Continua a luta de forças do mal. Adivinha quem está sendo esticado…

O Estadão (14) publica na pág. A2 artigo de autoria do vice-presidente Hamilton Mourão, bem escrito, mostra que diferentemente de seus colegas no governo, é letrado, mas isso não muda o fato de que distorceu os fatos. Cita “usurpação das prerrogativas do Poder Executivo” desconsiderando que a função do Judiciário é fiscalizar o cumprimento da Constituição constantemente agredida por seu superior.  

 Quando cita a Federação, sofisma, critica governadores e prefeitos se esquecendo de que os federados têm independência para ações que julgarem mais adequadas para estados e municípios que governam independentemente do Poder Executivo, o que foi reafirmado recentemente pelo Supremo Tribunal Federal. Afirma, a certa altura, que “prejuízo à imagem do Brasil no exterior decorrente das manifestações de personalidades (…) que usam seu prestígio para fazer apressadas ilações e apontar o País “como ameaça a si mesmo e aos demais na destruição da Amazônia e no agravamento do aquecimento global”, uma acusação leviana que, neste momento crítico, prejudica ainda mais o esforço do governo para enfrentar o desafio que se coloca ao Brasil naquela imensa região, que desconhecem e pela qual jamais fizeram algo de palpável.”.

 Esforço, general? O Inpe, instituto do governo, portanto teoricamente insuspeito, tem mostrado o tamanho do “esforço” que tem resultado em grande aumento do desmatamento, sendo que o ministério que deveria cuidar do Ambiente é chefiado por um condenado pela Justiça. Mas a falha maior no raciocínio do vice está logo no primeiro parágrafo do artigo, “Nenhum país do mundo vem causando tanto mal a si mesmo como o Brasil. Um estrago institucional que agora atingiu as raias da insensatez está levando o País ao caos.”.

 Esqueceu de citar quem é o responsável por isso, é o coiso, o seu chefe, o que desrespeita a Ciência, pondo a vida dos brasileiros em risco diariamente.

 A íntegra está aqui:

 https://opiniao.estadao.com.br/noticias/espaco-aberto,limites-e-responsabilidades,70003302275

 O sinistro do “Mistério da Falta de Relações Exteriores” Ernesto Araújo, dando seguimento a suas ações insanas, proibiu que os clippings – resumo do noticiário – de jornais brasileiros sejam enviados às embaixadas. A decisão é de uma burrice digna do autor, agora, os diplomatas no exterior passarão a se informar por meio da imprensa internacional e terão ideia melhor do desprestígio do país.

Em artigo publicado na Folha de S.Paulo (13) a mais perfeita definição perfeita de quem é Dias Toffoli, presidente do STF:Entre a falta de ideia e a má ideia, Toffoli costuma preferir a má ideia. Essa é a marca que ficará de sua gestão histórica na presidência do STF. Histórica porque desprovida de direção e de apego à independência institucional. Ou porque a ausência de vigor moral e intelectual restará como exemplo a nunca ser seguido.”.

Ontem foi 13 de maio, ninguém se lembrou do que se trata a data, a da assinatura da Lei Áurea, em 1888. Entre os que não se lembraram estão os descendentes daqueles que sofreram sob a escravidão.

 (CACALO KFOURI)

                                                           ***************

O entregador foi fotografado ontem na Marginal Tietê (SP) violando várias regras de trânsito, onde está a fiscalização? Sabem onde? No blá-blá-blá.

                                                                 ***************

Copiada do Blog do Ancelmo

As decisões de Bolsonaro fazem o Brasil virar… chacota no exterior

O Brasil virou chacota. A agência France-Presse (AFP) emplacou nos principais jornais do mundo: “No Brasil, exercitar-se na academia e cortar o cabelo são atividades essenciais, diz o presidente Jair Bolsonaro, que afirma que o ‘Covid-19 é apenas um caso fraco de gripe’”.

Se tomar conhecimento da notícia, o coiso dirá que Macron não dá importância a ginástica e cuidados estéticos porque a mulher dele é feia, repetindo a grosseria proferida em agosto do ano passado.

                                                          ***************

Copiadas da Folha

 Bolsonaro usa pseudônimos ‘Airton’, ‘Rafael’ e ’05’ em exames que deram negativo para coronavírus

Dados como RG e CPF, no entanto, eram verdadeiros

Que algum coisiforme explique se conseguir.

Defesa apura irregularidade em auxílio de R$ 600 para 73,2 mil militares, pensionistas e anistiados

Alguns receberam automaticamente o auxílio por estarem no Cadastro Único ou serem beneficiários do Bolsa Família

É possível isto, militar inscrito no Bolsa Família? Como? Aqui já não existe uma fraude?

O governo vai apurar o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 a mais de 73.242 militares, pensionistas, dependentes e anistiados cadastrados na base de dados do Ministério da Defesa.

Pensionista civil não recebe…

                                                             ***************

Copiadas do UOL

Bolsonaro: militares que receberam auxílio são ‘jovens do serviço obrigatório’

Jovens e muitos já pensionistas??? Que envelhecimento acelerado, hein?

Bolsonaro atribui problemas no auxílio a “golpe” e “erros” de trabalhadores

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse hoje que não há falha do governo em relação à operação para pagar o auxílio emergencial de R$ 600 para trabalhadores sem carteira assinada. Em conversa com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada, o presidente afirmou que “muita gente deu golpe” e que “não existe falha nossa”, mas sim “erro do próprio interessado”.

É mesmo, ô raça desgraçada esta de trabalhadores sem trabalho, tudo picareta. Corretos estão os mais de 70 mil militares que já receberam o que não deveriam, os R$ 600.

Vão cair do cavalo sobre o vídeo’, diz Bolsonaro sobre reunião ministerial

A versão de Bolsonaro, de que não falou a palavra “Polícia Federal” na reunião, causou uma contradição com a afirmação feita pelo ministro Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), que prestou depoimento ontem no âmbito da investigação decorrente do inquérito aberto pelo STF (Supremo Tribunal Federal). Na avaliação do presidente, o subordinado “se equivocou”.

Mais uma humilhação, hein, general? Vergonha para o “insélcito nacional”… O que pensariam disso os valorosos militares da FEB que lutaram na Itália?

Depoimentos de ministros confirmam resistência de Moro para troca na PF

O chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, disse ontem, em depoimento à Polícia Federal, que sabia do impasse entre Jair Bolsonaro (sem partido) e Sergio Moro em relação ao comando da PF. O militar afirmou que “nunca entendeu” o motivo da insatisfação do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública. “Ressaltando que nunca entendeu o motivo da rejeição obstinada do então ministro Moro à troca do diretor-geral”, disse Heleno, segundo a transcrição de seu depoimento, ao qual o UOL teve acesso.

Mais um general equivocado que será mais um general humilhado?

Augusto Heleno diz que divulgação de vídeo na íntegra é ‘ato impatriótico’

Ah, ato antipatriótico” é a divulgação e não o seu conteúdo? Que beleza!!! Mas a opinião não é de se estranhar vinda de quem, quando capitão – epa, opa – assumiu o cargo de ajudante de ordens do então ministro do Exército, Sylvio Frota, que tentou um golpe dentro da ditadura militar que não existiu, segundo Heleno,  para derrubar o ditador de então, Ernesto Geisel.

                                                          ***************

Copiada do G1

 Taxa de isolamento social não sobe mesmo com rodízio ampliado em vigor em SP

 Na segunda (11), índice registrado foi de 48% no estado e 49% na cidade de São Paulo.

Gente, crie juízo caso contrário virá o pior, o lockdown. E ninguém poderá alegar falta de aviso.

 Governador do Piauí anuncia ‘lei seca’, proibição da venda de bebida alcoólica, e medidas mais rígidas de combate à Covid-19

 Entre elas, a ‘lei seca’ a partir desta sexta-feira (15), às 0h, proibindo a venda de bebidas alcoólicas em todo o estado. A comercialização fica restrita até o domingo (17).

Eta perda de tempo, vão esgotar os estoques na quinta… e com muita bebida em casa é provável exagero no consumo e aumento de violência doméstica.

 Após Teich alertar sobre risco da cloroquina, Bolsonaro defende o remédio e pede ministros ‘afinados’ com ele

 Ou seja, ignorantes que desprezam a Ciência e mais os terraplanistas. É incrível como tem gente sem amor-próprio nesta Terra redonda.

 

AGU defende que STF dê preferência ao governo federal na requisição de leitos e respiradores

 Mas, por quê, o coiso mudou de ideia, a  covid-19 não é mais só uma gripezinha? O pedido não tem lógica.

 Ministério Público pede à Justiça desmobilização de acampamento de apoiadores de Bolsonaro em Brasília

 MP equipara movimento a ‘milícia armada’. Órgão também pede proibição total, por tempo determinado, de manifestações com aglomeração de pessoas.

É a especialidade da zeralhada, milícia, orna com os acampados.Militar Soldier GIF - Militar Soldier Army - Discover & Share GIFs

 STJ nega novo pedido para suspender investigação de ‘rachadinha’

 (Flávio Bolsonaro é desviar)(*) parte dos salários de assessores. Ele nega irregularidades.

 (*) É uma falha que pode ser chamada de erro freudiano, 01 transformado em adjetivo para classificar rachadinha. O que será que falta na frase? Insiste tanto em não ser investigado que dá para supor que o faltante é “culpado de”.

                                                              ***************

Copiada da Coluna de Rubens Valente

Saraiva afirma que Ramagem, da Abin, “o convidou” para chefiar PF do Rio

O delegado da Polícia Federal (PF) Alexandre Saraiva revelou nesta quarta-feira (13), em depoimento à PF no inquérito do STF que investiga as denúncias do ex-ministro Sergio Moro sobre suposta interferência política no comando da polícia, que no ano passado ele foi procurado pelo seu colega, o delegado Alexandre Ramagem, que o convidou para se tornar o novo superintendente da PF no Rio.

Quanto mais se mexe mais fede, quanto mais o coiso desmente mais se confirma, Pinóquio é aprendiz em comparação a ele.

                                                             ***************

Copiada do Estadão

Setores da ‘marcha empresarial’ ao STF são contemplados.

Presidente inclui em lista de atividades essenciais 7 das 15 áreas empresariais cujos representantes se reuniram com ele no Planalto

Ao permitir que locadoras de veículos abram durante a pandemia, por exemplo, o presidente beneficiou o secretário de Desestatização e Privatização do Ministério da Economia, Salim Mattar, dono da Localiza. Também favoreceu o empresário bolsonarista Luciano Hang(*), da rede Havan, ao liberar o comércio de bens e serviços.

Mattar e Hang, [to] hang, enforcar, em inglês, os nomes são autoexplicativos.

Entre os empresários que apoiam Bolsonaro está Edgard Gomes Corona(*), dos grupos Bio Ritmo e Smart Fit, duas redes de academia.

(*) Está explicado, é parente do vírus e o coiso é muito preocupado com assuntos de “família”, se me entendem…

Congresso aprova aumento para policiais

Projeto autoriza gasto de R$ 505 milhões por ano; Bolsonaro aguardava aprovação para vetar reajuste de servidor no socorro a Estados

Mais uma patifaria do coiso, desta vez com a cumplicidade do Congresso.

                                                         *************** 

 

 

 

 

 

 

2 thoughts on “Continua a luta de forças do mal. Adivinha quem está sendo esticado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *