Polícia Federal

Polícia Federal controlada no cabresto e policiados soltos

 Ele diz que não influi

No último dia 19 de maio, a Polícia Federal deu início à Operação Akuanduba para apurar crimes contra a Administração Pública, cometidos  por agentes públicos e empresários do ramo madeireiro. As buscas e apreensões foram feitas no Distrito Federal, Pará e em São Paulo, cumprindo determinação do STF.

O principal alvo da operação era o ministro contra o Ambiente Ricardo Salles, hoje comentarista da TV Jovem Pândega, vulgo Pan. Quando Salles “deixou” a pasta o inquérito saiu da alçada do STF e passou para a primeira instância, foi para as mãos da PF no Pará.

 O policial Franco Perazzoni, lotado na Superintendência do Distrito Federal, que deu início à operação foi mantido  na investigação a pedido da chefia do Pará com concordância da então chefia no DF.

Por coincidência, sim, coincidência, pois o coiso “não” exerce influência alguma sobre a PF, acabou-se o que era doce, uma decisão do superintendente da Polícia Federal no Pará, Wellington Santiago, encerrou a atuação na operação Akuanduba do delegado Perazzoni. E, por uma coincidência maior ainda,  Wellington Santiago  recebeu um convite da Direção-Geral da PF para ser adido do órgão na Colômbia. Docemente constrangido e sem dar nenhuma contrapartida, aceitou a missão.

Troglodita coisista…

Ih, é pleonasmo! Anteontem (10), em João Pessoa (PB), durante uma sessão do filme Mariguella,  de Wagner Moura,  miliciante coisista passou a sessão inteira atrapalhando a exibição  com provocações em ataques grosseiros e medíocres bem ao nível do ídolo dele. No fim da sessão, dirigiu-se até perto da tela e passou a classificar de “comunistas” os que aplaudiam o filme. Por meio do link abaixo é possível ver o lamentável comportamento de quem copia o daquele que admira:

 https://dercio.com.br/parecia-cena-de-filme-mas-aconteceu-na-vida-real-no-cinepolis-do-manaira-shopping/

 Como dizem os japoneses quando falam francês, “plus ça change, plus c’est la même chose

O Congresso, ontem, abriu crédito que viabiliza o Auxílio Brasil, uma ação eleitoral inventada pelo  coiso. Na verdade, é a metamorfose daquela que criou o Bolsa Família, obra de Lula, que distorceu o Bolsa-Escola – tinha hífen – com origem em 2001, no governo de Fernando Henrique Cardoso, que exigia que os beneficiados comprovassem a frequência escolar de seus filhos para receber o pagamento.

Sem comparar os autores das mudanças, o coiso só pode ser comparado aos que estão entre as  grades por razões totalmente diferentes das que encarceram Lula.

 Se bem que em relação ao PT resta esclarecer o envolvimento na morte do prefeito de Santo André, Celso Daniel.

 Livre pensar é só pensar

O letrista Gilberto Gil, não ele cantor ou melodista, foi  eleito como imortal da Academia Brasileira de Letras. Vai ocupar a cadeira número 20, a mesma que foi infectada pelo general Aurélio de Lyra Tavares, ministro do Exército da ditadura militar e um dos signatários do abominável AI-5. Foi também o responsável pela prisão de Gil e Caetano Veloso. Depois de soltos, exilaram-se em Londres.

Sem desconsiderar os brilhantes imortais que a compõem, há que lembrar que fazem parte da ABL figuras como José Sarney, Paulo Coelho, Roberto Campos, Ivo Pitanguy, Merval Pereira e Marco Maciel, entre outros, cujo mérito no que se refere às letras, e no caso de alguns, em qualquer área,  é difícil de descobrir.

Veio à lembrança deste mirandeiro a reação dos 21 cientistas que se recusaram a aceitar a Ordem do Mérito Científico ao saberem que o ignóbil negacionista cassou a de dois merecedores e a atribuiu a si mesmo, desmoralizando irremediavelmente a classe.

Vale a pena ter colegas como os citados acima?

Aqui, o português é maltratado, na origem é preocupação

 De acordo com o artigo “Há crianças que só falam brasileiro”, publicado no jornal português “Diário de Notícias”, é cada vez mais forte a influência  do jeito brasileiro de falar a língua que os ingênuos da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa pensam ser a mesma. O maior perigo é que a influência não é de bons falantes, é de youtubers.

 https://www.dn.pt/sociedade/ha-criancas-portuguesas-que-so-falam-brasileiro-14292845.html

 (CACALO KFOURI)

                                                             ***************

Copiada da Folha

 Mônica Bergamo

 Bolsonaro nomeará 75 desembargadores, na maior canetada da história recente

A avalanche bolsonarista nas cortes será possível graças ao aumento de quase 50% das vagas em cinco tribunais aprovado pela Câmara no dia 8 de novembro (serão 57 novos cargos). E também à criação de uma nova corte, o Tribunal Regional Federal da 6ª Região, em Minas Gerais, aprovada anteriormente, em outubro. O TRF-6 terá 18 novos juízes.

Não existe atividade  que seja mais nobre que outra, mas em duas, quando os profissionais se desviam do padrão imaginado pelas pessoas em geral, o espanto é maior. Trata-se da Medicina, os que salvam vidas e no imaginário do povo são dedicados ao extremo, e do Direito, composto por aqueles responsáveis pelo cumprimento da Lei e da Ordem.

É inacreditável a destruição que o atual presidente causou nos dois conceitos, médicos desonraram a profissão ao aliar-se às teses malucas e negacionistas dele. Agora, envolve em suspeita de má conduta desembargadores, assim como fez com um ministro do STF, Nunes Marques, do qual diz ser dono de 10% (o mais triste é que o ministro não reagiu, então deve ser verdade). O coiso já insinuou  que vai ser dono de 10% de todos os 45 entre os 75 que poderá escolher.

                                                             ***************

Copiada do Estadão

 No Atacama, um lixão mundial para a moda descartável

 Montanhas de itens de segunda mão comprados de(*) Europa, EUA e Ásia, o chamado ‘fast fashion’, tomam o desértico norte do Chile

(…), que se transformou em um lixão clandestino de roupas compradas e vestidas nos(*) EUA, Europa e Ásia.

(…), que se abastecem com fardos comprados pela zona franca do norte do país dos(*) EUA, Canadá, Europa e Ásia.

“O que não foi vendido para Santiago ou foi para outros países (como (*) Bolívia, Peru e Paraguai para contrabando)

(*) Trata-se de um escriba pisca-pisca, acerta e erra, erra e acerta. Na linha fina acertou ao usar “de”, nos dois parágrafos seguintes errou ao escrever dos EUA, passou a ser obrigatório “do” Canadá, “da” Europa e Ásia. Depois, voltou a acertar, dispensou as contrações.

                                                             ***************

Copiadas do Blog do Ancelmo

Shopping em Bangu terá de indenizar em R$ 40 mil casal vítima de bala perdida no estacionamento

(…),  Jaisom Castro Moço e Jamilla Barros Moço paravam seu carro quando foram surpreendidos com um disparo de arma de fogo que atravessou o pára-brisa(!!!) e atingiu o homem na região cervical.

(!!!) Fenômeno, o cara-pálida conseguiu errar na velha e na nova ortografias! Antes era parabrisa e passou a ser para-brisa, pois foi eliminado o acento diferencial de para – do verbo – e para, preposição.

Devido ao ocorrido, ele se afastou do trabalho como motorista de aplicativo por alguns dias e descobriu ser incapaz de retorná-lo(???) pelo medo

(???) Barrabás, retomá-lo, escriba. Ou, então, retornar ao, cara-pálida.

 O réu também foi condenado a arcar com o dano material do pára-brisa(!!!)

  (!!!) Fenômeno 2, a erração!

A nota leva o crédito do titular… duvideodó…

Mutirão fará limpeza na Pedra do Arpoador para o feriadão

A partir das 10h de hoje, um mutirão de limpeza em um dos cartões(*)postais da cidade,

(*) Com hífen, escriba.

O local, que abriga o (pôr-de-sol)(!!!) mais famoso do Rio,

por do Sol(!!!) Fenômeno 3, a continuação! Errou tudo, era pôr-do-sol e não “de”, agora é pôr do sol…

Hummm, que suspeita…

Não tem vaga nos hotéis de Copacabana para o feriado da República

Em Copacabana, a previsão é de(!) casa cheia.

(!) Não, escriba, a previsão é casa cheia ou é a de casa cheia.

No CTI há um mês, paciente com pneumonia grave e derrame não consegue cirurgia na rede pública

Está completando um mês, exatamente hoje, do dia em que Ana Flávia Souza de Alvarenga, de 50 anos, deu entrada no Hospital municipal(!!!) Albert Schweitzer

Após a publicação da nota, a Secretaria municipal(!!!) de Saúde (SMS)

(!!!) O cara-pálida é preconceituoso com firma reconhecida! É em caixa-alta, para com ilso, deixa dilso.

Escriba, tente, por mais que doa, entender: as secretarias Municipal e Estadual vão em alta, já os secretários/as é que vão em baixa. Note, não é difícil.

A cadeira 20 de Gil na ABL já foi de seu ‘carcereiro’ Lyra Tavares

 Mas em Frei Paulo(*) Adelita é… deixa pra lá.

(*) Mas deixe pra cá uma virguleta…

                                                             *************** 

polícia federal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter