Forças Armadas

Forças Armadas arrastadas. E a Escala “Errichter” para medir noticiários

O general (da reserva) Carlos Alberto dos Santos Cruz declarou que “o governo tenta arrastar as Forças Armadas para o jogo político e usá-las como instrumento de intimidação política e de jogo de poder pessoal”. O militar  criticou as manifestações  do Ministério da Defesa e das Forças Armadas no âmbito do jogo político promovido pelo coiso, fazendo referência à nota conjunta publicada pela Defesa e pelas Forças Armadas em clara ameaça ao trabalho dos senadores na CPI da Pandemia.

Pingu GIFs | TenorTudo muito bonito, mas há que pingar os iis. A primeira correção é no que se refere a “o governo tenta”, não tenta, consegue, tanto é que houve a nota conjunta da Defesa e das Forças Armadas. Mas a principal correção necessária é explicar o inexplicável, o porquê de ele ter sido um entusiasta da candidatura do coiso em 2018 mesmo sabendo o histórico da vida militar do candidato e de seu desempenho como parlamentar e ainda ter feito parte de seu governo. O “Mirando” insiste no ponto de que nenhum, mas nenhum militar, tem como se eximir da culpa de ter apoiado aquele que um dos ditadores militares, o general Ernesto Geisel, classificou de “um mau militar”, todos, sem exceção, sempre souberam muito bem quem é o espécimen e ainda assim o apoiaram, são todos cúmplices.

A jornalista Juliana Dal Piva, do UOL, detalhou em vídeo o ataque que  recebeu de Frederick Wassef, o defensor do indefensável coiso. O ataque foi originado pelo fato de a jornalista ter publicado o que se pode chamar de novela pornô, “A vida de Jair”.

Segue o link para que se passa assistir ao vídeo.

https://www.youtube.com/watch?v=XDU9-_KXOo8

O grupo autodenominado Prerrogativas não se manifestou, deve ter achado normal a atitude do colega.

Desde o início de junho o sistema de ônibus na cidade de São Paulo vem sofrendo ataques, veículos são depredados, principalmente na periferia, prejudicando aqueles que mais precisam de transporte público. Correm rumores  de que os atos de vandalismo são cometidos   por pessoal que perdeu o emprego nas empresas proprietárias dos ônibus. A polícia, até o momento, nada descobriu. Ser for verdade, trata-se de um método difícil de entender, ex-empregados prejudicando empregados que se dirigem ao trabalho.

Mas, se for levado em conta que elementos de um partideco de nome Partido da Causa Operária atacaram peessedebistas na última manifestação em São Paulo contra o genocida pode-se esperar de tudo.

 O coiso confirmou, ontem (12), que vai indicar o tremendamente evangélico, aquele que declarou que seu chefe é um profeta e que teve atuação patética no Ministério da Justiça e na Advocacia-Geral da União, para a vaga aberta no STF.  Deve ter sucesso, pois depende de aprovação do Senado e este talvez seja o mais medíocre de todos os tempos.

 Não é hábito do “Mirando” tratar de mortes, mas, no caso, não há como evitar dada a  mediocridade em que se transformou o Itamaraty desde a posse do genocida.  O ex-embaixador Paulo Tarso Flecha de Lima morreu, ontem, aos 88 anos. Foi um notável  diplomata que não caberia na diplomacia atual. Foi secretário-geral das Relações Exteriores entre março de 1985 e março de 1990.

Nomeado pelo ex-presidente Itamar Franco, representou o Brasil em Washington de novembro de 1993 a maio de 1999. No período,  negociou a retirada de cerca de 450 trabalhadores brasileiros feitos de escudo pelo ditador  Saddam Hussein durante a Guerra do Golfo. Foram  45 encontros em 23 dias para libertá-los.

Foi também embaixador em Londres, em Roma e é tido como ícone da diplomacia brasileira. 

Sua mulher, Lúcia Flecha de Lima, que morreu em 2017, foi considerada uma das mais ativas embaixatrizes da história  do Brasil. 

O Estadão continua a fazer uso de sua gramática particular que desrespeita a vigente no país, usa artigo “o” antes de Guarujá e de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, não usa antes do Tocantins, põe hífen em Assembleia Geral da ONU e não põe em Alto-Comando do Exército.

 (CACALO KFOURI)

                                                             ***************

                                                             ***************

Copiada do Estadão

 Holofotes. Charlotte com a mãe, a cantora e atriz Jane Birking(?): filme foi exibido na seção Cannes Premiere do Festival de Cannes

Acima, legenda de foto

 Charlotte Gainsbourg é filha de dois ícones: o cantor e compositor Serge Gainsbourg (19281991), autor da canção Je T’aime… Moi Non Plus, e a cantora e atriz Jane Birkin(?),

Cara-pálida, Jane ganhou o g do falecido marido?

                                                              ***************

Copiadas da Folha

 Painel

PF abre inquérito para investigar se Bolsonaro prevaricou em caso de suspeitas da Covaxin

A Polícia Federal instaurou inquérito para investigar suspeita de prevaricação do presidente Jair Bolsonaro na negociação do governo para a compra da vacina indiana Covaxin.

A apuração tem origem nas afirmações do deputado federal Luis Miranda (DEM-DF), que diz ter avisado o presidente sobre irregularidades nas tratativas e pressões que seu irmão, servidor do Ministério da Saúde, teria sofrido.

Adianta? A PF constatará o que todos já sabem, prevaricou, e Aras, aras, vejam só, dirá “Imagina, não há provas, tudo é suposição da PF!”.

Procuradoria abre apuração sobre denúncia de propina em compra de vacinas no governo Bolsonaro

A Procuradoria da República no Distrito Federal abriu uma apuração preliminar sobre o suposto pedido de propina por parte de Roberto Ferreira Dias, ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde.

Tecnicamente conhecida como notícia de fato, a apuração consiste no levantamento de informações iniciais sobre o ocorrido e pode levar a desdobramentos nas áreas criminal e administrativa.

O caso foi enviado inicialmente à procuradora Melina Montoya Flores, que instaurou o procedimento, mas está a cargo do 28º Ofício da Procuradoria, cujo titular é Cláudio Drewes. A apuração tramita sob sigilo.

Esta não é a procuradoria do PGc Aras, aras, vejam só, , então é possível acreditar na apuração.

Copa América trouxe nova variante do coronavírus para o Brasil

A realização da Copa América no Brasil trouxe pelo menos uma nova variante do coronavírus para o país. O sequenciamento genético de amostras (processo para identificação das cepas do vírus), feito pelo Instituto Adolfo Lutz, identificou dois casos da variante B.1.621 entre 12 exames realizados.

Entonces, foram três derrotas, para a cepa nova, para los hermanos e mostrou que a seleção não pode depender de moleques imaturos e mimados como Neymar e Gabigol.

                                                              ***************

Copiada do G1

Reverendo que negociou vacinas apresenta atestado e informa ‘impossibilidade’ de ir à CPI

O documento foi protocolado na comissão e é mantido sob sigilo. A CPI apenas informa que o reverendo “encaminha atestado médico, informando da impossibilidade momentânea de comparecer ao depoimento agendado para o dia 14.07.2021”.

G1 apurou que o atestado do reverendo é de 15 dias, valendo a partir de 9 de julho. Com isso, ainda não está definido o dia do depoimento.

Qual será a doença, pilantrite aguda? Se bem que o mais provável é que seja crônica…

Copiadas do UOL

 Mulher passa com carro em 49 sinais vermelhos para se vingar do ex

Do UOL, em São Paulo 12/07/2021 14h03 Uma mulher encontrou um jeito ‘caro’ de se vingar do ex-namorado na China após ele ter terminado o relacionamento com ela para começar outro namoro.

O cara-pálida que editou a matéria foi muito malicioso, não? Começa pelo “chapéu”, “Após fim da relação”, baita duplo sentido. Pra completar, apesar de o fato ter acontecido na China, usa como ilustração foto de semáforo em São Paulo com o aviso “Não feche o cruzamento”…

Modelo que atacou blitz é bolsonarista e participou do Miss Bumbum

 Liziane Gutierrez, 35 anos, advogada e modelo que atacou agentes da Vigilância Sanitária por interromperem uma festa clandestina em São Paulo — com show de Matheus e Kauan —, é bolsonarista e já foi candidata (desclassificada) do concurso Miss Bumbum.

Ambos, apoiadora e apoiado, têm o cérebro no lugar  que é motivo do concurso e ainda assim são reprovados, as partes globosas têm mais conteúdo…

                                                             ***************

Copiada do Blog do Ancelmo

Mais um assessor de Bolsonaro recorre contra quebra de sigilo imposta pela CPI da Covid

A AGU defendeu que “não se pode esvaziar por completo os direitos constitucionais à intimidade e à privacidade do ocupante de cargo público”. A liminar compra(!!!) a suspensão das quebras dos sigilos.

(!!!) Que governo honesto, hein? Até liminares quer comprar… O cara-pálida cometeu aquilo que se convencionou chamar de lapso freudiano. Cobra, escriba, mas está desculpado desta vez.

 Estrela do mundo pornô lança autobiografia: ‘Eu sou uma mulher livre’

Uma das maiores (estrela pornô)(???) do Brasil, com mais de cem filmes em seu currículo em diversos países do mundo,

(???) Cara-pálida, tem certeza? Olha que a gramática diz que é estrelas pornô…

Muito mais, no entanto, o livro propõe trilhar o caminho percorrido pela artista até hoje, evocando suas memórias, seus pontos de vist.(*)

(*) De vista, escriba, olha o capricho.

No liveo(*), ela conta os abusos que sofreu, a sua relação de amor com a à(!!!) família.

(*) Caramba, erros em profusão, assim não fica bão, livro, cara-pálida.

(!!!) Quanta criatividade, inventou a contração da preposição com a contração da preposição com o artigo, genial!

Justiça marca data de audiência de acusado de matar jovem a facadas no Plaza Shopping

De acordo com a denúncia do MP, Vitorya almoçava sentada junto à praça de alimentação (?) shopping, quando Matheus se aproximou e começou a conversar com ela. Em determinado momento, ele sacou uma faca de sua mochila e deferiu-lhes(!!!) golpes,

(*) Cadê o do que tem de estar aqui, escriba?

 (!!!) Uau, a vítima foi só uma, mas ele conseguiu deferir-lhes golpes, fantástico! Desferiu-lhe, cara-pálida.

Rodolpho Tobler, (FGV/ Ibre)(?) , fala sobre o volume de vendas do varejo

Rodolpho Tobler, coordenador da Sondagem do Comércio do (FGV IBRE)(?),

(?) A escriba não se entende nem com ela mesma… FGV/Ibre…

O resultado positivo, disseminado entre os segmentos, mostra que o setor está mais resiliente e se(?) adaptado

(?) Oh, dúvida cruel, se adaptando ou adaptado, cara-pálida? Cabem os dois.

O varejo se mantém em patamar acima do nível pré(*)pandemia

(*) Hífen, escriba.

A expectativa para os próximos meses é de(XXX) continuidade dessa retomada

(XXX) Cara-pálida, é a de ou é continuidade.

O andamento do programa de vacinação e a retomada do mercado de trabalho,(!!!) se tornam fundamentais para sustentar a recuperação do setor na segunda metade do ano”.

(!!!) Barrabás, que vg, como diria uma aluna da minha mulher, separou o sujeito do prejudicado… tira a bicha daí, cara-pálida.

 Cresce o lobby para a privatização das (guardas portuárias)(*)

 Cresce cada vez mais o lobby das empresas privadas para a privatização das (Guardas Portuárias)(*)

(*) Tô falando, não se entende com ela mesma, decida-se, alta ou baixa… é baixa, cara-pálida.

O lobby privado foi feito ao secretário(?) nacional dos Portos e Transportes Aquaviários, Diogo Piloni  e Silva em ofício em caminhado ao secretário(?) no último dia dia 2 por setores que representam as empresas privadas.

(?) A ele, cara-pálida, caramba.

A bagunça no blog está tão grande que escapa até parte da matéria seguinte entre ela e a anterior.

Artistas denunciam agressão ideológica do governo Bolsonaro ao Festival do Capão

O Grupo de Ação Parlamentar Pró-Música (GAP) acaba de soltar uma nota sobre o parecer técnico da Funarte contra o apoio ao Festival de Jazz de Capão. O motivo da contrariedade do governo Bolsonaro é uma postagem no Facebook do festival baiano de caráter “antifacista e pela democracia”.

Aqui reside o problema, trata-se do “capão” da democracia indo contra o Festival de Jazz do Capão. Na Funarte, sob Mário Frias, jaz a inteligência.

O tal parecer ao Festival, que está em sua 9ª edição, começa com uma frase de Johann Sebastian Bach: “O objetivo e (*) finalidade maior(**) de toda música não deveria(*) ser nenhum outro além da glória de Deus e a renovação da alma”.

(*)(**) Bach escrevia em alemão, os erros são de quem traduziu, faltam um “a” e um “eme”. No caso de “maior” pode ser no singular, a referência não está clara se é somente  à finalidade ou a ela e ao objetivo.

Em 1935, dois sismólogos, Charles Francis Richter e Beno Gutenberg – que coincidência, sobrenome do inventor da prensa, daí veio imprensa – criaram uma escala para medir a intensidade de terremotos. Ficou conhecida como Escala Richter, é logarítmica, vai de 1 a 10, sendo que o mais violento até hoje ocorreu na cidade chilena de Valdivia, atingiu 9,5, fala-se em 6 mil mortos. Em 2021, o “Mirando” resolveu criar a Escala Errichter, para avaliar a quantidade de erros do blog, a dúvida é se 10 será um limite suficiente…

                                                              ***************

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter