Onça, seja Ousado. Bolsonaro e Salles juntos, não perca essa oportunidade

O coiso declarou dias atrás ter acabado com a Lava Jato porque não há corrupção em seu governo, mas acaba de ser desmentido por seu vice-líder no Senado, Chico Rodrigues (DEM-RR), quê, durante operação da Polícia Federal para levantar desvios de verbas destinadas ao combate à pandemia, escondeu R$ 30 mil na cueca, ou seja, fez aquilo que no popular se chama de encher o fiofó de dinheiro. A nobre excelência repetiu o feito de José Adalberto Vieira, assessor do deputado José Guimarães (PT-CE), irmão de José Genoíno (PT-SP), que foi pego no Aeroporto de Congonhas com US$ 100 mil na cueca e R$ 100 mil na mala,  em 2005.

Segue uma análise perfeita do que se vive no Brasil presidido(?) por alguém mais preocupado em proteger filhos e aliados e, por isso, não vetou um jabuti incluído por um deputado do Centrão na proposta do novo Código Penal e quê, nas mãos do ministro Marco Aurélio Mello, está soltando criminosos perigosíssimos. É de autoria de Josias de Souza, no UOL: “Não há ingênuos no caso do chefe fujão do PCC”

 https://noticias.uol.com.br/colunas/josias-de-souza/2020/10/13/nao-ha-ingenuos-no-caso-do-chefe-fujao-do-pcc.htm

 Junte-se o texto acima com “Ignorância como ativo eleitoral”, editorial do Estadão (15), pág. A3, e a conclusão a que se chega é não existir possibilidade de o país deixar de ser o que é.

 https://opiniao.estadao.com.br/noticias/notas-e-informacoes,ignorancia-como-ativo-eleitoral,70003475492

 Parece inevitável a nomeação de Kassio Marques para ocupar a vaga de Celso de Mello no STF, o senador Eduardo Braga (MDB-AM), responsável pelo relatório a ser apresentado à Comissão de Constituição de Justiça, concluiu que as pedaladas no currículo do indicado não afetam o saber jurídico dele. Já em relação à reputação ilibada, talvez característica mais importante que o conhecimento, o relator pensa não ter sido maculada pelas inverdades curriculares. É fácil concluir, então, que a sabatina será mera fantasia, um festival de elogios feitos por grande números de parlamentares que mais dia menos dia dependerão de decisões de Kassio.

 A contratação de Robinho,  condenado por estupro na Itália, além de ser um desrespeito às mulheres, é de uma burrice ímpar nos dias atuais, a Orthopride, empresa de ortodontia, rompeu contrato com o clube. O patrocinador anunciava dentro dos números das camisas dos jogadores  desde maio de 2018. 

 Aviso aos coleguinhas, é Instituto Médico-Legal, com hífen, pois se há alguma coisa que não é legal, ao contrário, é terrível, é o instituto, só lida com cadáveres.

 (CACALO KFOURI)

                                                               ***************

O STJD advertiu Carol Solberg por haver declarado “Fora, Bolsonaro!” ao receber um prêmio, mas fez vistas grossas quando Maurício e Wallace fizeram campanha para o coiso em pleno Mundial de Vôlei. Ontem, durante a transmissão do jogo Brasil contra Peru pela TV Brasil, da mais que aparelhada EBC, o ás no falante elogiou por duas vezes o coiso em clara violação ao que determina a Constituição, não foi a uma regrinha sem sentido de comportamento em competições esportivas. Terá consequência?

                                                               ***************

Copiada d’O Globo

 No auge da animosidade com Venezuela, Exército fez simulação de guerra sem precedentes na Amazônia

A “guerra” na região amazônica ocorreu entre 8 e 22 de setembro. No dia 18 daquele mês, o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, fez uma visita a Roraima, região de fronteira com a Venezuela. O chefe da diplomacia de Donald Trump esteve em Boa Vista — a 840 quilômetros de Manacapuru — e foi ciceroneado pelo chanceler Ernesto Araújo. A visita foi duramente criticada, por ter ocorrido durante a campanha eleitoral em que Trump busca a reeleição, por ter se passado na região de fronteira e por ter emitido um sinal belicoso da relação de EUA e Brasil com a Venezuela.

“Dentro da situação criada e com os meios adjudicados, foi a primeira vez que ocorreu este tipo de operação”, informou o Exército à reportagem. Os R$ 6 milhões gastos saíram do Comando de Operações Terrestres (Coter). A Força não informou os outros gastos com a operação, além de combustível, horas de voo e transporte de civis.

E quem ganhou? Nossos militares estão mais afeitos a lutar contra inimigos amarrados em cadeiras como, por exemplo, o grande respeitador dos direitos humanos, segundo o vice Hamilton Mourão, coronel Brilhante Ustra.

                                                               ***************

Copiada do NOSSA COZINHA

Curry de camarão thai com noodles de arroz

1 cebola-roxa(*) média

(*) Sem hífen, senão fica ardida demais.

1 pedaço(s) de 2cm de gengibre

400 mililitro(!!!) (ml) de leite de coco

1 punhado(s) de folhas de manjericão-de-folha-larga

1 punhado(s) de folhas de coentro

(!!!) Cara-pálida, cadê a lógica? Tem “s” indicando plural em tudo o que é só uma unidade e no caso em que é plural – 400 mililitros – não? Tenha dó, vai.

Tempere os camarões(*) com sal e pimenta e sele os camarões(*) na panela, em levas, de forma que todos toquem o fundo e não fiquem amontoados. Retire os camarões e reserve.

(*) Olha, inventaram pronomes para casos assim, tempere os camarões e sele-os, mas se quiser irritar o Gordo deste Chumbo escreva “os sele”.

Na mesma panela, adicione a cebola-roxa(*) picada em cubinhos.

(*) Sem hífen.

Adicione a  (mistura do curry, o leite de coco)(?), 2 xícaras do caldo de camarão (ou legumes) e o suco de limão.

(?) Que mistura, cara-pálida? Ah, a mistura do curry com o leite de coco…

Agora resta torcer para que a receita funcione…

                                                                  ***************

Copiada da Folha

Presidente da Fundação Palmares diz que Marina Silva e Preta Gil se declaram negras ‘por conveniência’

Sérgio Camargo afirma ter tirado o nome da ex-ministra da lista de personalidades negras e que nenhum político vivo merece a homenagem

Recorro, mais uma vez ao jornalista Geraldo Mayrink, autor da frase “Não há limites para a insânia”, e a Albert Einstein, para quem a única certeza que tinha tratava da infinitude da burrice humana. O ignóbil Sérgio, além de repetir a ofensa  aos negros, atacou, entre outros, a zeralhada, todos políticos, vai ser demitido.

Assistentes virtuais não substituem atendimento humano ao consumidor

 Cada vez é mais difícil conversar com um ser humano; atendentes digitais só conseguem passar informações muito básicas

Assistentes virtuais são a mosca na cabeça de Mike Pence, pior que aquela dos dejetos do cavalo do bandido. O digitador destas bem traçadas linhas graças ao Word já desistiu de centenas de operações devido à impossibilidade de falar com gente.

                                                                 ***************

Copiada do SP-LA-SH

Joaquin Phoenix será Napoleão em filme dirigido por Ridley Scott

Caramba, terá de encolher na altura e aumentar na cintura.

                                                                 ***************

Copiadas do UOL

Ao defender novo imposto, Guedes afirma que bancos já cobram CPMF

O ministro da Economia, Paulo Guedes, voltou a defender a criação de um imposto sobre transações digitais, nos moldes da extinta CPMF, para substituir as contribuições patronais sobre a folha de pagamentos. Segundo ele, a proposta do governo não recria a CPMF e seria semelhante a tarifa que os bancos cobram dos correntistas para fazer transferências de recursos.

Mente descaradamente, os bancos não cobram de todos os correntistas, muitos têm isenção de tarifas conforme os valores nas contas. E, a partir de 16/11, entrará em vigor o Pix, sistema gratuito de transferências, criado pelo Banco Central, não há como alegar desconhecimento. Pinóquio!

Eleição nos EUA: partido de Trump coloca urnas falsas na Califórnia

A pouco menos de um mês das eleições, marcadas para o dia 3 de novembro, o partido Republicano da Califórnia (EUA) admitiu ter instalado mais de 50 urnas falsas de votação em cidades do estado, uma iniciativa que as autoridades locais classificaram como ilegal e uma fraude eleitoral.

Ahhh, mas o perigo não é  o voto pelo Correio segundo  Trump/Tramp? Ao ficar sabendo da tramoia ele deu o “maióirrr apoio”, declarou que  “Lutem com vontade, republicanos duros”. Uma escritora norte-americana, Ottessa Moshfegh, declarou que se Trump for reeleito o país assume ser fascista, o Mirando discorda, assumirá ser “burrista”, só falhos de inteligência não notam a fraude que ele é.

                                                                 ***************

Copiada do Estadão

Onça que sobreviveu a incêndio tem alta; falta plano de devolução

Governo ainda não definiu onde Ousado vai ficar; Bolsonaro estaria avaliando se vai assistir(*) sua soltura

Resgatada com as patas queimadas em meio à destruição no Pantanal, a onça macho Ousado (à direita) teve alta ontem e deve ser devolvida a seu hábitat pelo presidente Jair Bolsonaro.

(*) Cara-pálida, assistir à sua soltura, verbo transitivo indireto, assistir sua soltura seria uma contradição,  pois, como transitivo direto, o verbo tem sentido de acompanhar enfermo, moribundo etc. para prestar-lhes socorro, e o coiso e seu sinistro contra o Ambiente, Ricardo Salles, foram, em última análise, cúmplices no que causou os ferimentos na onça.

                                                                 *************** 

Onca GIFs - Get the best GIF on GIPHY

 

1 thought on “Onça, seja Ousado. Bolsonaro e Salles juntos, não perca essa oportunidade

  1. O caso do dinheiro na cueca do senador bolsonarista faz lembrar uma recente frase do capitão: “havendo corruptos no governo, dou voadora no pescoço”.

    Ou seja: prezada dona Michelle, melhor proteger-se do umbigo pra cima. Capitão nunca foi muito bom de pontaria, e aquela historinha tua com a Damares tá muito mal explicada… Isso pra não falar dos 89 paus do Queiroz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter