As previsões de nosso colunista, faça chuva ou faça Sol

Quem não arrisca não petisca

previsõesExiste uma velha piada que sobre previsões, “Deus criou os economistas para que os meteorologistas não errassem sozinhos”. A situação desde a origem da anedota mudou muito, os meteorologistas praticamente não erram atualmente.

Outra área em que é arriscado fazer previsões é na política, mas o “Mirando” vai se arriscar.

O coiso, apesar de sua limitação no que se convencionou chamar de QI já sentiu que perderá as próximas eleições e adotou a tática de seu ídolo, o Coisão, que culminou com a invasão do Congresso no dia 6 de janeiro. Vai criar situações de confronto com a Lei para insuflar a horda que o apoia. Exemplos não faltam, “Melhor morrer do que perder a liberdade”, saiu em defesa de um criminoso confesso, seu aliado – trata-se de um pleonasmo… apoia o coiso – como o deputado federal Daniel Silveira simplesmente para atacar o ministro Alexandre de Moraes, do STF, que mandou prendê-lo: “Temos aqui um parlamentar que ficou sete meses preso. Se coloquem no lugar dele”, afirmou Bolsonaro. “Mas o que fazer? Será que queriam que eu tomasse medidas extremadas? Como é que ficaria o Brasil perante o mundo? Possíveis barreiras comerciais, problemas internos.”.

Qual é a preocupação que o ignaro ignóbil tem com a imagem do Brasil se a levou abaixo do fiofó da cobra?

E, para coroar o festival de asneiras, termina desmoralizando o Exército, se é que é possível desmoralizar mais a Força do que ela mesma fez ao apoiar alguém cujo currículo conhece melhor do que todos: associou seu negacionismo contra as medidas de restrição recomendadas pela Ciência e adotadas durante a pandemia com a sua (de)formação militar. Se é isto que se ensina na Academia Militar das Agulhas Negras é melhor fechá-la para o bem da Humanidade, ornejou que “um soldado dentro da trincheira não vai ganhar a guerra, vai morrer como um rato”. Completou, reiterando o ornejo que apesar de o país acumular mais de 600 mil mortes por covid-19, a população teria que “lutar.”.

A preocupação que deve estar presente para quem acredita na Democracia é a grande diferença que existe entre as Forças Armadas de lá e as de cá, os componentes das de lá juram defender a Constituição e o fazem, já as daqui, com a rara exceção do marechal Henrique Teixeira Lott e de uns poucos companheiros de Armas ao longo do tempo, a pisoteiam. Os de lá deixaram bem claro que estariam do lado da Constituição quando sentiram o que o criminoso Coisão pretendia fazer, só o seus criminosos seguidores atentaram contra a Democracia.

(CACALO KFOURI)

                                                            ***************

Copiadas da Folha

Defesas de réus da Kiss criticam Promotoria e usam mensagem psicografada de vítima do incêndio

A advogada de Marcelo, Tatiana Borsa, encerrou a apresentação de sua defesa exibindo um vídeo de uma carta psicografada por um jovem que morreu na boate Kiss. Ela pediu a absolvição do cliente usando como argumentação que ele confiava no assistente da banda, responsável por cuidar da pirotecnia, e que nunca teve intenção de matar outras pessoas.

OAB, pode isto??? Não bastam o coiso, o Conselho Federal de Medicina inerte diante dos crimes cometidos pelo dr. Quedroga, ministro da Saúde  e os “evangélicos” a desmoralizar a política e vai deixar passar em branco este escárnio?

Vitória de Bolsonaro em enquete da Time teve mobilização em grupos de apoiadores

A dez meses do primeiro turno da eleição, as redes digitais bolsonaristas deram nas últimas semanas uma demonstração de força, ao organizar uma bem-sucedida campanha para que o presidente brasileiro fosse escolhido em votação popular a “Personalidade do Ano” da revista americana Time.

O resultado foi anunciado na última terça (7), com 24% dos votos computados no site da revista para Jair Bolsonaro (PL), bem à frente do segundo colocado, o ex-presidente americano Donald Trump, que teve 9%. ​

Um apoiador disse em um grupo que havia votado “umas dez vezes”. Foram cerca de 2,16 milhões de votos para o presidente.

A escolha pelos internautas é diferente da feita pelos editores da Time, considerada mais relevante.

O próprio Bolsonaro já pediu que a Time “respeite o resultado das eleições”.

Peraí, votação eletrônica é segura e respeitável mesmo com um dos coisiformes ter declarado que havia votado “umas dez vezes” ??? Então passou a acreditar nas urnas eletrônicas?

Há que aguardar a decisão dos editores para se saber até onde vai a capacidade desmoralizadora do coiso, se confirmado o resultado vai-se a credibilidade da “Time” também.

                                                             ***************

Copiada do Estadãozinho

O adeus à primeira(!!!) cineasta mulher(!!!) a disputar o Oscar de direção

Foi, inclusive, a primeira(!!!) cineasta mulher(!!!) a disputar o prêmio de melhor direção na Academia de Hollywood. Em 2019, ela foi homenageada com o Oscar honorário.

(!!!) Além de ser genial na direção, Lina Wertmüller foi um fenômeno, primeira cineasta mulher não homem a disputar um Oscar e teve uma filha mulher e não uma filha homem.

Um dia, quem sabe, os escribas perceberão que, na escrita, a ordem dos fatores altera o produto. Cineasta é palavra de dois gêneros, tudo bem, mas escrever a primeira mulher cineasta é uma coisa, já primeira cineasta mulher é bobagem, pois primeira já define que é mulher.

 Senado aprova volta da propaganda partidária

 O Senado aprovou anteontem um projeto para retomar a propaganda partidária fora do período eleitoral em rádio e TV. A propaganda partidária foi extinta em 2017, sendo mantido apenas o horário eleitoral em período de campanha. Agora, em projeto liderado pelo PL, partido ao qual o presidente Jair Bolsonaro se filiou recentemente, a proposta recebeu aval de deputados e senadores e será encaminhada para sanção ou veto presidencial.

Só pode ter sido lobby das empresas de TV por assinatura, elas vêm perdendo milhares de assinantes todos os meses. A propaganda só é obrigatória nas TVs abertas…

                                                             ***************previsões

Copiadas do Blog do Ancelmo

Medicamentos para tratamento de câncer de pele entram na lista do SUS, mas não são oferecidos para tratamento

 (…), os medicamentos Pembrolizumabe e Nivolumabe são  tratamento de primeira linha (imunoterapia) do melanoma avançado não-(!)cirúrgico e metastático.

(!) Mistake, o Volp é tratamento de primeira linha no trato a língua portuguesa, este hífen caiu em 2009…

Pesquisa mostra que o Natal será das lembrancinhas e das roupas

Levantamento do Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec-RJ) sobre o Natal mostra que os fluminenses terão um gasto médio maior esse(!!!) ano, em relação a 2020(!!!):

(!!!) Então não vai mudar nada, pois “esse” ano é o de 2020, o atual, 2021, é este…

 O concurso de árvore mais bonita do Rio já tem 365 candidatas; veja como participar

Até 15 de dezembro, o participante pode inscrever sua árvore querida, postando uma imagem da mesma(!!!) no Instagram com a hashtag #arvoresdoRio21.

(!!!) Dela, insistente errante, mesma/mesmo não podem ser usados como pronomes.

Escultura de bronze de Noel Rosa ganha câmeras de segurança e concreto para evitar vândalos

Para coibir o vandalismo, a Secretaria municipal(!) de Conservação e o autor da escultura,

(!) Mistake preconceituosa rides again, é Municipal, escriba.

Arriscando no começo arriscando no fim. “O Globo” tem uma alto padrão no trato da escrita, é raro encontrar erros, a única explicação para o desastre que virou o blog, tanto do ponto de vista da escrita como o da informação, é que o contrato não será renovado. Para quem não sabe, Ancelmo não é mais funcionário do jornal, é “colaborador”, a coluna só é publicada no impresso aos sábados e não tem os erros crassos cometidos na versão digital diária.

 É a única explicação viável para que erros do tamanho de escrever que o AI-5 foi promulgado em setembro de 1968, por exemplo, e ninguém corrige.

O mais incompreensível para este mirandeiro é o fato de que um jornalista com o histórico de Ancelmo permita que textos medíocres sejam publicados com seu crédito quando é evidente não serem de sua autoria. Está desmerecendo sua história no Jornalismo.

                                                             ***************

previsões

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter