descrevê-lo

Por Benjamim Cafalli

Como descrevê-lo sem ser mal-educado? Impossível

 Não há mais como descrevê-lo sem ser mal-educado ao extremo

descrevê-lo

O extremamente boçal e medíocre ignaro ignóbil chamou, ontem (2) de cara de pau e sem caráter os que assinaram o manifesto pró-democracia organizado pela Faculdade de Direito do Largo São Francisco (USP) que será lido no próximo dia 11 de agosto, data histórica da instalação do primeiro curso de Direito no pais.

No ornejo há uma palavra que nem de longe pode constar de seu vocabulário, não faz ideia do que é  caráter, ele e quem o segue, do que seja isso. E o único pau que conhece é o de arara, tão usado pelo seu ídolo torturar, o coronel Obcuro Ustra.

Este mirandeiro é um dos que foram ofendidos, é signatário do documento.

Aproveitando a oportunidade, é Largo São Francisco, sem “de”, como se tem visto em muitas publicações.

A questão é outra

Se o boçalnato declara que não assinará o manifesto pela democracia organizado pela Fiesp por que a entidade mantém o convite para que ele compareça à reunião? Se mantiver é sinal de que o documento é só uma enganação.

Ornejou que “Essa carta é política, não preciso dizer se sou democrático ou não”. Errou duas vezes, não é essa, é esta, e não há dúvida alguma a respeito, não é democrático, é um desejoso de ser um chefete de quinta categoria.

A piada sem graça do mês

Não é possível dizer que é do ano pois faltam ainda seis meses para acabar. E em se tratando da PGc é difícil imaginar que não venha coisa pior.

Aras, aras, vejam, só, declarou que “Sempre estivemos e seguimos atentos a quaisquer manifestações e atos que ultrapassem os limites das liberdades e garantias constitucionais. Foi assim em 2021 e assim é que temos trabalhado para que em 2022 tenhamos também paz e harmonia sociais no ambiente do processo eleitoral.”.

Tendo em vista a “atuação” do PGc e sua vice, Lindôra, a interpretação adequada é “já preparamos o pedido de arquivamento de qualquer pedido que venha da Polícia Federal e do TSE.”.

Getúlio Vargas, o fundador do partido, virou ventilador na tumba

Faz tempo que o PTB, Partido Trabalhista Brasileiro, transformou-se em um valhacouto. Hoje a sigla significa Punhado de Tratantes do Brasil.

Um de seus mais desprezíveis componentes, Roberto Jefferson, que cumpre prisão domiciliar por condenação devido a associação com organização criminosa, lançou, ontem, sua candidatura ao Circo do Planalto! Zurrou, com apoio do criminoso Daniel Silveira, que a candidatura não é para fazer oposição ao ignaro ignóbil, é para apoiá-lo, RJ – triste abreviação  – irá  ornejar e mentir mais do que ele, “expor aquilo que Bolsonaro não pode sem que seja perseguido”, como ataques contra a esquerda e ao STF”.

Não há um psiquiatra na face da Terra que consiga explicar sem usar palavras ríspidas o fato de haver quem siga estes boçais.

O Rio de Janeiro é masoquista

rio masoquista - descrevê-lo

O substituto de Wilson Witzel, o ex-governador e ex-juiz do “tiro na cabeça”, Cláudio Castro, inspirado no podre Congresso que criou as emendas secretas, resolveu inventar um orçamento secreto, por meio do qual paga salários a 27 mil asseclas sem que seus nomes sejam publicados no Diário Oficial e nem apareçam em documentos disponíveis para consulta.

Alguém se lembra da última vez que o RJ teve um governador decente, que não acabou atrás das grades ou que, no mínimo, esteja sob suspeitas até hoje?

Foram todos democraticamente eleitos. Nas próximas eleições concorre um candidato sabidamente honesto e competente, Marcelo Freixo, mas as pesquisas mostram CC – que também tem um significado que o descreve à perfeição – está empatado com ele de acordo com as pesquisas.

A marmelada foi cancelada devido a um intervenção da imprensa esquerdista, o UOL descobriu e denunciou a ação do coisiforme CC.

Ué, a finalidade não é o bem-estar do trabalhador?

Tramita na Câmara um projeto para que os valores do vale-refeição e vale-alimentação sejam entregues em dinheiro vivo aos trabalhadores, os beneficiários. O uso que farão é decisão deles, se fizerem mau uso é problema deles. Até se pode  pensar no fim do benefício, mas, enquanto viger, como será usado, o justo é depender da vontade de quem o recebe.

Em uma decisão paternalista – disseram na origem que eles poderiam desviar o dinheiro, por exemplo, para comprar bebidas, apostar em loterias – foram criadas empresas que ganham fortunas administrando os tíquetes e explorando o comércio que os aceitam.

Provando o desvio de função, o presidente da Associação Brasileira das Empresas de Benefícios ao Trabalhador (ABBT), Alaor Aguirre, diz que a medida, se aprovada,  provocará o encolhimento do mercado de tíquetes, além de comprometer o faturamento de bares, restaurantes e mercados, pois os trabalhadores poderiam usar os valores do benefício para pagar outras contas.

 Como perguntaria o ignaro ignóbil, “E daí?”, o benefício foi criado com que finalidade, para favorecer os trabalhadores ou o mercado?

Que lapso freudiano, hein, cara de pau?

 O deputado Paulinho da Força, relator do projeto, repetindo seu passado que mostra só ter força para fazer o que não deveria, sentiu a pressão do “mercado” e mudou de ideia, agora propõe que o benefício não seja mais disponibilizado em dinheiro e que seja transformado em crédito caso o valor não seja usado por dois meses.

Eles, se dobrando ao ignaro ignóbil, querem é tumultuar

Seguidores do i.i. no Ministério da Defesa (do quê?) e nas Forças Armadas (de quê?), mostrando toda a sua ineficiência e vontade de causar agitação, pretendem ir, hoje, ao TSE, em busca do código-fonte das urnas eletrônicas, informação que está disponível desde outubro do ano passado.

Mas o general Paulo Sérgio Nogueira, o da Defesa, é meio lento ao tomar decisões relativas à pasta, só sabe meter o nariz onde não é chamado. Ainda bem que não há nenhum país querendo invadir o Brasil, com um ministro deste  quilate não demoraria uma semana para triunfar.

por Benjamim Cafalli

                                     por Benjamim Cafalli

                                                                 

(CACALO KFOURI)

***************

Copiada do Estadãozinho

Privatização prevê túnel até o(!) Guarujá

Sem ainda ter enviado o plano de privatização do Porto de Santos ao Tribunal de Contas da União (TCU), nas últimas semanas o governo ainda avalia como vai encaminhar o projeto do túnel submerso entre Santos e (!) Guarujá dentro do leilão.

(!) Aboliram os revisores e, quem sabe, seja melhor fazer  a mesma coisa com os editores. O repórter autor do texto acertou, não usou artigo antes de Guarujá, mas o editor pisou na bola e tascou “o” antes do nome do município.

                                                                   ***************

Copiada da Veja (site)

E o “Mirando” implica com erros gramaticais na imprensa, afinal a escrita é a ferramenta de trabalho dos que atuam na área. Implica “o” crescimento, escriba, no caso é verbo transitivo direto.

                                                                  ***************

Copiadas do Blog do Ancelmo

 legenda
jefe: Ancelmo Gois
 miss Caixa/mistake: Ana Cláudia Guimarães (editora)
errador/mister Crase: Nelson Lima Neto
Por que continuar lendo o blog se tem tanto erro e dá tanto trabalho? É que, apesar da decadência do texto, continua sendo uma boa fonte de informações. E, afinal,  qual seria o sentido de fazer o “Mirando” sem mirar?
Em tempo: não mais será usado itálico nos adjetivos dos coleguinhas e em blog, perde-se muito tempo com isso.

Gêmeas com síndrome rara são operadas ainda no útero da mãe e nascem saudáveis

Obstetra descobre que as duas menininhas eram portadoras do(!!!) síndrome transfusão feto-fetal

(!!!) E o “Mirando” descobriu que o blog sofre dA síndrome do erro-erral! Barrabás, ruins d+.

Está sem (des)crédito.

PMs do Rio e de São Paulo trocam experiências para policiamento dos jogos entre Flamengo e Corinthians

(Ficou acertado detalhados)(!!!) do policiamento do jogo de volta das quartas de final da Taça Libertadores entre Flamengo e Corinthians, no dia 9

(!!!) Jefe, olha só que coisa, ficou acertado com a gramática que é “Ficaram acertados detalhes do”.

(…), na(!) Neo Química Arena, mais conhecido(!) por Itaquerão.

(!) Aqui também tem um acerto, mais conhecidA por Itaquerão.

Centro do Rio de Janeiro perto de receber 2 mil novas unidades residenciais

Tocado pela secretaria(!) de Planejamento Urbano,

(!) Está sem crédito mas na cara de quem é, miss Caixa… Em alta, escriba.

Fundado em 1899, o Clube Guanabara vai ser leiloado

A (justiça federal)(???) determinou que o imóvel seja vendido para pagar dívida

(???) Caramba, jefe, JF em baixa??? Aderiu ao ignaro ignóbil?

 Conheça Frido, o vira-lata resgatado em um centro de testagem para Covid

O peludo estará (?) para adoção no Centro de Medicina Veterinária Jorge Vaitsman (CJV), na Mangueira

(?) Estará o quê, errador? Ahhh, disponível.

Esse(XXX) na foto acima é o Frido,

(XXX) Errador, é provável que seja mais fácil o ignaro ignóbil falar uma verdade do que você aprender o uso de demonstrativos… É este, escriba.

Academia do Rio ignora pedidos de pais e tira ‘exclusividade’ de banheiros para pessoas com deficiência

Uma mãe usou o Instagram para cobrar explicações da unidade da academia(!) Bodytech no shopping(!) Cittá América, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. É que a direção decidiu retirar o aviso de “exclusivo” das portas dos dois únicos banheiros destinados à(!!!) pessoas com deficiência.

(!)(!!!) Barrabás, o cataclismo gramatical, fusão da miss Caixa com mister Crase! Academia, Shopping e sem crase, escriba! Ou então use às.

Túnel Velho é vandalizado pelo(!) quarta vez desde a sua revitalização, em janeiro

Ontem, equipes da Comlurb e do Centro de Operações Rio foram informados(!) na reincidência pela Subprefeitura da Zona Sul.

(!) Barrabás, o disconcordante gramatical: pela quatra vez, equipes foram informadas, errador.

Já solicitei e o Centro de Operações Rio está instalando câmeras de segurança no túnel para identificar e (*) punir os responsáveis,

(*) E poder punir, cara-pálida, câmera ajuda a identificar, mas não pune, capisce?

                                                                  ***************

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter