carne nem doce nem cerveja pra deixar, aos 104 anos, um saudabilíssimo cadáver.”.

É um festival de chegou “no”, “há” muito tempo atrás, os Estados Unidos fez, foi, ganhou; perguntas geniais do tipo “Você está contente de ter chegado até aqui? ao eliminado.  Depois, reclamam quando vem a resposta adequada… Pelamordedeus, deu tempo de todos se prepararem. Ou só isso que conseguem, é o limite?

O narrador Rômulo Mendonça, da ESPN, merece a medalha de ouro do bom humor. E merece o mesmo apelido de Raul Seixas, “maluco beleza”. É o caoooos!

 Se há uma coisa da qual posso falar de cátedra, é o orgulho de pai em relação aos filhos, meus três. Fico imaginando o de Bernardinho em relação ao Bruninho.

Inegável, os Jogos foram um sucesso, uma falha aqui, outra acolá, o que aconteceu em todas. O saldo é positivérrimo. Se haverá o legado para o Rio, só o tempo dirá. Para os atletas, duvido que mude muita coisa, vai sobrar lero-lero.

Que remédio estará Carlos Nuzman tomando? No discurso na festa de abertura, confundiu success com sexo, no da festa de encerramento cometeu um erro de “português”, disse que vermelho e verde são as cores da nossa bandeira, são as da terrinha.

Se o [Renato] Duque der uma de “bobo da corte” será que Lula e Dilma escapam?

(CACALO KFOURI)

***************

No G1

 Pastor que diz que Deus pune gays com desastres naturais tem casa destruída por inundação

 Tony Perkins teve que deixar casa numa canoa; para ele, enchentes punem casamento gay e aborto.

Obs.: – Então, qual dos “crimes” cometeu? Aborto não é, certamente…

Imagem de menino ‘não vai mudar nada’, diz pediatra sírio

 Os corpos de duas meninas, uma de oito meses e outra de cinco anos, foram recuperados no Canal da Sicília depois do naufrágio da embarcação na qual tentavam chegar à Europa, informou a Cruz Vermelha italiana e a organização maltesa MOAS.

Obs.: – Infelizmente,  concorda com o que escrevi no Mirando do dia 19. Como gostaria de estar errado!

‘Eu destravei e dei um tiro nele, na cabeça’, diz suspeita(???) de matar PM

Ellen Federizzi é suspeita(???) de ter assassinado o marido.

Em vídeo divulgado pela Polícia Civil, ela confessou o crime.

Um vídeo divulgado pela Polícia Civil nesta quinta-feira (18) mostra Ellen Federizzi confessando que matou o marido, o policial militar Rodrigo Federizzi, com um tiro na cabeça. Para os investigadores, ela é a principal suspeita(???) de ter cometido o crime, que aconteceu no dia 28 de julho, em Curitiba.

“Eu peguei a pistola em cima da cama, eu destravei ela e dei um tiro nele, na cabeça”, afirma Ellen no vídeo.

(???) Ela é suspeita só pra quem escreveu o texto! Confessa e é suspeita??? Gente, jurisdiquês é uma coisa, português é outra totalmente diferente.

                                                       ***************

Na Folha/UOL

 Ativista do MBL interrompe homenagem a Fidel na Câmara de São Paulo e é detido

“Resolvi fazer alguma coisa contra aquilo, já que se trata de um ditador”, disse Holiday, que abriu uma transmissão ao vivo por celular nas redes sociais para documentar a ação.

Obs.: – Sem dúvida, é um ditador. Mas, e você, que interrompeu uma sessão da Câmara de Vereadores, por que discordou da homenagem que foi democraticamente aceita pelos parlamentares, é o quê? Um democrata?

‘Se me hostilizarem, não será problema meu’, afirma Dilma

Obs.: – Nada foi, é ou será problema dela, este é o problema. Não viu nada, não ouviu nada, não sabe de nada, a culpa é dos outros, como se não fosse a chefe.

                                                        ***************

No UOL

 SBT, 35 anos: Silvio rejeitou R$ 200 milhões para vender horário a igrejas

Obs.: – E tem quem fala mal dele… Ganha dinheiro vendendo o Baú, não é vendendo crenças. Pode até ser um mau negócio para quem compra os carnês, mas não promete o reino dos céus.

Delfim Netto admite à PF que recebeu R$ 240 mil em espécie da Odebrecht

(…), o ex-ministro Antonio Delfim Netto afirmou que recebeu R$ 240 mil em espécie da Odebrecht em outubro de 2014 por “motivos pessoais, por pura conveniência”, devido a um serviço de consultoria que ele teria prestado à empreiteira.

Obs.: – Ahhhh, que inocente… É economista, foi ministro da Fazenda e não sabe que grana “no vivo e em cores”, como diziam na Rádio Camanducaia, programa humorístico da Jovem Pan (emissora de rádio paulista) fica escondida da Receita Federal, é a que vai pra lavanderia… Me chama de burro que eu gostchio!

                                                      ***************

No Estadão

 Pesquisa apurou ganhos mensais de quase R$ 200 mil

 Chamaram a atenção os altos valores pagos em janeiro e junho deste ano em Minas, muitos superiores a R$ 100 mil líquido(líquidos)(*).

(*) Os salários são líquidos, mas o erro é bruto. Salário líquido, salário de 100 mil reais líquidos.

Olhos fechados e muita reza de mãe na arquibancada

 Dilma, mãe de Isaquias, pela primeira vez assiste o(XXX)(ao)(*) filho competir

(*) Remou junto com ele, três na canoa??? Cara-pálida, por que não usou “ver” como está no texto, não teria errado…

Coluna do Estadão

Vamos juntos. João Doria (PSDB) e Celso Russomanno (PRB) fizeram pacto de não-agressão(não agressão)(*).

(*) O pacto é pra um não agredir o outro, o vernáculo fica de fora.

Delação de Léo Pinheiro cita Toffoli, diz revista

Segundo a Veja, empreiteiro da OAS propõe na colaboração premiada um capítulo sobre o ministro do STF, que nega proximidade com o acusado

Segundo a revista, o executivo relatou que engenheiros da OAS fizeram uma vistoria na residência de Toffoli, em área nobre de Brasília, após o ministro se queixar de problemas de infiltração na casa. Depois disso, Toffoli teria contratado uma empresa indicada por Léo Pinheiro para fazer a reforma necessária. Ainda de acordo com Veja, o empresário disse que a obra de impermeabilização foi custeada pelo próprio ministro do STF.

Obs.: – Que o ministro levanta suspeitas desde a sua nomeação não há o que discutir. Foi advogado do PT, seu saber jurídico foi posto em dúvida por quem realmente o tem, dizem que foi escolhido a dedo para decidir sempre a favor do governo, o que não tem acontecido, chegam ao STF e começam a pensar em suas biografias. Mas, no caso, parece uma não notícia, a menos que tenha ficado algum coelho escondido na cartola, está dito que ele pagou pelo conserto.

                                                     ***************

Na Folha

 Aprendiz de candidato

Obs.: – Na pág. A2 da Folha (21)

 doria

 

Sem câmeras A assessoria do tucano João Doria pediu que ele não seja fotografado enquanto come depois que fotos do candidato com careta circularam na internet

Obs.: – Foi a isto que me referi no texto de abertura, para os grã-fininhos é mais difícil fazer demagogia na feira, nunca pisaram em uma. Só espero que o pedido da assessoria não seja atendido

Conhecida pela crise aérea, Denise Abreu vira cabo eleitoral de Doria

Ex-diretora da Anac, hoje presidente do Partido da Mulher em SP, ressurge na política em campanha após viver ‘autoexílio’

Obs.: – O governador Alckimin deve ter pesadelos toda noite com a escolha que fez… Quem o aconselhou, provavelmente, é cabo eleitoral de outro candidato.

Valor de bens de candidatos supera declarado

Preços antigos de imóveis fazem políticos de SP informarem à Justiça Eleitoral lista com valores aquém dos reais

Obs.: – Insisto, é o tipo da informação de araque, casuística, fofoqueira. A Receita Federal impede a atualização dos valores, a menos que tenham sido feitas reformas nos imóveis e todas documentadas. Políticos, em sua grande parte, já tem podres suficientes sem que seja necessário criá-los.

Painel

Morfeu fofoqueiro Um servidor do Planalto rapidamente “encontrou” a faixa presidencial supostamente desaparecida ao saber que a polícia seria acionada. E achou como?, alguém quis saber: “Eu sonhei esta noite que estava debaixo do armário. Cheguei e estava mesmo”

Obs.: – A imprensa não está tratando do assunto com a devida importância e precisão, ora é a faixa que desapareceu, ora é a joia que a adorna. Mas, o fundamental: ao que tudo indica, a joia foi furtada e o larápio ficou com medo e a devolveu. Há que cobrar providências, o fato não pode ir para um pé de página.

***************ARROBINHBA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *