CÚPULA -VERGONHA

Cúpula dos Líderes e mais uma vergonha ao vivo e em cores

Vergonha de todos os lados, de cima, de baixo, da direita, da esquerdaHoje, dia 22, o Brasil passará – sim, passará, é afirmação sem titubeios, não como os 99,9% de certeza nos anúncios de alguns produtos atualmente – pela maior vergonha que alguém possa imaginar, e ao cubo, o coiso zurrará na  Cúpula de Líderes sobre o Clima organizada por Joe Biden, presidente que está penando com o árduo trabalho de recuperar a dignidade da Presidência dos EUA que foi conspurcada pelo ídolo do genocida. O antropólogo Claude Lévi-Strauss, ao se referir a estas bandas como tristes trópicos, não avaliou o quanto  foi generoso, são, na verdade, desde 1º de janeiro de 2019, trágicos trópicos.

Um país com um presidente: “EUA vacinam 200 milhões de pessoas”

Um país com um indecente: “Fim da vacinação do grupo prioritário contra a Covid só deve ocorrer em setembro, diz Ministério da Saúde”

A imprensa, sempre ela, esta maldita imprensa esquerdista e vendida para a China, informa que “Para integrantes da CPI da Covid, ofício que orienta uso de cloroquina pode ser prova contra governo” e que “Documento da gestão Bolsonaro foi enviado à Fiocruz e ao Instituto Evandro Chagas e já está em mãos de futuro relator da comissão”. Precisa disso? Basta recorrer aos arquivos das TVs e de mensagens nas redes antissociais, todos os disparos do coiso e de seus ministros estão gravados, é só fazer uma “sessão terror” na CPI e ele estará condenado.

Nos EUA, o ex-policial Derek Chauvin foi condenado no dia 20 por homicídio menos de 11 meses depois de asfixiar com o joelho o já rendido George Floyd, um negro. Aqui no país, dois anos depois de militares dispararem  mais de 200 tiros contra o carro  em que estavam  o músico negro Evaldo dos Santos Rosa e sua família, e o  catador de material reciclado Luciano Macedo, que estava no local e tentou ajudar a família, e assassinarem os dois, não há ainda data marcada para o início do julgamento dos autores do crime.

Um dos editoriais da Folha de S.Paulo (21) ganhou o título “MEC em sobressalto”, com linha fina “Nomeados de qualificação duvidosa indicam aparelhamento de órgãos técnicos”. Como poderia ser diferente se a falta que qualificação começa por Milton Ribeiro, o ministro?

O mirandeiro recebeu um release da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente de São Paulo informando que, no domingo (18), uma força-tarefa salvou uma anta de uns 2 anos de idade  na Rodovia Padre Manoel da Nóbrega, na região de Praia Grande, litoral paulista. Foi resgatada e solta em segurança no Parque Estadual Serra do Mar, na Baixada Santista.

Ação merecedora de elogios, a lamentar só o fato de que a força-tarefa não consiga retirar as antas que estão no Poder para nos salvar e, depois,  soltá-las em uma ilha deserta bem longe do país.

Humm, ontem (21), terá sido por ter de trabalhar no feriado? A adorável apresentadora Aline Midlej (GloboNews) deu uma escorregada pronuncial daquelas, “impreguína” em vez de “imprégna”…

(CACALO KFOURI)

                                                             ***************

                                                             ***************

******

 

Isto é um pedido, uma recomendação, ou é uma ameaça???

                                                              ***************

Copiadas da Folha

Nove meses após facada, Bolsonaro teve reembolso de R$ 435 mil da Câmara por gastos de saúde

O presidente Jair Bolsonaro​ obteve em junho de 2019 um reembolso de R$ 435.347,23 da Câmara dos Deputados relativos a despesas com saúde.

O valor foi ressarcido em seu primeiro ano como presidente da República e nove meses após ter levado uma facada em Juiz de Fora, Minas Gerais, em tentativa de assassinato na campanha eleitoral de 2018.

É ilegal, basta usar o “raciocínio” da PGR  relativo a outro caso, os gastos do coiso com combustível quando deputado federal: “Observa-se de antemão que a narrativa desenvolvida pelo noticiante abrange fatos, supostamente criminosos, ocorridos entre os anos de 2009 e 2011, que não guardam relação com o exercício do mandado presidencial”. Devolva, expropriador de dinheiro público!!!

 Covid explode em cidade do interior de SP governada por ‘Bolsonaro caipira’

Mortes aumentam mais de 170,8% em um mês em Mirandópolis (SP), cujo prefeito [Everton Sodario (PSL)] é contra isolamento social e promove tratamento sem eficácia

“Sou o primeiro a não tomar essa vacina chinesa e não obrigarei meu povo a tomar essa porcaria”, escreveu, em 16 de outubro de 2020.

coisinho + coisão = coisimorbidade

Mônica Bergamo

PF diz que Boulos ameaçou Bolsonaro, abre investigação e marca depoimento

A Polícia Federal intimou o ex-candidato a prefeito de São Paulo Guilherme Boulos (PSOL-SP) para prestar depoimento em um inquérito aberto para investigá-lo com base na Lei de Segurança Nacional.Guilhotina

Ele terá que se apresentar na superintendência da PF em São Paulo no dia 29, às 16 horas.

Boulos é acusado de “ameaçar” o presidente Jair Bolsonaro por ter publicado no Twitter um comentário sobre o presidente.

Em abril de 2020, depois de participar de um ato em frente ao Quartel General do Exército, em Brasília, em que os manifestantes pediam intervenção militar, Bolsonaro afirmou: “Eu sou a Constituição”. A declaração remeteu a frase atribuída a Luís 14, rei da França por 72 anos no século 17: “O Estado sou eu”.

Boulos então escreveu: “Um lembrete para Bolsonaro: a dinastia de Luís XIV terminou na guilhotina…”.

E o deputado José Medeiros (Pode-MT), ligado ao presidente, representou contra Boulos no Ministério da Justiça.

Mein Got! Advogados, ajam com rapidez, entrem com ação no STF e exijam a suspenção da intimação. E a demissão imediata dos pulhas que em vez de servirem ao país se dobram diante do genocida.  MJ, PGR, PF, tudo aparelhado como nunca antes.

                                                              ***************

Copiadas do Blog do Ancelmo

Um exemplo do quanto Dr. Jairinho era ‘bem-visto’ na Câmara de Vereadores do Rio

O que se diz é que Jairinho provavelmente terminaria com uma posição de destaque na política carioca. O primeiro cenário aponta para uma indicação a conselheiro do Tribunal de Contas do Município, para ocupar o cargo até se aposentar e recebendo uma belo salário. O outro indica que Jairinho seria o provável líder do governo Paes.

A teoria é de que Jairinho “disputava” com Thiago K. Ribeiro pelas vagas. Se um fosse indicado para o TCM, sobraria para o outro a liderança do governo.

Pois é, né? Parece a mesma história do coiso, ninguém sabia do criminoso histórico dele? A diferença é que no de um estão incluídos os filhos, no do outro, o pai. Caras de pau.

Ex-comandante, Edson Pujol diz que Eduardo Pazuello ‘ferrou o Exército’

“Pazuello, quando o Bolsonaro lhe proibiu de comprar vacinas, você deveria ter pedido demissão. Obedecendo, você se ferrou e nos ferrou junto”.

Ah, só o Pazzo, o zuello, ferrou? E os militares que o apoiam ou fazem parte do governo, do tipo de Villas Bôas, Augusto Heleno, Braga Netto, o Clube Militar, cheio de elogios, não? Por incrível que pareça, a melhor atitude em relação ao coiso quem tomou foi um dos ditadores militares, general Ernesto Geisel, classificou o futuro genocida como “um mau militar”.

Cimento Tupi entrega plano de recuperação à Justiça do Rio

Como forma de viabilizar a situação econômico-financeira da companhia, o documento prevê a venda de bens móveis e imóveis, a reorganização societária, manutenção e crescimento de suas atividades e a capitação(!!!) de novos empréstimos.

(!!!) Uau, capitação, uau! Captação, captou, cara-pálida?

 Covid-19: depois de extubada, contadora recebe pedido de casamento com direito a flores e a aliança

Depois de 19 dias internada no Hospital Badim, sendo sete deles intubada(*),

(*) Entubada, cara-pálida.

Com um bouquê(!!!) rosas brancas em uma das mãos e um par de alianças na outra,

(!!!) Vixi santa, criou uma palavra franco-portuquesa, cruzou bouquet com buquê e engoliu o “de”. Buquê de, cara-pálida.

A cena emocionante pegou de surpresa a paciente, a equipe médica, (*) recepcionistas e até quem aguardava por atendimento.

(*) Cara-pálida, ou tira todos os artigos ou ponha “os”.

O taxista disse que o impacto da internação da mulher foi enorme para ele. Logo que ela foi extubada, Felipe  foi numa(!!!) joalheria e comprou o par de alianças.

(!!!) Foi numa o carro ou foi a uma no carro, cara-pálida?

Shoppings doam dez mil cestas básicas contra a fome

Mais um exemplo legal e recente: A(?) Multiplan, proprietária do BarraShopping,

(?) Braquê o caixa-alta, liê?

Justiça nega recurso de Rafael Picciani, ex(*) secretário municipal de Transportes do Rio

(*) Cadê o hífen que deve estar aqui? Ex-secretário, cara-pálida.

A ação foi aberta pelo descumprimento de medidas estipuladas no Decreto Municipal(?) sobre melhorias no serviço público de ônibus da cidade, como a instalação de ar condicionado(*)

(*) Não está identificado, cara-pálida, caixa-baixa nele.

(*) Cara-pálida, instalação de aparelhos de ar condicionado ou de ar-condicionado, ar condicionado sem hífen é o ar refrigerado que sai do aparelho, capisce? 

Visitante do Jardim Botânico poderá pagar ingresso por PIX(*)

(*) E os visitantes dos sites de bancos sabem que devem escrever Pix, por falar nisso, é como está no texto que você titulou, cara-pálida.

Caramba,  gastei quase todo o estoque de pale faces de hoje só no blog, tá feia a coisa.

                                                             ***************

Copiada do UOL

 Carlos Bolsonaro confunde projeto da LGPD com LGBT e rebate: ‘Mentirosos’

O vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro (Republicanos) confundiu o debate sobre a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), com as pautas de gênero, discutidas pela sigla LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais). No entanto, nas redes sociais, o parlamentar negou o ocorrido.

O episódio aconteceu durante uma audiência pública virtual da Câmara de Vereadores, no qual o parlamentar achou que um artigo que tratava sobre “autodeterminação informativa” tinha relação com identidade de gênero. Para o filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), a questão se tratava de uma “aberração gigantesca”.

“Na autodeterminação você vê por aí gente que, inclusive, se autodenomina tigre, leão, jacaré, papagaio, periquito. Novamente repito, isso não é piada. Então, a partir do momento que você coloca, ignorando legislações superiores que caracterizam o sexo da pessoa como homem e mulher, X e Y, baseado na ciência, e você entra com uma característica de autodeterminação, fica algo muito vago”, disse o filho do presidente Bolsonaro.

Carlos Bolsonaro foi corrigido durante a sessão pelo procurador do estado Rodrigo Valadão, que era convidado da sessão.

Mentirosos, não mentiroso, escandalosamente mentiroso, confundiu Germano com gênero humano na verdadeira essência da expressão: “Então, a partir do momento que você coloca, ignorando legislações superiores que caracterizam o sexo da pessoa como homem e mulher, X e Y, baseado na ciência, e você entra com uma característica de autodeterminação, fica algo muito vago”. Não tem saída, rachador, são as suas palavras, nelas não há uma citação técnica a respeito de proteção de dados, só menção a preconceitos. Ignorante e mentiroso!

                                                              ***************

lgbt não é lgpd

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter