milionária copa

Tudo aberto na milionária Copa. Blog Mário Marinho

milionária copa

A Copa do Brasil é rica em emoções e em dinheiro. Além de ser também a maior competição de futebol (em número de participantes): são 92 participantes das Série A, B e C.

Em termos de dinheiro, o generoso cofre da CBF estabelece as seguintes premiações:

1ª fase: R$ 1,4 milhão (grupo I), R$ 1,25 milhão (grupo II) e R$ 750 mil (grupo III)

2ª fase: R$ 1,7 milhão (grupo I), R$ 1,4 milhão (grupo II) e R$ 900 mil (grupo III)

3ª fase: R$ 2,1 milhões

Oitavas de final: R$ 3,3 milhões

Quartas de final: R$ 4,3 milhões

Semifinal: R$ 9 milhões

Vice-campeão: R$ 30 milhões

Campeão: R$ 70 milhões

É muito dinheiro. Mesmo para os clubes mais ricos é uma grana para ninguém botar defeito. O meu América, por exemplo, se conseguir eliminar o Corinthians, terá premiação de mais de R$ 4 milhões, quantia bastante significante para seus combalidos cofres.

Grana à parte, a emoção rola solta na Copa do Brasil. Principalmente nos mata-matas sempre com a possibilidade de decisão nos pênaltis que garante emoção até para que não liga muito pro futebol.

Estamos, agora, nas oitavas de final. Os jogos disputados ontem, quarta-feira, tiveram os seguintes resultados.

Flamengo 2 x 1 Atlético Paranaense

América 1 x 0 Corinthians

São Paulo 1 x 0 Palmeiras

Bahia 1 x 1 Grêmio (jogo disputado na terça-feira)

Nenhuma classificação já está garantida antes dos jogos de volta que serão disputados na próxima quarta-feira.

O Flamengo conseguiu virar, no Maracanã, e venceu o Atlético Paranaense que é um adversário muito duro em sua casa. O Mengão terá que jogar muito para sair, pelo menos, com o empate que lhe garante a classificação.

O São Paulo, outro vencedor da noite de ontem, vai decidir a vaga no Allianz Parque, onde o Palmeiras é muito difícil de bater.

O meu América vai pegar o Corinthians onde a torcida sempre lota a Neo Química Arena.coelho

É jogo difícil para os dois.

No Independência, casa do América, o jogo foi parelho.

O Corinthians, meio destrambelhado, até que criou chances, mas esbarrou na atuação do goleiro do América Mateus Pasinato.

Grêmio e Bahia, ao que tudo indica, farão um jogo equilibrado como foi o primeiro.

Diniz

na Seleção

Foi a melhor das soluções que a CBF encontrou.

Ao invés de deixar a Seleção Brasileira nas mãos de um técnico interino, ofereceu a Fernando Diniz um contrato por um ano – até que Carlo Ancelotti seja liberado pelo Real Madri, se é que o será.

O lado ruim é que Diniz continuará no Fluminense e, portanto, dividindo o seu trabalho. Ele não terá chance de viajar e acompanhar jogos, principalmente na Europa, que interessam diretamente ao futebol brasileiro.

Mas, dos males, o menor.

Bia

avança

Bia

Depois de dois adiamentos devido às chuvas em Londres, Bia Maia finalmente fez sua estreia e passou, com dificuldades, pela casaque Yulia Putintserva. As parciais foram 3-6, 6-0 e 6-4 em duas horas de jogo.

A próxima adversária será a romena Jaqueline Cistian atual 133 do ranking.

Bia, como se sabe, é a número 1 do Brasil e a 13ª do mundo.

Boa sorte, Bia!

Veja os gols da rodada da Copa do Brasil

https://youtu.be/xW_qXfpheFY

 

______________________________

Mário Marinho – É jornalista. É mineiro. Especializado em jornalismo esportivo, foi FOTO SOFIA MARINHOdurante muitos anos Editor de Esportes do Jornal da Tarde. Entre outros locais, Marinho trabalhou também no Estadão, em revistas da Editora Abril, nas rádios e TVs Gazeta e Record, na TV Bandeirantes, na TV Cultura, além de participação em inúmeros livros e revistas do setor esportivo.

(DUAS VEZES POR SEMANA E SEMPRE QUE TIVER MAIS NOVIDADE OU COISA BOA DE COMENTAR)

_____________________________________________________________________

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter