D`angolas, burros, cavalos, vacas no brejo? Não, atos na política nacional

Resultado de imagem para get out of hereEm uma atitude grosseira, sem precedentes na História do Brasil, o governo brasileiro exige que Nicolás Maduro retire os diplomatas venezuelanos do país, eufemismo para expulsão,  e chama de volta todos os diplomatas brasileiros que estão no país vizinho. A medida, além de insana, terá como resultado deixar os brasileiros que vivem na Venezuela sem assistência.

 Bem a propósito, no Estadão de hoje (6), na pág. C6, uma crônica com o título “Quatro bestas e seus idólatras”. Também seria adequado o título “Se é que me entendem…”

https://cultura.estadao.com.br/noticias/geral,quatro-bestas-e-seus-idolatras,70003221712

 De acordo com reportagem publicada na mesma edição do jornal, na pág. A12, o investimento em habitação no Estado de São Paulo no ano passado foi o menor desde 2004. Com isso, foram construídas poucas moradias populares, o que explica tanta gente morando em áreas de risco e as tragédias anunciadas quando chove forte. Mas, depois, o almofadinha João Doria veste seu jaleco da Defesa Civil feito sob medida, dá entrevistas com ar falsamente compungido e nada faz para mudar a situação.

https://brasil.estadao.com.br/noticias/geral,sp-teve-menor-investimento-em-habitacao-desde-2004,70003221162

 Hoje, sexta-feira, é dia da publicação do encarte Sextou! (Estadão), junção das editorias  Divirta-se, Viagem, Casa e Paladar. É muito ruim, mal impresso, matou o Paladar, a editora Patrícia Ferraz, a alma do caderno, saiu, a repórter especializada em gastronomia, Lucinéia Nunes, deve ter saído também, ainda não há nenhuma crítica de restaurante de sua autoria. A única coisa que vale a pena é a crônica de Gilberto Amêndola, na última página. O melhor nome para o encarte é “Furo n’água”.

 Na Folha de S.Paulo (6), pág. A2, “Surdez por opção”.

https://www1.folha.uol.com.br/colunas/ruycastro/2020/03/surdez-por-opcao.shtml

 O desclassificado que ocupa o Palácio do Planalto declarou que “Não vamos mais falar com a imprensa, pode esquecer”. Que bom, as crianças poderão voltar a ler jornais e assistir aos telejornais, serão poupadas de grosserias.

 (CACALO KFOURI)

                                                                  ***************

 Estas são as únicas bolas que elas dão para a sociedade… no mais, é ora bolas.

                                                                    ***************

Copiada do Estadão

 Após pacto, Taleban ataca afegãos e EUA revidam

 Os EUA bombardearam ontem um grupo de talebans que atacava forças de segurança do Afeganistão na província de Helmand, no sul do país. O ataque aconteceu quatro dias após a assinatura de um acordo entre americanos e rebeldes para a retirada das tropas dos EUA do país. O bombardeio foi uma resposta a um ataque que matou ao menos 29 soldados e policiais afegãos ontem, horas depois de uma conversa telefônica entre o presidente dos EUA, Donald Trump, e o líder político do Taleban, o mulá Baradar Akhund.

Mais um pacto de araque de Trump, o outro é o com a Coreia do Norte.

 Pouca gravidade entre crianças ainda intriga

Idosos e doentes crônicos já são considerados grupos com maior risco de complicação em outras doenças respiratórias, como a gripe. As crianças, no entanto, que também costumam integrar esse grupo mais crítico, não estão sendo afetadas de forma significativa pelo coronavírus – e isso está intrigando os cientistas.

De acordo com uma análise feita pelo Centro de Controle de Doenças chinês (CCDC) no início de fevereiro, não foi registrada nenhuma morte pela doença em pacientes com menos de 9 anos. E a taxa de letalidade em crianças, adolescentes e adultos jovens ficou em apenas 0,2%.

Não entendo o porquê da dúvida, raramente crianças têm doenças cardíacas, problemas no coração e no pulmão, fatores que, segundo a Organização Mundial da Saúde, são determinantes para os casos fatais.

 

 

Direto da Fonte

Com Moro

Simone Tebet convidou e Moro topou. Dia 24 de abril o ministro vai ao(*) Mato Grosso do Sul, reduto da presidente da CCJ no Senado, participar de evento sobre segurança pública na capital, Campo Grande. Ele irá também a uma das fronteiras do Estado, que, “por questões de segurança”, não foi informada pela senadora. “O(*) MS é a principal porta de entrada do narcotráfico do País”, justificou.

Ela quer que o(*) MS seja incluído no projeto piloto Em Frente Brasil, de combate a crimes violentos, já implementado no Paraná, Pará, Espírito Santo, (**)Goiás e Pernambuco.

(*) Sra. deputada mato-grossense do Sul, se a sr.a fala “o” MS, sendo que não tem o artigo antes do nome do estado, e esse é um erro recorrente – parafraseando algo que não quero citar a origem, “um erro cometido milhares de vezes pode tornar-se o certo…” – por que não propõe um projeto de lei que torne o “o” oficial?

Isso vale para o caso de Guarujá também oito em dez pessoas falam “o” Guarujá.

(*) Em Goiás e Pernambuco, não existe artigo antes dos nomes para que resulte na contração.

 Procuradoria pede ao STF condenação de Paulinho da Força por quadrilha e lavagem

Será que desta vez vai funcionar? Ele vem escapando da Justiça faz mais de 30 anos, está quase batendo o recorde de Paulo Maluf, que acabou condenado até pelo destino, está muito doente.

 Paraguai decide não punir Ronaldinho

 Ex-jogador admite prática de crime de utilização de documentação falsa, mas promotoria considera que ele foi ‘enganado’

Hummm, é só ler a folha corrida de Ronaldinho para perceber que o enganado foi o promotor:

Aos 21 anos, Ronaldinho foi pego com uma carteira de habilitação falsa. O documento foi comprado por R$ 400. No mesmo ano o meia foi flagrado dirigindo com o licenciamento do carro vencido e também sem habilitação. Por isso, foi multado.

2012 Mulher na concentração

Ronaldinho levou mulher para a concentração do Flamengo em Londrina (PR), durante a pré-temporada. Quando decidiu deixar o clube, ele rescindiu o contrato e cobrou o pagamento de R$ 40 milhões referentes a atrasos salariais, premiação e FGTS. O clube cobrou o mesmo valor, alegando prejuízo à imagem da instituição pelo mau comportamento do jogador.

2012 Irregularidade no instituto

Ronaldinho teve de depor na CPI instalada na Câmara de Vereadores de Porto Alegre. A investigação tinha como foco os convênios entre a prefeitura da capital gaúcha e o Instituto Ronaldinho Gaúcho. A CPI concluiu que houve erro nas prestações de contas.

2013 Briga com vizinhos

Quando morava em Minas Gerais, o jogador enfrentou problemas com a vizinhança do condomínio onde morava. As reclamações eram principalmente sobre festas e som alto durante as madrugadas.

2015 Condenação

Ronaldinho e o irmão, o ex-atacante Assis, tiveram a condenação confirmada pelo Ministério Público Estadual do Rio Grande do Sul por dano ambiental ao Rio Guaíba. Eles ergueram em Área de Preservação Permanente (APP) um trapiche, um ancoradouro e uma plataforma de pesca.

2018 Passaporte retido

Pela falta do pagamento da multa por crime ambiental, a Justiça determinou a retenção dos passaportes de Ronaldinho e de Assis. O sigilo bancário do jogador foi quebrado e o saldo da conta dele apontava somente R$ 24. Apesar disso, o astro continuava em viagens para eventos pelo exterior.

2019 Acordo sobre a multa

No ano em que foi nomeado pelo governo federal como Embaixador do Turismo – cargo que continuará a exercer, segundo a Embratur –, Ronaldinho fez acordo de R$ 6 milhões com o MP gaúcho para pagar a multa ambiental. Com isso, teve o passaporte de volta e pôde viajar.

2019 Dívida de IPTU

O ex-jogador fez um acordo com a prefeitura de Porto Alegre para parcelar uma dívida de R$ 7,5 milhões referente ao Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e taxa de coleta de lixo. A despesa será paga em 60 parcelas.

2020 Pirâmide financeira

Ronaldinho virou réu em ação civil coletiva de R$ 300 milhões por danos morais e materiais pela atuação da sua empresa. A 18kRonaldinho é suspeita de atuar como pirâmide financeira. O empreendimento prometia aos clientes rendimentos de até 2% por dia.

                                                                  ***************

Copiada da Folha

 Moro enfrenta revés inédito nas redes sociais após motim no Ceará

 Levantamento do boletim Fonte Segura, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública indica que, com base em análise de sentimento aplicada a uma amostra aleatória de 368 menções à paralisação de policiais militares nos últimos quinze dias no Twitter, 48,4% das postagens foram negativas, isto é, críticas à paralisação.

Ao analisar mais de perto as críticas, encontramos a reprovação do comportamento dos policiais, como o fato de agirem encapuzados e terem sido flagrados ordenando o fechamento do comércio na cidade de Sobral, foi o principal motivo de crítica.

Já 46,7% dessas postagens foram neutras, ou seja, elas predominantemente reproduziam notícias sem juízo de valor. E apenas 4,6% das menções à crise no Ceará foram positivas.

Como a versão que prevaleceu foi a de que o movimento era um motim e não uma greve legítima, a posição do governo federal saiu enfraquecida, que foi acusado de incitar a paralisação e de evitar declarações condenando o movimento.

The chip starts to fall, apud o dicionário de inglês de Millôr Fernandes, “The cow went to the swamp”. E o número de ex-bolsominions está, aos poucos, aumentando, a esperança é que, logo, logo, só reste o restolho, esses são incuráveis como os seguidores do demiurgo, se recusam a enxergar a realidade dos fatos.

                                                                   ***************

Copiada d’O Globo

 Em meio à crise econômica, Maduro pede que venezuelanas tenham seis filhos para que país cresça

 Pra quê? Pra ter mais venezuelanos na miséria, passando fome e tendo de fugir para o Brasil? O que será que puseram na água que ele bebe?

 ‘Se eu fizer muita besteira, dólar pode ir a R$ 5’, diz Guedes

 Então, estamos fritos, os habitantes deste governo são especialistas na arte de fazer besteira.

                                                                   ***************

Copiadas do UOL

 Por coronavírus, Bolsonaro suspende viagem à Polônia, Hungria e Itália

 Ah, vai, vá… vai?

 Advogados da família de Gugu garantem que pagamento a Rose foi realizado

 De acordo com a informações da coluna da jornalista Mônica Bergamo, do jornal Folha de (S. Paulo)(*),

 (*) Que ironia, a Folha é grande acionista do UOL e os “uólicos” não sabem como se escreve o nome do jornal, é Folha de S.Paulo, cara-pálidas, não tem espaço entre o S e o P de Paulo.

 Stephen Curry volta ao Warriors após mais de quatro meses lesionado(*)

 (*) Os coleguinhas são, sem dúvida, muito sofisticados, na escrita deles ninguém fica machucado, todos são lesionados, não é finérrimo? Ninguém tem parentes, as pessoas têm familiares. E pais, então? Têm “progenitores” que, na verdade, são os avós…

 Beth Szafir se diz arrependida por afirmar que não sentia falta de Sasha

 Não li o texto, fofoca não me interessa, limitei-me ao título, o suficiente para afirmar que “quem fala demais dá bom dia a cavalo”. Atenção, a cavalo, de quem fala isso de uma neta, vovô Cacalo não quer nem bom dia, quer distância.

                                                               ***************

 

 

1 thought on “D`angolas, burros, cavalos, vacas no brejo? Não, atos na política nacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *