HACKER um dia antes

Um dia antes, tudo sai do ar…e coincidências com essa gente não existem

Que conveniente

 Na sexta-feira (10), um dia antes de entrar em vigor a exigência de comprovação de vacinação da parte de quem pretende entrar no país – ou de cumprimento de quarenta de cinco dias – a página do Ministério da Saúde foi invadida e saiu do ar. O ministério estima que vai demorar no mínimo uma semana para que o problema seja resolvido.  O curioso é que o governo está coalhado de militares, os teoricamente responsáveis pela segurança do país. A ação de invasores não parou aí, a Escola Virtual, página ligada ao Ministério da Economia, também está fora do ar desde a tarde de sexta e também ainda não voltou.

Onde está o tal do Gabinete de Segurança Interna, cuidando de abrir a Amazônia para o garimpo?

Tem um atalho…

A Polícia Federal  abriu  inquérito e investiga três crimes no ataque hacker ao Ministério da Saúde. Seria mais rápido se mirasse em três personagens habitués do gabinete do ódio, que fica em lugar certo e sabido.

A mediocridade perdeu mais uma, o país ganhou outra

O ministro Luís Roberto Barroso (STF) determinou, no sábado, a  obrigatoriedade de passaporte da vacina para viajantes, mais uma vitória do bom senso sobre a ignorância e o negacionismo do ignaro ignóbil. Vai esbravejar, falar mais um monte de asneiras que sua récua aplaudirá, mas o que vai prevalecer é a Ciência.

 Para o ministro, o teste negativo de covid-19 ou a quarentena não podem substituir o passaporte da vacina, pois o isolamento dificilmente poderia ser controlado.

Para ele permitir a livre escolha pela quarentena “cria situação de absoluto descontrole e de consequente ineficácia da norma”.

Ele gosta mesmo é de desfiles

Destruição no sul da Bahia e norte de Minas Gerais por causa de fortes chuvas. Mas aquele que deveria ir aos locais para comandar as ações de socorro preferiu brincar de soldadinho e compareceu ao seu programa predileto, assistir a mais uma formatura de aspirantes da Marinha na Escola Naval no Rio de Janeiro.

Pensando bem, foi melhor assim, a tragédia acontecida foi suficiente, dispensa ampliação com a inoportuna presença de figura tão inútil.

 A situação se repete com nomes trocados

 O coiso foi eleito porque o eleitor não queria Lula no Poder de novo, repúdio total a ele e ao PT, escolheu votar em uma pessoa repugnante, no que foi ajudado pelo próprio Lula ao insistir em uma candidatura falsa, impossível.

 Tudo indica que ocorrerá nas próximas eleições exatamente o oposto, o eleitor escolherá um falso inocentado pela Justiça porque a maior parte percebeu a asneira que fez ao votar no ignaro ignóbil e nenhum dos outros candidatos tem probabilidade de ser eleito. O que vai ter de gente tampando o nariz na hora de votar…

 E o cordão dos puxa-sacos…

O ministro Tarcísio de Freitas (Infraestrutura) alegou problemas de agenda para não aceitar o convite para participar na quinta-feira (9) de um dos principais eventos sobre estruturação de projetos da América Latina. A reunião foi no Palácio dos Bandeirantes, onde atua o governador paulista João Doria.

 Mas como bom lambe-botas que é não teve dificuldade alguma para participar de evento organizado pelo Instituto Conservador-Liberal do 03, o “bananinha”. Pessoas da mais alta baixa estirpe como Santiago Abascal, presidente do Vox, partido de direita espanhol, Magno Malta e Ricardo Salles boquejarão no evento.

 Familícia

O íntegro elemento componente da familícia, 02, mandou algum cúmplice rachador assinar a lista de presença da Câmara dos Vereadores do Rio, mas estava em Brasília em reunião em que o capo confirmou a nomeação de André Mendonça ao STF.

É o  chamado  de dom da ubiquidade. O fato se deu no dia 2 último.

Boate Kiss

O jurados consideraram que todos os réus são culpadoS e o juiz responsável pelo julgamento,   Orlando Faccini Neto estabeleceu as penas dos réus Elissandro Spohr e  Mauro Hoffmann, os donos da boate, e de Marcelo de Jesus dos Santos, vocalista da banda, e de  Luciano Bonilha, roadie da banda. Foram condenados  pelas mortes de 242 pessoas e ferimento de mais de 600 sobreviventes do incêndio da boate Kiss,que ocorreu em 27 de janeiro de 2013, em Santa Maria (RS).

De acordo com juiz, o regime inicial seria fechado. Mas um  habeas corpus preventivo concedido pelo Tribunal de Justiça Estadual foi suspensa a prisão imediata dos acusados na própria sexta-feira.

Elissandro Callegaro Spohr e Mauro Londero Hoffmann eram sócios da casa noturna na época da tragédia. Marcelo de Jesus dos Santos era vocalista da Banda Gurizada Fandangueira e Luciano Bonilha Leão, o auxiliar do grupo musical que se apresentava na boate na noite do incêndio. 

Quanto aos donos da boate, não há o que discutir, são culpados, mas em relação aos músicos este mirandeiro tem suas dúvidas. Considerar que agiram com dolo eventual é um exagero, teriam acendido os sinalizadores que causaram o incêndio se soubessem que a boate não estava preparada para tanto, pondo em risco as próprias vidas?

 De qualquer forma, se o crime cometido tivesse sido roubar três Coca-Colas, 1 quilo de carne e dois pacotes de biscoito seriam presos imediatamente.

Não foi uma vitória justa

Um acidente deu o título da Fórmula 1 para Max Verstappen. Quando da batida de Nicholas Latifi, faltando cinco voltas para o fim, Lewis Hamilton estava 11 segundos à frente. O safety car entrou na pista, embolou tudo, a corrida foi reiniciada faltando uma volta. Vertappen, que trocou os pneus durante a interrupção, ultrapassou Hamilton e ganhou o campeonato. Injustiça, a vantagem de 11 segundos deveria ter sido mantida.

 Mas na F1 do mimimi sabe-se se lá se a vitória será confirmada. A Mercedes entrou com dois protestos contra o resultado da corrida. De acordo com a equipe, a pista não poderia ser liberada sem que todos os carros retardatários ultrapassassem o safety car. Se o argumento for aceito,  o resultado da prova e do campeonato poderá ser alterado. Além disso, a Mercedes alega que Verstappen colocou o carro à frente do de Hamilton na curva 12, na preparação para a relargada, o que pode ser considerado como uma ultrapassagem. Bobagem, quando da relargada ele estava atrás.

Tapetão na Fórmula 1. Parece que a era Coisão e coiso de contestar resultados contaminou tanto como o coronavírus. Em vez disso, insistam na mudança do regulamento, as vantagens quando da interrupção de uma prova precisam ser mantidas.

(CACALO KFOURI)

                                                             ***************

Recebida da “asceçoria em empreça” Valle da Mídia

Caminhão com imagens e sons de animais sendo mau(!!!) tratados transita por bairros de SP

A ação da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) teve o objetivo de chamar a atenção e fazer as pessoas refletirem sobre o que ocorre antes de a carne chegar aos seus pratos, bem como convidá-las a experimentarem uma alimentação vegana.

 Bem que dizem que a falta de proteína animal prejudica o cérebro, faz mal. Sendo maltratados, cara-pálida.

                                                             ***************

Copiada do UOL

  0303: Ligações de telemarketing terão código exclusivo no começo do número

A partir do próximo ano, empresas que ofertam serviços por telemarketing ativo deverão exclusivamente utilizar o código 0303 no começo do número. A regra foi estabelecida hoje pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). O órgão afirma que a padronização será uma ferramenta importante para o consumidor na identificação das chamadas de telemarketing.

Ótima medida, mas a melhor de todas é fazer com que o bloqueio funcione, o pessoal consegue furar.

                                                            ***************

Copiada do UNIVERSA

Mostra em NY critica assédio a brasileiras: ‘Soma de machismo e xenofobia’

“Você é brasileira? Nossa, eu adoro mulheres brasileiras”. Mesmo quem nunca saiu do Brasil já deve ter ouvido essa frase, dita por um gringo a uma mulher brasileira, em claro tom de insinuação sexual.

Por que ir até Nova York se por aqui coleguinhas fazem pior? É só fazer uma pesquisa nos telejornais e ver a pergunta que muitos repórteres, entre eles, muitas, fazem a cada vez que um “famoso” chega ao Brasil para participar do Carnaval: “O que você acha a mulher brasileira?”

                                                            ***************

Copiadas da Folha

 Asfalto pago com verba de líder de Bolsonaro derrete e ganha apelido de ‘farofa’

Entre os bolsonaristas, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, é conhecido como “Tarcisão do Asfalto”, mas outro aliado de primeira hora do presidente da República também poderia receber reconhecimento semelhante.

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), foi responsável por direcionar nos anos de 2019 e 2020 ao menos R$ 200 milhões para obras de pavimentação à região de Petrolina, município de Pernambuco a 713 km do Recife administrado por seu filho, o prefeito Miguel Coelho (DEM).

Em Petrolina, o asfalto pago com verbas direcionadas pelo líder de Bolsonaro ganhou até apelidos. É chamado de farofa ou Sonrisal, em referência ao esfarelamento dos trechos pavimentados.

Trata-se de um líder zoológico, mama nas tetas no governo feito uma bezerra e os seus malfeitos reproduzem-se como coelho, bichinho sabidamente prolífero.

 Projeto na Câmara cria a polícia secreta do presidente da República

A Câmara dos Deputados poderá vir a deliberar, ainda que não em regime de urgência como pretendia o governo, projeto de lei que cria uma estrutura paralela de segurança pública, diretamente ligada à Presidência da República, isenta de controles legais e com capacidade de atuar à margem das garantias constitucionais.

Sob o pretexto de combater o terrorismo no Brasil, o PL 1595/19, de autoria do deputado governista Vitor Hugo (PSL/GO), pretende estabelecer o Sistema Nacional Contraterrorista e a Política Nacional Contraterrorista, ambos disparates jurídicos subordinados a órgão a ser definido pelo chefe do Executivo.

Contraterrorismo no Brasil? Só pode ser piada de mau gosto. Para ele, não basta intervir na Polícia Federal para proteger a prole lenhadora, os rachadores.

 Um pouco de História: Em 1923 foi criada a Sturmabteilung, chamada de SA. Tratava-se de uma força paramilitar nazista. Dentro dessa entidade foi então criado um pequeno grupo com o intuito de proteger os altos dirigentes do Partido Nazista em ocasiões públicas como comícios ou discursos. Foi somente em 1925 que a Schutzstaffel, SS, foi organizada com o objetivo de ser a tropa de proteção pessoal do líder nazista Adolf Hitler.

A SS era uma tropa constituída por homens de elite, todos selecionados pela considerada “pureza” racial e pela fidelidade incondicional ao Partido Nazista. Tinha como lema a frase Mein Ehre heißt Treue, que em português significa “minha honra é a lealdade”. Essa pequena unidade paramilitar tornou-se um grandioso exército nazista, uma organização poderosa e com grande influência sobre o Terceiro Reich.

Qualquer semelhança tem tudo a ver.

Projeto de fake news estende imunidade parlamentar a redes, e especialistas contestam

Uma delas gerou controvérsia. No capítulo que trata da atuação do poder público, o relator acrescentou dispositivo que estabelece que a “imunidade parlamentar material estende-se às plataformas mantidas pelos provedores de aplicação de redes sociais”.

Ou seja, manifestações de deputado e senadores em redes sociais seriam protegidas por lei.

A capacidade que eles têm de legislar em causa própria é espantosa. Não basta receberem verbas indevidas à escondidas, caso das emendas de relator, querem o direito de mentir dizendo que não receberam impunemente.

A nobre excelência da oposição e do PCdoB, Orlando Silva, relator da barbaridade, aceitou-a.

                                                            ***************

Copiadas do Blog do Ancelmo

Alexandre Frota perde mais uma vez para Chico Buarque

 (…), a íntegra da sentença que o condenou a pagar R$(!) 50 mil reais(!) a Chico Buarque por ofensas proferidas na mesma rede social.

(!) E a mistake perde mais uma vez para a gramática, por que R$ e reais, cara-pálida, se um significa o outro? Ou foi indenização ao quadrado?

(…), o pedido do cantor para que a sentença fosse publicada tanto(!) nas redes sociais quanto(!) em jornal de grande circulação havia sido negada.

(!) Como, mistake, não tem quantidade envolvida para ser quanto.

Yasmin Brunet tem processo extinto por não apresentar documentos à Justiça

(A modelo Yasmin Brunet e a agência)(?) que a contratou para uma série de campanhas e peças publicitárias como outdoors, mídias sociais, entre outras participações, entrou(?) na Justiça do Rio  contra a Hope.

(?) Mistake, já ouviu falar em concordância gramatical? YB e a agência entraram, capisce?

A Gastromotiva vai realizar o seu primeiro jantar comunitário desde o início da pandemia

Recentemente, a ONG foi eleita uma das “100 Melhores ONG’S(XXX) de 2021″

(XXX) Sai mistake e entra o errante insistente… ONGs, cara-pálida, o que você escreveu é genitivo (já ouviu falar, né?)

 STF nega pedido de conselheiro do TCE-Rio que responde processo criminal

 O ministro Felix Fischer entendeu que o conselheiro só poderá pndurar(!) as chuteiras após o fim do processo criminals(!!!) (?) que responde.

(!)(!!!)(?) Que sorte o réu teve, já pensou se a decisão fosse “até o dia em que mistake não pise na bola?” Pendurar e criminal a que, cara-pálida. É “a” que responde, usou a bobagem usual no título no texto também.

 Funcionários de posto de saúde do Rio montam árvore de natal(?) com frascos de vacinas

 (?) Nem o Natal respeita, mistake?

No texto está certo.

No altar dos cinéfilos está Lina Wertmuller(X), uma apaixonada pelo cinema brasileiro

(X) Mas no blog está no altar dos erros, é Wertmüller… não trema, ponha, tem.

O projeto da PUC para reabrir o ambulatório na Praia do Pinto

A PUC tem um planto(???) de reabri-lo.

(???) E vai ter só plantão? Plano, cara-pálida.

Luiza Trajano fez sucesso em evento organizado por ministradas(!!!) do STF

 (!!!) Ministradas são as mulheres que foram aprovadas como ministras?

Foi corrigido mais tarde, o azar deles é que este mirandeiro é madrugador.

Duas Linhas e Meia (11-12-2021)

. No dia 15, em homenagem ao Dia do Arquiteto,  a DellAnno Niteroi(!) recebe Taissa Buescu,

(!) Rói, cara-pálida.

.O  ato pelo Dia internacional(!) de Direitos Humanos, realizado pela  Ong(!) Rio de Paz, que homenageou os caixas de supermercado,  que trabalharam na pandemia, para que nada faltasse alimentos(XXX) à população, contou com apoio do SuperPrix.

(!)(!)(XXX) Pena que o blog estragou tudo… Internacional, ONG e, caramba, tira “nada”, põe “não” e escreva faltassem. O mais fácil é tirar alimentos, cara-pálida.

Como rascunho já seria ruim demais, como texto final é vergonhoso.

A homenagem a Paulo Casé, o arquiteto que amava o Rio

Millôr era, talvez, mestre da banda, ao lado de Cora Ronai(XXX),

Desse olímpio(XXX) intelectual passaram, (no que a memória permite lembrar) além de Paulo Casé e Guga Froes, João Ubaldo, Marcos Vasconcelos, Tom Jobim, Luís(XXX) Fernando e Lúcia Veríssimo(XXX),

(XXX) De que adianta escrever em linguagem que demonstra intimidade e errar todos os nomes? Rónai, Luis, Verissimo. E o pior dos erros, Olimpo, cara-pálida.

Como(???) sobre o Galeão nas mãos das ‘máfias’

 (???) Como o quê? cara-pálida?

Reformada, obra do grande Hélio Oiticica volta a ser exposta no Museu do Açude

Veja esta dupla exposição: na primeira foto o estado em que se se(?) encontrava a obra

(?) Eco, cara-pálida?

Deve ser terrível usar um rolex(!!!) de R$ 200 mil em outros países e ser… roubada

Uma conhecida empresária carioca, para evitar furtos, só usava seu rolex(!!!), avaliado em uns R$ 200 mil, fora do país.

(!!!) Foi roubada duas vezes, um rolex não vale nem R$ 200, já um Rolex…

Com exceção da nota a respeito da árvore de Natal todas levam a assinatura do titular. Das duas uma, ou ele se esqueceu de tudo o que sempre soube ou não liga mais para seu nome e deixa que outros escrevam barbaridades e  leva a fama.

Compositor cobra R$ 550 mil de Edir Macedo por suposto uso indevido de música

O problema, segundo o compositor, é que a música segue sendo usada nas Igrejas(!) da Universal,

(!) Cara-pálida, Igreja em alta é referência, por exemplo, Igreja Católica, Igreja Presbiteriana, quando se trata dos templos é em baixa.

Monarco, o sambista que morreu ontem aos 88 anos, trabalhou no Jornal do Brasil e na ABI

Por lá, Monarco, veja só, arrumava a mesa para o maestro Heitor Villa-Lobos, que morava na Rua Araújo Porto Alegre, em frente a(!) sede da ABI,

(!) À sede, mister Crase.

Ouça o novo partido(!) alto na voz de Martinho da Vila, composição de Moacyr Luz e Marcelinho da Lua

(!) Abra um dicionário baixo e verá que é partido-alto, escriba.

Prestes a completar 84 anos, o nosso mestre Martinho da Vila não para. Ele acaba de gravar um partido(!) alto delicioso,

Se as próximas três mantiverem a qualidade do partido alto (benza,(XXX) Deus), a coluna já vai se sentir no direito de “cobrar” um DVD.

(XXX) E o “Mirando” continuará se achando no direito de cobrar de coleguinhas que aprendam português para não envergonhar a “catingoria”. Sem vírgula, errante insistente, a expressão é benza Deus.

                                                            ***************

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter