MENINAS BOAS DE BOLA4

Essas meninas são muito boas de bola. Blog do Mário Marinho

ESSAS MENINAS SÃO MUITO BOAS DE BOLA

BLOG DO MÁRIO MARINHO

No fim de semana, três importantes times se tornaram campeões estaduais no futebol feminino: em São Paulo, foi o Corinthians; em Minas, o Atlético; no Rio Grande do Sul, o Internacional.

Em Minas, Atlético.  

Foi dramática a conquista do Atlético no clássico contra o Cruzeiro, disputado neste sábado, no Mineirão.

As atleticanas saíram na frente com gol marcado por Gabizinha, aos 31 minutos.

Mas o Cruzeiro chegou ao empate aos 45 minutos, gol marcado por Vanessinha. Coube a ela mesmo a virada, ao marcar aos 37. Parecia que o Cruzeiro levaria o título.

Porém, aos 52, a volante Marcella chutou de longe, a bola desviou na zaga e entrou: 2 a 2.

A decisão foi para os pênaltis e o Galo ficou com o título.

É a sexta vez que o Atlético venceu o estadual, sendo a primeira delas desde que o clube voltou a disputar a modalidade em 2018.

Atualmente, o Atlético disputa a Série B do Brasileirão.

No Sul, deu Inter.

MENINAS BOAS DE BOLA4

O Inter conquistou o bicampeonato do Campeonato Gaúcho Feminino de 2020. Com gols de Djeni e Byanca Brasil, um em cada tempo, o time colorado venceu o Grêmio por 2 a 1 na Arena Cruzeiro, em Cachoeirinha. O Tricolor ainda conseguiu descontar nos minutos finais com Pri Back.

O clássico gaúcho começou em alta intensidade e com o Inter pressionando a saída tricolor. Foi o Grêmio, porém, que conseguiu a primeira chance, quando Gisseli teve boa oportunidade travada por Naná. A resposta do Inter acabou sendo efetiva. Aos 28, Rafa levou pela esquerda e cruzou para Djeni abrir o marcador.

O segundo gol veio ainda no início da etapa final, com Byanca Brasil, consolidando uma pressão que já havia resultado em bola na trave e boa defesa da goleira tricolor.

O Grêmio conseguiu descontar apenas no erro de saída de bola colorado, aos 39. A sequência da jogada acabou em pênalti, convertido por Pri Back. A reação, contudo, terminou aí.

Além de segundo consecutivo, o título foi o nono do Inter do Gauchão feminino.

Em São Paulo, Corinthians.

MENINAS BOAS DE BOLA3

A vitória sobre a Ferroviária, em jogo disputado na cidade de Araraquara, no estádio Fonte Nova, foi absolutamente tranquila: 5 a 0.

No primeiro jogo, disputado em São Paulo, o Timão já havia vencido com relativa facilidade: 3 a 1.

Os gols corintianos foram marcados por: Crivelari (12 min do 1º Tempo), Érika (20 min do 1º Tempo), Kati (36 min do 1º Tempo), Diany (39 min do 1º Tempo) e Grazi (31 min do 2º Tempo).

A equipe feminina do Corinthians foi criada em 2016, inicialmente com parceria com o Grêmio Osasco Audax.

Em 2018 a parceria foi desfeita, com o Corinthians anunciando equipe exclusiva, comandada pelo técnico Athur Elias.

Nestes quatro anos, o Corinthians foi bicampeão da Copa do Brasil, da Libertadores, bicampeão brasileiro e bicampeão paulista. São sete títulos, que premiam o bom trabalho que vem sendo feito no clube e que é comandado pela Diretora Cris Gambaré.

Veja os gols do domingo

 

 

______________________________________________________________________________

Mário Marinho – É jornalista. É mineiro. Especializado em jornalismo esportivo, foi FOTO SOFIA MARINHOdurante muitos anos Editor de Esportes do Jornal da Tarde. Entre outros locais, Marinho trabalhou também no Estadão, em revistas da Editora Abril, nas rádios e TVs Gazeta e Record, na TV Bandeirantes, na TV Cultura, além de participação em inúmeros livros e revistas do setor esportivo.

(DUAS VEZES POR SEMANA E SEMPRE QUE TIVER MAIS
 NOVIDADE OU COISA BOA DE COMENTAR)

_______________________________________________

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter