PALMEIRAS ARRASOU

Palmeiras arrasou. Blog do Mário Marinho

PALMEIRAS ARRASOU

BLOG DO MÁRIO MARINHO

PALMEIRAS ARRASOU

É quase certo que nem mesmo na cabeça de palmeirenses ilustres, notórios e “doentes” como, por exemplo, o engenheiro e ex-tenista Élcio Frosard, e o empresário Armando Ferretti, nem em suas cabeças, repito, passou a possibilidade de uma vitória tão arrasadora, tão incontestável, tão acachapante como esses 3 a 0 sobre o River Plate, lá em Buenos Aires.

E mais: não é nenhum exagero afirmar que se o jogo terminasse 5 a 0 seria absolutamente normal pelo futebol apresentado pelos dois times na noite de ontem.

O Verdão chegou a Buenos Aires discretamente e sob a ameaça de enfrentar um River Plate que, nos últimos sete confrontos contra times brasileiros, venceu seis.

E os primeiros minutos do jogo fez com que os palmeirenses sofressem, pois o River partiu com tudo, obrigando o excelente goleiro Weverton a fazer importantes defesas. Os argentinos ainda criaram mais duas chances.

Entretanto o trio formado pelos jovens Patrick, Danilo e Gabriel Menino logo tomou conta da situação e passou a mandar no meio campo, impedindo as jogadas do adversário e criando oportunidades rápidas para seu ataque.

Assim foi que aos 28 minutos, em jogada pela direita de seu ataque, Gabriel Menino cruzou para a área. O goleiro Armani, na tentativa de interceptar a jogada, acabou passando a bola para o oportunista Rony que chutou de peito de pé para fazer 1 a 0.

Poucos minutos depois, Gustavo Scarpa fez belo gol que foi anulado por impedimento milimétrico de Luiz Adriano.

Logo no comecinho do segundo tempo, o veloz e jovem meio de campo funcionou e a bola foi passada a Luiz Adriano que, num giro rápido, deixou seu marcador para trás, avançou em velocidade e marcou o segundo.

Aos 14 minutos a situação ficou mais difícil para o River com a expulsão de seu perigoso atacante Carrascal por jogada violenta.

O terceiro gol veio aos 16 minutos, com Matias Viña concluindo de cabeça uma falta cobrada, e bem cobrada, por Gabriel Menino.

Batido e perdido em campo, o River chegou a apelar para algumas jogadas violentas, mas os palmeirenses souberam manter a calma para não complicar sua vitória.

Vitória que poderia ser por um placar mais dilatado, já que pelo menos duas boas chances foram criadas.

O jogo de volta será na próxima terça-feira, na casa palmeirense.

O Verdão pode perder por diferença de até dois gols e, mesmo assim, estará classificado para a finalíssima que será no Maracanã.

Só uma hecatombe aliada a uma conspiração dos deuses do mal pode tirar essa vaga do Verdão.

Acompanhe os melhores momentos da vitória do Palmeiras:

https://youtu.be/VByEyFKo4NE

O Santos

em campo

Com o time completo e descansado, o Santos pega o Boca Jr hoje à noite, no histórico La Bombonera, casa do Boca.

Menos mal para o Santos que não haverá torcida, o forte e temido 12º jogador do Boca.

O Santos leva também como sinal de bons ventos, o fato de estar cumprindo boa campanha nessa Libertadores como visitante: até agora, ganhou quatro dos cinco jogos que disputou fora de casa.

Repito aqui os votos que fiz para o Palmeiras em meu Blog de ontem: um empate não será mau resultado; se for com gols, melhor ainda. Claro que a vitória é ótima e se for por boa diferença de gols, excelente!

Tricolor

defende a liderança

Em condições normais de temperatura e pressão, o jogo do São Paulo contra o Bragantino nesta noite, em Bragança, não despertaria preocupações especiais.

Afinal, o São Paulo é líder, vem jogando bem e seu adversário é o 13º colocado nesse Brasileirão.

A lógica, portanto, aponta para vitória do Tricolor.

Acontece que a equipe dirigida pelo técnico Fernando Diniz, vem de traumática eliminação da Copa Brasil pelo Grêmio, em pleno Morumbi.

Além disso, RB Bragantino tem se mostrado um adversário especialmente difícil.

No Paulistão, eliminou o Tricolor em pleno Morumbi, com vitória por 3 a 2; no Brasileirão, empate em 1 a 1.

E mais: não poderá contar com seu artilheiro Luciano que ainda não se recuperou de um problema muscular.

Mas o adversário também tem problemas: dois jogadores tidos como titulares testaram positivo para Covid-19 e foram afastados.

Problemas devidamente pesados, o Tricolor ainda é o favorito.

______________________________________________________________________________

Mário Marinho – É jornalista. É mineiro. Especializado em jornalismo esportivo, foi FOTO SOFIA MARINHOdurante muitos anos Editor de Esportes do Jornal da Tarde. Entre outros locais, Marinho trabalhou também no Estadão, em revistas da Editora Abril, nas rádios e TVs Gazeta e Record, na TV Bandeirantes, na TV Cultura, além de participação em inúmeros livros e revistas do setor esportivo.

(DUAS VEZES POR SEMANA E SEMPRE QUE TIVER MAIS
 NOVIDADE OU COISA BOA DE COMENTAR)

_______________________________________________

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter