campeão - rogério ceni

Campeão já neste domingo? Blog do Mário Marinho

CAMPEÃO JÁ NESTE DOMINGO?

BLOG DO MÁRIO MARINHO

campeão - rogério ceni

As emoções do Brasileirão 2020, apesar de pandêmico, vão se alongando até o seu final, mas pode atingir ao ápice neste domingo, com o Internacional sagrando-se campeão.

O Internacional tem 69 pontos ganhos e o seu adversário neste domingo e concorrente direto tem 68. No caso de vitória, o Inter chegará aos 72 pontos e não poderá ser alcançado pelo Mengo.

No caso de empate, a situação permanece a mesma – um ponto de diferença – e a decisão vai para a última rodada.

Se o Flamengo vencer, ficará com dois pontos na frente do Inter e a decisão irá também para a última rodada.

Na última rodada será disputada no próximo dia 25, com todos os jogos sendo disputados a partir das 21,30 horas.

O São Paulo, com 62 pontos, ainda tem chances matemáticas.

Faltam 3 jogos para o Tricolor: Palmeiras, amanhã, em casa; Botafogo na segunda-feira, no Rio; e Flamengo, no Morumbi, dia 25.

Para sonhar com o título, o Tricolor tem que começar vencendo o cansado Palmeiras que ontem foi derrotado pelo Coritiba.

O jogo não vale nada para o Palmeiras, mas, como ensina a história, clássico é clássico. Portanto, mesmo sem se empenhar a fundo, os palmeirenses não vão deixar barato.

Depois, o Tricolor pega o já rebaixado Botafogo. Se fosse boxe, eu diria que é carne assada. A expressão, carne assada, era usada no mundo do boxe para dizer que o adversário era moleza.

Finalmente, o último jogo no Morumbi contra o Flamengo que poderá estar disputando o título.

Aí, teremos até uma situação inusitada: Rogério Ceni poderá ser campeão brasileiro dentro do Morumbi, derrotando o seu amado São Paulo.

Coisas do futebol.

Mas, entre Flamengo e Internacional, não dá para cravar um favorito.

Os dois times estão muito bem; seus técnicos têm acertado nas escalações e substituições e estão ambos em paz.

Que o título fique com o melhor.

Copa

Consolação.

 Vencido pelo Santos ontem à noite, na Vila Belmiro, sobra para o Corinthians a consolação de se classificar para a Copa Sul-Americana, alguma coisa assim como prêmio de consolação.

Na verdade, a Copa Sul-Americana é a Série B da Libertadores.

Para os corintianos, talvez até mais do que a desclassificação, um verdadeiro alívio.

Com o time e técnico atuais, muito fracos, a tendência seria correr riscos de vexames a cada jogo.

Na Copa Sul-Americana, a exigência é menor.

Não oferece classificação para o Mundial, mas o corintiano, acredito que até mesmo o mais fervoroso, não está nem remotamente pensando na possibilidade.

Não com o time atual.

O Santos não jogou bem nessa vitória, mas somou os pontos suficientes para chegar ao 8º lugar e almejar a classificação para a Libertadores.

Cuca não vai continuar na Vila Belmiro e os dirigentes santistas precisam definir logo o técnico que vai substituí-lo, pois, afinal, o Paulistão começa, para o Santos, no dia 28, quando enfrentará o Santo André.

A França

Tá de saco cheio

Nesta semana, o PSG goleou o outrora imbatível Barcelona por 4 a 1, jogo disputado em Barcelona.

Mbappé foi o grande nome marcando três gols e participando ativamente do jogo.

Onde estava Neymar? No Departamento Médico curtindo mais uma contusão das muitas que já sofreu em sua carreira.

Na semana passada, Neymar sofreu uma contusão muscular que o afasta do PSG por, pelo menos, 4 semanas.

O jornal L’Equipe, o principal diário esportivo da França, fez duras críticas ao jogador.

O jornal lembra que dos 103 jogos disputados pelo time, Neymar ficou de fora de 64.

Em determinado momento, a matéria afirma:

“O brasileiro acredita que seu trabalho termina na saída do Parque dos Príncipes ou do Camp des Loges após o fim dos jogos ou treinos.”

Numa referência à vida festiva que Neymar leva fora do campo.

E ainda faz comparações a Messi e Cristiano Ronaldo que dificilmente se machucam.

Um fisiologista ouvido pelo jornal afirma que contusões de vez em quando fazem parte do futebol, mas, a sequência delas pode indicar problemas extracampo.

Nos dias que antecederam à sua contusão, Neymar comemorou seu aniversário com festa de arromba, como ele costuma fazer nessas ocasiões.

Segundo o fisiologista ouvido, a falta de sono e a ingestão de bebidas alcoólicas podem ter fragilizado o garoto que já não é mais um garoto, mas age como se fosse um eterno garoto.

Veja os gols da quarta-feira.

 

_____________________________________________________________________________

Mário Marinho – É jornalista. É mineiro. Especializado em jornalismo esportivo, foi FOTO SOFIA MARINHOdurante muitos anos Editor de Esportes do Jornal da Tarde. Entre outros locais, Marinho trabalhou também no Estadão, em revistas da Editora Abril, nas rádios e TVs Gazeta e Record, na TV Bandeirantes, na TV Cultura, além de participação em inúmeros livros e revistas do setor esportivo.

(DUAS VEZES POR SEMANA E SEMPRE QUE TIVER MAIS
 NOVIDADE OU COISA BOA DE COMENTAR)

_______________________________________________

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter