Considerações a respeito disso tudo. Com a palavra, nosso Cacalo Kfouri. Mira

 Brasil, governo acéfalo e refém de grupelhos, seja de categorias profissionais, seja de políticos corruptos. Mas, daí a querer comparar com a Venezuela… O Judiciário, gostando-se ou não, funciona, não há ninguém cruzando fronteiras, passando fome e sem esperança.

 Confesso, não sei se a cobertura massiva por parte das TVs não está reforçando o movimento dos caminhoneiros e causando adesões inesperadas, vide o que fizeram os motoristas de vans escolares em São Paulo, alegaram não ter como bancar o combustível, mas tiveram o suficiente para circular por toda a cidade causando transtornos. Não  discuto se a greve é, também, fato jornalístico importante, mas por que  ficar mostrando a cada minuto rodovias com quilômetros de caminhões parados se todos já sabem que isso ocorre? Aprendi com o insuperável repórter fotográfico J.B. Scalco, o Van Gogh dos Pampas, que logo que se chega para cobrir um evento faz-se o registro. Feito isso, persegue-se o diferente. O G1 quase chegou lá, está mais abaixo, onde o Mirando comenta o que foi publicado.

 Além disso, foi criado um sentimento de pânico em parte da população, os apavorados de sempre, os que se alarmam por qualquer coisa que saia dos padrões aos quais estão habituados, e, agora, estimulados também pelas tais das redes (antis)sociais. Dos que ficaram horas em filas de postos de gasolina quantos realmente precisavam tanto assim do combustível, que eram profissionais que dependiam do abastecimento para trabalhar (motoristas de táxi ou de apps, por exemplo)? Vi em uma reportagem feita em um supermercado, uma mulher comprando 40 kg de arroz e 10 kg de feijão (pobre não era, certo?). Perguntada pela repórter se com tal compra não poderia faltar os produtos para outras pessoas, respondeu “Sabe, o ser humano é assim”. Ser humano? Tem certeza? Eu vi ao vivo um casal comprando 30 kg de carne congelada em uma loja da Swift. Calma, calma, não tire conclusões precipitadas, estava lá pra comprar um pacotinho de 100 gramas de salmão defumado.

 Uma dúvida: a carne que descongelou nos caminhões retidos nas estradas será destruída ou recongelada e vendida normalmente? Dá pra confiar?

 É evidente que é locaute, é o óbvio ululante, como os caminhoneiros que vivem do que ganham de frete conseguem não ganhar nada por esse tempo todo? Estão sendo sustentados, seja pelos patrões, seja por sindicatos.

 Se  o governo não fosse covarde, mandaria travar as rodas do caminhões e só destravaria depois que seus donos pagassem as multas a que estão sujeitos segundo declarações oficiais, aliás, titubeantes, pois o porta-voz do anúncio, Marun, tem dificuldade de leitura (além de outras…).

 Resumo da ópera: trata-se de uma Presidência tíbia e incompetente, que substituiu uma pior ainda, rezemos para que os caminhoneiros sejam os únicos a transformar os brasileiros em reféns de interesses particulares. Os Poderes Executivo e Legislativo são duas piadas sem graça, a  verdade é que o único deles que ainda é respeitado – e não se sabe por quanto tempo devido à ação dos ministros laxantes – é o Judiciário.

 No Estadão (27), pág. A6, “Ensaio sobre a cegueira” https://politica.estadao.com.br/noticias/geral,ensaio-sobre-a-cegueira,70002325876

 Foi anunciado que os petroleiros entrarão em greve na próxima quarta (23) para exigir a demissão de Pedro Parente. Curioso, calaram-se quando a Petrobras teve seguidas gestões corruptas, vide o petrolão, nada fizeram diante da maracutaias de Pasadena. Vão piorar o que já está péssimo e dar força ao boçalnato, não percebem?

 É errado criticar a política de preços da Petrobras, Pedro Parente gere uma empresa com ações na Bolsa, deve agir como se ela fosse a Shell, por exemplo . O que deve ser discutido é se tem sentido não privatizá-la se tem de ser assim.

A Folha de S.Paulo (26) apresentou a duas pessoas um tema para discussão, as eleições venezuelanas, perguntou se foram legítimas. Os convidados foram Aloysio Nunes Ferreira, ministro das Relações Exteriores, e Vanessa Grazziotin, componente com Gleisi Hoffmann e Lindbergh Farias, do Trio Ternura, de triste memória no processo de empessegamento de Dilma.

O ministro externou o ponto de vista do governo, “foi uma farsa”, como todas as pessoas com mais de três neurônios consideraram. Já Vanessa defendeu que foram legítimas, que “os venezuelanos devem decidir seu futuro”. Editando um velho ditado, de onde  se espera besteira, só vem besteira mesmo. Para poupar trabalho à nobre excelência, aqui vai o link de matéria no Estadão (26), que mostra como os venezuelanos decidiram seu futuro: “Compram-se elogios no Twitter”, https://internacional.estadao.com.br/noticias/geral,governo-chavista-compra-elogios-no-twitter,70002324953 E pensar que a moça insiste no “foi golpe”…

 Arre, até que enfim. Mas é só uma das definições cabíveis. Na Folha (26): “Lula nunca se moveu por convicções políticas ou ideológicas: seu norte obsessivo, hoje como ontem, é conservar o poder pessoal.”.

(CACALO KFOURI)

                                

***************

Ela disse:

 Atriz teve casa assaltada por sete homens no dia 23, quarta

 Bruna Lombardi diz que não se pode reclamar da violência em um país em que a elite rouba

Obs.: – Pode reclamar sim, a questão é que a roubalheira da elite parece não incomodar tanto como a de bandidos armados, a ponto de muitos votarem nos que compõem a classe privilegiada, pois causa, aparentemente,  menos riscos à vida.

                                                              ***************

No UOL

 Temer anuncia força federal para liberar estradas: ‘Governo agora terá coragem’

Obs.: – Quer dizer, então, que, até agora, o governo foi covarde??? Que deixou a população passar por todos os transtornos que sofreu  por ser pusilânime?

 Governo federal diz que 45% dos pontos obstruídos em estradas estão liberados

 Obs.: – A população diz que 55% continuam bloqueados…

 Holanda, Austrália e EUA responsabilizam Rússia por queda do voo MH17

 Holanda e Austrália afirmam que a Rússia é “responsável” pela tragédia do voo MH17 da Malaysia Airlines, derrubado por um míssil quando sobrevoava a Ucrânia em 2014 – afirmou o governo holandês nesta sexta-feira (15), uma declaração que pode resultar em ações judiciais.

Obs.: – Mais uma “responsabilização” que não terá consequência alguma.

 Mortalidade de crianças no Brasil aumentou após 15 anos de queda no índice

Uma análise da Fundação Abrinq sobre dados do Ministério da Saúde indica que em 2016 a taxa de mortalidade na infância — crianças entre 0(???) e 5 anos.

(???) Ô, cara-pálida, o que é uma criança de 0 “anos”? Você já ouviu falar em século 0? Eu, não, a contagem começa no 1, não reparou? Se uma criança nasce, começa a contagem de tempo do primeiro ano de vida, idade zero não é português, é estatisquês. Em português é “crianças de até 5 anos”, capisce?

                                                             ***************

No G1

‘Meu patrão falou que posso morar aqui se eu quiser’, diz caminhoneiro parado em SP

Meu patrão falou que eu posso morar aqui se eu quiser”, afirmou um dos cerca de 100 caminhoneiros de empresas e autônomos que continuam parados na manhã desta sexta-feira (25) em uma das pistas do Rodoanel Mário Covas no acesso para (a) Rodovia Regis Bittencourt, em São Paulo.

De acordo com os funcionários ouvidos pela reportagem do G1, as empresas têm apoiado a greve. “Esse preço afeta a empresa também, afeta todo mundo. O meu patrão disse: tá parado na greve, fica na greve”, disse outro motorista, que não quis se identificar.

Obs.: – Tava na cara desde o início, né mermo?

 Governo de SP multa mais de 360 veículos parados em fila dupla nas estradas

Multa pode chegar a R$ 17 mil. PM faz escola(!!!) a caminhões-tanque.

(!!!) Bem que desconfiei que os caminhoneiros mataram muitas aulas e não entendem o tamanho do prejuízo que causam ao país pensando somente no próprio umbigo.

                                                             ***************

Na Folha

Em manifesto, governadores dizem não aceitar reduzir imposto para diminuir preço do combustível

 Governadores de cinco estados e do Distrito Federal elaboraram um manifesto em que afirmam que o governo federal tenta “socializar com os estados a responsabilidade” sobre os preços dos combustíveis  para “equacionar o que está em sua governança como acionista majoritária da Petrobras”

Obs.: – Dois comentários do Mirando de sexta, 25:

1 – Será que os governadores vão aceitar mansamente o corte no ICMS? O dinheiro do imposto é deles…

 2 – Pode ser simplismo, reconheço, mas se a Petrobras tem ações na Bolsa, estabelece preços de acordo com o mercado internacional, por que não pode ser privatizada?

Preço da laranja triplica no(*) Ceagesp no 5º dia de protestos dos caminhoneiros

(*) Ceagesp, Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo, companhia, feminino, na, cara-pálida, na.

Delator do Fifagate, Hawilla queria ser visto como homem de imprensa

Obs.: – Só se fosse porque “imprensava” e exigia propina.

 Painel

 Memória seletiva Desde que a crise dos caminhoneiros explodiu, o PT faz forte campanha nas redes sociais para alardear que combustíveis e gás eram mais baratos sob a batuta da legenda. As mensagens ignoram o revés da Petrobras no segundo mandato de Dilma Rousseff. Em 2015, a estatal registrou seu primeiro prejuízo desde 1991.

Memória seletiva 2 A Petrobras fechou o ano que antecedeu a queda de Dilma com rombo de R$ 34,8 bilhões.

Obs.: – Para os que não se lembram…

                                                              ***************

No Estadão

Moro nega suspeição e usa fotos de petista com Geddel e Aécio

Após ser fotografado ao lado de Doria em evento, juiz anexa imagens em resposta ao pedido da defesa do ex-presidente

Obs.: – Moro foi gentil, não citou a com Maluf durante a campanha de Haddad à prefeitura paulistana. A defesa de Lula é pândega.

Incêndio mata 9 em centro de infratores

Unidade de Goiânia estava superlotada; adolescentes teriam ateado fogo em colchão

Obs.: – Não basta a tragédia das mortes? Atearam “a”, cara-pálida, “a”. A, de ahhhh… é assim? Não sabia, não estudei…, mas tenho deproma.

                                                              ***************

N’O Globo

OAB: ‘Não se pode confundir o advogado com seus clientes’

Obs.: – Está cada vez mais difícil não confundir… Que tal se os advogados de figuras notórias parassem de agir como se nós fôssemos idiotas?

                                                             ***************

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter