Fim da TV Brasil, “carona” em ambulância e o fetiche por bigode de Jucá

IgnoranciaO prezado e raro leitor já percebeu que sou totalmente cético em relação a alguma mudança do sistema político do país. O Estadão de hoje (30) publica um artigo de Leandro Karnal, “A conta do almoço”, na pág. C6, que considero dos mais precisos retratos do que se passa por aqui. Excepcionalmente, colarei aqui o link para acesso ao texto: http://digital.estadao.com.br/@cacalo_kfouri@uol_com_br/csb_lE0oyKxWne1U0am-g13bSV1gvG6sUhjLT4XPN8ZfV_I.

Na Coluna do Estadão, uma nota informa que a Defensoria e o TCU são os órgãos que mais descumpriram o teto até o mês de julho, um deveria nos defender, o outro, fiscalizar os gastos do governo.

 Junte-se o texto de Leandro ao que publico mais abaixo, sobre o uso indevido de ambulâncias para escapar do trânsito em São Paulo, a única luz que vejo no fim do túnel é a do trem vindo em sentido contrário. Repito: nenhum país pode ter representação política diferente de seu povo.

Aliás, em uma tira de quadrinhos na mesma edição do jornal, “Frank and Ernest”, tem uma frase que diz tudo, “Estou começando a levar para o lado pessoal quando o povo diz que temos um governo representativo.”,

(CACALO KFOURI)                                                      

***************

No Band.com.br

 Ambulância é “usada” para escapar do trânsito de SP

 Motoristas gastam R$ 200 por dia para “ir e voltar” de casa para o trabalho usando serviço inédito e ilegal; promessa é diminuir tempo da viagem

Para fugir do trânsito parado e escapar das multas, motoristas gastam R$ 200 por dia, em São Paulo, para “ir e voltar” de casa para o trabalho usando uma ambulância. A denúncia é do repórter Agostinho Teixeira, da Rádio Bandeirantes.

Obs.: – Quem pode pagar este preço é gente que tem altos salários, teoricamente, educada em boas faculdades, a “elite”. Devem ser pessoas do mesmo tipo das quem vão à Avenida Paulista protestar contra a corrupção. E, provavelmente, votaram em Doria e votarão em Bolsonaro.

                                                               ***************animated-gifs-medicine-011

N’O Antagonista

 Exclusivo: Moreira quer fechar TV Brasil e cortar 1,5 mil cargos

 Moreira Franco quer reduzir de 2,5 mil para 1 mil o número de funcionários do sistema EBC.

A ideia do ministro é encerrar as atividades da TV Brasil e ficar só com a NBR para retransmitir atos oficiais.

Obs.: – A TV Brasil, melhor dizendo, TV Lula ou TV Traço foi criada com o intuito de fazer campanha eleitoral, é a famosa TV que ninguém vê, no dizer dos próprios funcionários da EBC. A empresa, faz tempo, foi aparelhada, antes para trabalhar pela reeleição de Dilma e, atualmente, para esconder fatos nebulosos do governo Temer. A TV Brasil não passa de um cabidaço de empregos.

                                                                 ***************

N’O Globo

 Denunciado três vezes em uma semana, Jucá diz que Janot tem ‘fetiche’ por ele

 Segundo o líder do governo, o procurador-geral ‘está achando que é um justiceiro’

Obs.: – Não se trata de fixação “por ele”, e, sim, por mandar para o lugar certo, cadeia, quem merece. É só fazer um levantamento da folha corrida de Jucá e perceber que, se não houvesse tantas salvaguardas aos políticos desonestos, é onde ele estaria há muito tempo.

                                                                 ***************

No Blog do Gois

 Marcela Temer não vai à China

 Diferentemente do que publicamos hoje na coluna de papel,  Marcela Temer não exigiu exclusividade para ir á China. Aliás, ela não irá. O Palácio do Planalto informa ainda, em nota oficial, que  ” nas viagens anteriores,  Marcela nunca fez tal exigência e sempre dividiu a aeronave com ministros, parlamentares e assessores do presidente.” Melhor assim.

Obs.: – Melhor mesmo seria se o blog usasse fontes mais confiáveis e, principalmente, se conferisse como foram as viagens anteriores antes de se referir às futuras.

                                                                 ***************

No Estadão

 Rio em clima de guerra é “exagero midiático”

 Para porta-voz do Estado-Maior da operação militar, não se vive ‘guerra’ na capital

Obs.: – Conte isto para as famílias das centenas de civis e dos 100 PMs mortos até o momento.

 Segundo round

 Novo diretor da Ancine é alvo de denúncia na própria agência

 Christian de Castro, que deve ser anunciado hoje como diretor e possível presidente da Ancine, é alvo de denúncia na própria agência reguladora por irregularidade em investimento de R$ 3 milhões do Funcine na produtora Glaz Entretenimento S/A. Na denúncia, um dos acionistas aponta desvio de finalidade na aplicação de recursos e pagamentos indevidos de R$ 200 mil à empresa de Castro, que é conselheiro na produtora.

Obs.: – No México, hay gobierno, soy contra, no Brasil, hay denuncia, soy nombrado.

                                                               ***************tv-experiencia-simples

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter