Como diria Caetano, “ou não”

De qualquer forma, o Governo já tomou providências para reduzir os danos. Quase 800 documentos referentes às relações governamentais com a Odebrecht – cujo presidente, Marcelo Odebrecht, está preso por ordem do juiz Sérgio Moro – foram classificados como “secretos” ou “reservados”. Alguns só poderão ser revelados em 2030. Como dizia o ministro Ricúpero, o que é bom a gente mostra, o que é ruim a gente esconde.

No caso, o Governo optou por esconder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter