Revolta: um cara mata a namorada grávida e ainda é “premiado”. Sentenças alucinadas

Reza a Lei Zerésima de Murphy que nada está tão ruim que não possa piorar, o que vai a seguir é mais uma demonstração de sua eficácia. Tempos atrás, uma mulher, grávida, foi assassinada pelo seu namorado, que foi preso e condenado. Ontem (28), o G1 noticiou “Homem acusado de matar ex grávida ganha cela isolada para ‘repor energias’”. Ex grávida? Levando-se em conta que, tal como acontece com a crase, que vem humilhando escribas, o hífen causa o mesmo efeito, portanto, é possível ler “ex-grávida”, o que seria o caso de todas as mães…, mas não é isso, tempos depois caiu a ficha de alguém e o título foi corrigido,   “Dentista acusado de matar ex-namorada grávida no RJ ganha mordomia na cadeia”. Mas, a tragédia não se resume à escrita, e o resto é pior. Uma desembargadora, Giselda Leitão Teixeira, da 4ª Câmara Criminal, autorizou o assassino a trabalhar como dentista no presídio. Além disso, um documento da Seap (Secretaria de Administração Penitenciária)  mostra que o dentista está em uma cela isolada para ter “mais conforto e tranquilidade” para a reposição de suas energias devido ao trabalho como dentista. É o caso de perguntar se a assassinada vai conseguir recompor sua vida e poderá sair do desconforto pelo qual passa dentro de um caixão em uma cova no cemitério. Mas, a tragédia não ficou só nisso, há os crimes cometidos contra o vernáculo pela desembargadora no texto de sua decisão:

 

 Obs.: – “Proporcionará ao mesmo”, V.Exa.? Não sabe que “mesmo” não pode ser usado como pronome? “Tranqülidade”? Não ouviu, ainda, falar que houve uma reforma ortográfica que possibilitou ao “u” mais conforto e tranquilidade e aboliu o trema que lhe pesava sobre os ombros? E, finalmente, “face ao”? Em face dos vários erros cometidos, sugiro que V.Exa faça um curso intensivo de português nas próximas férias e, principalmente, reflita sobre o que concedeu a um assassino e revogue a medida.

 Pobre TJRJ, vai mal de desembargadoras, tem também aquela que ofendeu Marielle e uma professora com Síndrome de Down.

 Teve bolsonaro na TV ontem e tem nos jornais de hoje. Como nem meus ouvidos, muito menos meus olhos, não são penico, ignorei.

 (CACALO KFOURI)

                                                          ***************

Na Folha

   Discurso pró-segurança de Bolsonaro seduz lulistas no Nordeste

 Obs.: – Uai, um contrassenso, né mermo? Quem está preocupado com segurança não quer que um condenado seja solto…

 Há evidências(*) de que Vaticano sabia de acobertamento, diz procurador

 (*) Miracolo, miracolo, o UOL acertou, foi a Folha que errou. Título na capa do UOL:

Procurador: Há indícios de que Vaticano sabia de ‘acobertamento’.

Indícios, muito bem! Evidências é anglicismo, além de ser má tradução.

 Obs.: – É evidente – mas não são evidências – que o Vaticano sabia e acobertou, papas com ouvidos moucos não são poucos, basta ver, para citar só um exemplo,  Pio XII *na Segunda Guerra Mundial, que ignorou solenemente o que os nazistas fizeram com os judeus.

(* Atenção: atualizado às 15h06 – Foi o Papa Pio XII, não o Papa Pio XI, como estava anteriormente – fomos alertados por um leitor)

 Procuradoria impugna Marcelo Cândido e Paulinho da Força por Lei da Ficha Limpa

O candidato do PDT ao governo de São Paulo, Marcelo Cândido, e o deputado federal Paulo Pereira da Silva (Solidariedade), o Paulinho da Força, são dois dos 72 candidatos paulistas contestados pelo Ministério Público Eleitoral por incorrerem na Lei da Ficha Limpa.

Obs.: – Mais do que justo, o problema é que até a Justiça Eleitoral julgar, depois virão recursos o tal da Força provavelmente estará eleito – é o “novo Brasil” que a turma diz que quer para a Globo – e, vai da valsa, nada acontecerá.

                                                          ***************

No UOL

Santos fala em “nojo” de bastidores e promete recorrer até na Fifa

A diretoria do Santos contestou a decisão da Conmebol, que puniu o clube nesta terça-feira por escalar o volante Carlos Sánchez de forma irregular no empate sem gols contra o Independiente, da Argentina, na semana passada, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores da América, em Avellaneda.

Obs.: – A Conmebol é um nojo, a Fifa é um nojo, a CBF, é um nojo, todas as federações estaduais são nojentas, as presidências de quase todos os clubes também são. A pergunta a ser feita é “quem elege os nojos”? Os que reclamam do nojo. E isso vale para a política em geral, o eleitor reclama e continua a votar nos mesmos candidatos.

Juiz acaba jogo por falta de segurança e Santos é eliminado da Libertadores

No final da partida, quando os torcedores perceberam que o Santos não reverteria a decisão do “tapetão”, eles começaram a lançar rojões no gramado e tentaram invadir o campo.

Obs.: – O nojo que faltava, o comportamento da torcida organizada.

Haddad diz que MP baseia denúncia em “corrupto confesso” que mentiu 9 vezes

 Obs.: – Uai, qual a novidade? Todas as confissões são de corruptos “confessos”, inocentes não tem nada a confessar.

 Andrés vira réu por crime tributário após Justiça acatar denúncia do MP

 Obs.: – Este não é “confesso” mas já virou réu…

 ‘Vejo o Vasco com um elenco forte’, diz Valentim em sua chegada

 Obs.: – Esperemos pelo que dirá na saída…

 Suposta(???) falsa comunicação de crime

Metrô de SP aciona polícia contra jovem que recuou de versão sobre estupro

(???) Suposta por quê, cara-pálida? Ela disse pros seguranças que tinha sido, se recuou é porque mudou de ideia e o que disse antes era mentira, aliás, como estava evidente desde o início (o Mirando duvidou, é só olhar edição anterior). A imprensa deu uma grande mancada, não foi atrás para apurar a verdade, anda faltando desconfiômetro na área.

                                                         ***************

No CenaPop

Cleo Pires posa nua em banheira para anunciar clipe

Obs.: – Não ficaria melhor em uma xícara…?

                                                         ***************

No Universa

Casal bate recorde de voltas em montanha-russa e fica noivo no brinquedo

Obs.: – O recorde poderá ser maior ainda se um dos dois desistir, o noivado vai ter volta.

                                                        ***************

4 thoughts on “Revolta: um cara mata a namorada grávida e ainda é “premiado”. Sentenças alucinadas

  1. Blogueiro e leitores:

    “Pio XI na Segunda Guerra Mundial, que ignorou solenemente o que os nazistas fizeram com os judeus.”?
    Pio XI, nascido Ambrogio Damiano Achille Ratti, foi o 259º. bispo de Roma e Papa de 1922 até sua morte, em 10 de fevereiro de 1939, Palácio Apostólico. E a Segunda Guerra Mundial inicou após sua morte. Quem – solenemente – ignora os fatos é o escriba.
    Talvez por ato falho, o blogueiro se refere ao Papa Pio XII.
    Assim lembro qua a apresentação do estudo, no dia 10 de dezembro de 2009, na Universidade de Yeshiva, em Nova York, acrescentou novos elementos que esclarecem o verdadeiro comportamento do Papa Pio XII durante a Segunda Guerra Mundial, contradizendo rumores de que teria se omitido em face à barbárie nazista.
    A pesquisa conduzida pela Fundação “Pave the Way” (PTWF), que se propõe a eliminar os obstáculos entre as religiões, evidencia os esforços de Pio XII para salvar as vidas de judeus alemães perseguidos pelo regime da época.
    O trabalho foi apresentado em uma conferência na Universidadede Yeshiva, que envolveu um grupo de cerca de 70 estudantes, além dos fundadores da PTWF, Gary e Meredith Krupp, e o autor da pesquisa, William Doino Jr., especialista em temas relacionados a Pio XII. No evento foram apresentados e discutidos alguns documentos históricos inéditos.
    A figura de Pio XII, segundo a PTWF, é alvo de grande controvérsia. De fato, Pio XII é considerado por alguns um herói, que teria salvado milhares de vidas durante a Segunda Guerra; mas para outros, seria o oposto, sendo mesmo acusado de ter colaborado com Hitler, a ponto de alguns o chamarem de “o Papa de Hitler”.
    As pesquisas conduzidas pela PTWF puderam verificar que a reputação do pontífice teria sido comprometida a partir da divulgação da peça “O Vigário” (The Deputy), de Rolf Hochhuth, encenada pela primeira vez 1963 em Berlim, na qual Pio XII é apresentado como omisso frente às ações nazistas.
    Os estudantes presentes na conferência mostraram-se atônitos ao constatar como uma peça de teatro foi capaz de inverter a realidade dos fatos, amplamente documentados, para criar uma imagem negativa, baseada em boatos e especulações, da atuação de Pio XII durante a Segunda Guerra. “A meticulosa documentação elaborada por Gary Krupp me convenceu não apenas de que Pio XII era inocente das acusações, mas de que ele foi um exemplo luminoso de humanidade, fé e coragem durante o holocausto”, disse o estudante judeu Noah Greenfield.
    O projeto recuperou e restaurou quase 7000 páginas de textos e documentos diversos, provenientes do mundo todo, alguns dos quais aparentemente nunca antes analisados.
    Alguns documentos evidenciam, por exemplo, ordens do Papa para emitir falsos certificados de batismo para refugiados, aos quais se referia como “judeus-católicos não-arianos”, visando facilitar sua emigração para países como o Brasil, os Estados Unidos e o Canadá.
    “Sua contribuição foi dada de forma anônima”, disse Krupp, ressaltando que, pela tradição judaica, a ajuda anônima representa a forma mais nobre de caridade.
    Por esse motivo, a PTWF está recolhendo cartas pessoais de testemunhas para propor ao Yad Vashem, o Memorial do Holocausto de Jerusalém, que Eugenio Pacelli, o Papa Pio XII, seja declarado “Justo entre as Nações”.
    Talvez, se o escriba não tiver como objetivo mentir, seja oportuno se informar melhor….

    Paulo Vendelino Kons
    Brusque/SC – paulo_kons@yahoo.com.br / 47 9 9997 9581

    1. Muito obrigada, Paulo. Já fizemos a devida correção, com aviso de atualização.
      Leitores atentos são muito importantes para nós. Agradeço também em nome do Cacalo Kfouri.
      Marli Gonçalves, editora Chumbo Gordo

  2. OS PODERES

    O destino para os canalhas da república
    Só pode ser um: a prisão!

    Prevenidos contra mudanças que afetem seus interesses,
    Os canalhas e demais apegados aos poderes & riquezas
    De tudo fazem em gabinetes e na calada da noite – pois, se
    Expostos à luz do Sol correriam o risco de motivar
    Razões e imprevisíveis reações que despertem
    Sentimentos de liberdade no explorado povo-eleitor.

    AHT
    01/09/2018

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter