Barroso - ringue - bolsonaro

Barroso falou mais grosso e chama Bolsonaro para o ringue

Barroso põe Bolsonaro no ringueComo afirmado no “Mirando” de ontem (2), os coisonalhas fizeram gigantesco uso de recursos desonestos para desaprovar a fala em três idiomas do ministro Luis Roberto Barroso, do STF e atual presidente do TSE, em defesa do voto eletrônico. Acionaram robôs, criaram perfis falsos, fizeram uso de tudo o que pessoas decentes desprezam.

Foram quase 6 mil meios desonestos a “deslaicar” o que disse o ministro Barroso.

Gente (?) desprezível.

Os ex-presidentes do TSE desde 1988, ano da promulgação da atual Carta,  divulgaram ontem  uma nota em defesa da votação eletrônica. Os atuais presidente e vice-presidente, ministros Luis Roberto Barroso e Edson Fachin também assinaram.

Foi uma resposta aos ornejos do coiso zurrados no domingo, aquele que alega que houve fraude na apuração de 2018, dizia que tinha provas e, quando intimado a apresentá-las, fugiu da raia como é hábito dos bufões.

Na nota, os ministros afirmaram que a volta da contagem manual seria a volta a um cenário de “fraudes generalizadas”.

“A contagem pública manual de cerca de 150 milhões de votos significará a volta ao tempo das mesas apuradoras, cenário das fraudes generalizadas que marcaram a história do Brasil”, diz um trecho do texto.

A questão é de que adianta a nota? Para os coisinalhas, para coisa alguma, ou não lerão ou se voltarão contra ela. As pessoas com neurônios que se comunicam estão cansadas de saber que a urna eletrônica é segura.

A esperança – mas, no Brasil, é sempre uma vã esperança – é que o Congresso se mova e expulse a figura danosa que envergonha o país da cadeira presidencial para que possa sentar-se em uma cela da Papuda, que é o seu lugar adequado.

O que fica cada vez mais evidente é que o verdadeiro ídolo do coiso não é o torturador coronel Brilhante (?) Ustra, é o caudilho Hugo Chávez, o destruidor da Venezuela.

A provocação chegou a tal ponto que os ministros do STF resolveram passar das palavras à ação já que o Congresso e a Procuradoria-Geral da República a tudo assistem inertes.

A Folha de S.Paulo (2) informa que ““Supremo se une contra ameaças golpistas de Bolsonaro”

https://www1.folha.uol.com.br/poder/2021/08/supremo-se-une-contra-ameacas-golpistas-de-bolsonaro.shtml

Já o UOL informa a respeito de mais uma reação, “TSE pede para STF investigar Bolsonaro por fake news contra sistema de voto”

https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2021/08/02/tse-pede-stf-investigar-bolsonaro-por-fake-news-contra-sistema-eleitoral.htm

APAIXONADOS DO RÁDIO: DICAS PARA UM LOCUTOR DE RÁDIO Uma recomendação aos narradores de TV atuais, e não é questão de saudosismo, trata-se de ouvidos sensíveis e respeito ao próximo: parem de berrar! Procurem registros de narrações de Raul Tabajara, que sempre percebeu a diferença entre TV e rádio, descrevia até o que não estava da tela. E de Luiz Noriega, um pouco mais recente, mas ainda assim da velha guarda não berrante. É difícil assistir a eventos esportivos sem áudio, mas é o que resta a este mirandeiro, ainda mais sendo de madrugada. Ainda bem que existe pelo menos Milton Leite. Até as “locutrizes”, a novidade, aderiram à gritação, e, aí, fica pior, vozes agudas, doem mais. Eta gente insuportável!

Ouvido, ontem, no Jornal Hoje, costa turquesa… confundiram a cor com a região geográfica, a costa turca…

(CACALO KFOURI)

                                                             ***************

Isto é o que se chama de uma performance abundante! Com todo o respeito apesar da piada, a diferença é um acento. Caio Souza, os ginastas brasileiros brilharam nas Olimpíadas. Foi só aquilo que um amigo costuma dizer, “Cacalo, você tem coraçãozinho cheio de maldades”, que prevaleceu.

                                                              ***************

Copiadas da Folha

Celular de diretora da Precisa tem chamadas de aparelho de oficial da Defesa e de senador governista da CPI

 O celular da diretora da Precisa Medicamentos, Emanuela Medrades, registra oito chamadas de um telefone usado por um capitão de mar e guerra com cargo de gerência no Ministério da Defesa e quatro ligações do senador Luis Carlos Heinze (PP-RS)(!!!), um dos mais ferrenhos defensores do presidente Jair Bolsonaro na CPI da Covid no Senado.

(!!!) Epa opa, precisa, então, acionar o Departamento de Ficção do Senado, também conhecido como Comissão de Ética e Decoro Parlamentar do Senado Federal. Note bem, leitor, ela recebeu as ligações, não as fez. Não precisa ser muito esperto para saber por quê.

Nos dois casos, Medrades foi procurada antes do escândalo envolvendo o contrato de R$ 1,61 bilhão para a compra de 20 milhões de doses da vacina indiana Covaxin.

Bem antes das discussões e negociações sobre compra de vacinas contra a Covid-19, há registro de uma ligação para Medrades de um celular que é usado pelo capitão da Marinha Leonardo José Trindade de Gusmão. A patente é equivalente à de coronel no Exército e na Aeronáutica.

Gusmão é gerente do Departamento de Promoção Comercial do Ministério da Defesa. O departamento é vinculado à Secretaria de Produtos de Defesa.

Um militar??? Quem diria, hein? E existe quem pense que eles não fazem isso, que compõem uma  casta especial acima do bem e do mal… Sem esquecer que o chefe dele era o general da banda Pazzo, o zuello. Mais um a tocar na orquestra mahleriana, banda podre é muito pequena, é uma charanguinha, não cabem todos.

Sem citar Bolsonaro, Fux diz que STF está atento a “ataques de inverdades”

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Luiz Fux, fez críticas indiretas ao presidente Jair Bolsonaro e seus aliados na tarde de hoje. Em pronunciamento, o ministro não citou o presidente nominalmente, mas falou sobre a preocupação do STF com “ataques de inverdades” que, segundo o ministro, “deslegitimam veladamente as instituições do país”.

Preeeguuunto, de que adianta ficar atento e não fazer nada? Provavelmente a declaração terá troco com mais “ataques de inverdades.

                                                             ***************

Copiada do UOL

 Foto publicada há 6 anos é postada como se fosse de ato pró-voto impresso

Uma foto da praia de Copacabana, no Rio, publicada em 2015 está sendo compartilhada por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no Facebook como se fosse de um dos atos a favor do voto impresso realizados ontem (1º).

Os falsários raciocinam da seguinte forma: “os que acreditam no que postamos não raciocinam, não têm discernimento, não são capazes de perceber nada, não se informam.”.

 (veja outro exemplo, da mesma coisa feita em Brasília, aqui, na coluna de ontem, 2 de agosto)

 https://noticias.uol.com.br/confere/ultimas-noticias/2021/08/02/foto-de-2015-e-compartilhada-como-se-fosse-de-ato-pro-voto-impresso.htm

                                                             vergonha***************

Copiada do G1

 CPI recebe vídeos em que médicos da força-tarefa do MS orientam uso de tratamento ineficaz para Covid

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid recebeu vídeos que mostram médicos da força-tarefa do Ministério da Saúde orientando os profissionais da saúde para o uso de tratamento com drogas sem eficácia contra a Covid-19 às vésperas do colapso no sistema de saúde no Amazonas.

Os vídeos foram extraídos de redes sociais e recebidos pelo vice-presidente da CPI da Covid, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

Indesmentível, não é distinta e nobre a excelência senador coisista Luis Carlos Henze, pego com o celular na botija?

E o Conselho Federal de Medicina, vai ter o mesmo comportamento que o da Comissão de Ética e Decoro Parlamentar do Senado e fingir que não é com ele?

Abaixo o link para o vídeo, deveria vir com o aviso “Cuidado, cenas fortes” como ocorre quando são mostrados crimes violentos.

https://www.youtube.com/watch?v=-Iu1DolvzCs

                                                             ***************

Copiada da Coluna CARLA ARAÚJO

Fábio Faria fará pronunciamento(*) para defender privatização dos Correios

 (*) A língua é dinâmica, centenas de palavras ganharam sentido diferente ao longo dos tempos, mas, nos atuais, há que tomar cuidado se os coisiformes não estão querendo voltar ao original, desta caterva pode-se esperar qualquer coisa…

No Aurélio, o significado original:

pronunciamento

[De pronunciar + -mento; esp. pronunciamiento.]
Substantivo masculino.

1. Ato ou efeito de pronunciar-se ou insurgir-se coletivamente contra o governo ou quaisquer medidas governativas; revolta, sublevação:

                                                             ***************

Copiadas do Blog do Ancelmo

Eduardo Paes quer limitar o tamanho dos muros do Rio

“Sem falar que isso  criaria também micro-paisagens(*) mais verdes

Eu apoio.

(*) Aproveite e apoie também  a nova grafia, micropaisagens.

 Sapatilha de Usain Bolt e prancha de Ítalo(?) Ferreira serão vendidas no Rio Solidário

 O leilão também venderá uma prancha do meu, do seu, do nosso Italo(?) Ferreira,

(?) É a tática “uma eu acerto?”. É com, cara-pálida.

Jogos Olímpicos explodem em redes sociais

 (…), um crescimento de 345%..(*) Ítalo(?) Ferreira foi um dos atletas mais mencionados no Insta:(…). Já Kelvin Hoefler, assim como Italo(?),

(*) Tá sobrando um ponto, escriba.

(?) De novo???

Será que Salim Mattar prefere uma Coca-Cola a um livro?

Mas há muitos bolsonaristas – se quiser fugir deles se escondam num museu ou numa livraria, lugares não frequentados por este exército de de(*) toscos

(*) Ficaria legal se repetisse toscos,  já o de, foi perda de tempo.

O Itaú Unibanco investe em fontes renováveis

(*) o que equivale a(*) energia suficiente para abastecer cerca de cinco mil residências por mês.

(*) À energia, cara-pálida.

 Cinemas ainda fechados geram prejuízo

Fechado desde o início da pandemia em março de 2020, o cinema UCI Kinoplex Independência, em Juiz de Fora, tenta(?) apresentar à prefeitura da cidade mineira os protocolos de segurança adotados pela rede para a reabertura do espaço, mas ainda não obteve retorno(?) das autoridades.

(?) Peraí, escriba, se ainda não obteve retorno não tenta, apresentou e espera a resposta, capisce?

  Além de seguir todos os protocolos de higienização e distanciamento social recomendados pelas autoridades de cada cidade e pela OMS (Organização Mundial de(*) Saúde)

(*) Da Saúde, escriba.

 O iWave, um sofisticado equipamento com polarizadores de íons que destrói qualquer tipo de microorganismo e vírus, foi chancelado por prestigiados infectologistas brasileiro(!).

(!) Olha a disconcordância gramatical aí de novo, gente! Brasileiros, cara-pálida.

 Salgueiro resgata enredo de 1997 e presta homenagem a Nise da Silveira

Aluna de Karl(*) Jung,  ela revolucionou o tratamento mental no Brasil.

(*) Cara-pálida, Karl é o Marx, o pesadelo dos coisiformes, Jung é Carl.

 Nise da Silveira também combateu a ditadura militar de 1964=(?) e foi tema

(?) = ao quê, escriba?

 Francisco Horta opera(?) de emergência e passa bem

(?)  Quando o juiz se formou em Medicina? Quem ele operou passa bem também?

Foi operado, cara-pálida.

Conhecido por montar o  melhor time que o Fluminense já teve,  nos anos de 1970, com Rivelino(*),

(*) Rivellino, zifia.

Obra rara da biblioteca de Carlos Guinle será leiloada por MIguel(*) Salles

(*) Eh eh eh… Miguel, escriba. Foi corrigido tempos depois.

O cientista político Francisco Weffort,ex ministro da Cultura de FH, acaba de falecer no Rio

 o(*) cientista político Francisco Weffort, 84 anos,

(*) Tá brava a transmissão da caixa-baixaltite… O, escriba.

Entre  1984 a 1988, Weffort foi secretário(*)geral

(*) Caramba, é o único secretário premiado com hífen…

Narrado por Glória Pires, Manuh Fontes lança seu primeiro documentário

“Minha idéia(*) no filme foi tratar a arte de forma sublime, filosófica e respeitosa.

(*) Pena que a escriba não teve o mesmo sentimento em relação à nova grafia, para se fazer uma ideia, ideia não tem mais acento desde 2009 quando foi oficializada a reforma ortográfica.

****

To read or not to read, that’s the question… A vontade é a de não ler, desistir do blog, mas é hábito de décadas, aí vem o problema, se leio, miro, e, então, o que não falta é alvo…

                                                             ***************

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter