Seleção

Seleção show de bola. Blog do Mário Marinho

Seleção

Comentando o chatíssimo jogo Colômbia 0 x 0 Brasil aqui, na segunda-feira, usei o título “Seleção Broxante”.

E expliquei que era essa a visão que eu tinha daquela seleção: um time que não desperta o menor entusiasmo, a menor vontade.

Na noite de ontem, no primeiro comentário que fiz para a  (www.radiofutebol.com.br ) do meu amigo Jarbas Duarte, levantei minha dúvida: que seleção vamos ver hoje em campo? Será aquela broxante ou uma verdadeira Seleção Brasileira?

Pois, para minha alegria e de milhões e milhões de brasileiros, o que vimos em campo ontem à noite, em Manaus, foi uma seleção genuinamente brasileira, uma seleção show de bola.

Logo nos primeiros minutos, deu para perceber que Neymar estava em dia do craque que ele é. Mais ainda: pelo lado direito, o jovem Rafinha nos remetia a Garrincha com sua ousadia, partindo para cima de seus adversários que o Anjo das Pernas Tortas chamava João. Qualquer um era João.

Pelo lado esquerdo do ataque, Lucas Paquetá fazia o papel de um agressivo ponta esquerda, levando a bola até a entrada da área, driblando seus adversários, desmontando marcações e fazendo passes perfeitos.

No ataque, só Gabriel Jesus mantinha discreta atuação.

O meio campo, tinha os combativos Fabinho e Fred que não deram oportunidade ao ataque do Uruguai que tinha Cavani e Soares, dois baitas atacantes.

Neymar marcou o primeiro aos 9 minutos numa jogada espetacular, de craque.

Aliás, logo após o gol, recebi mensagem do jornalista Sérgio Vaz, velho amigo e companheiro dos tempos do Jornal da Tarde. Disse ele em meu Blog:

“Marinho, este seu amigo não manja lhufas, mas vai botar aqui um post que botou no Facebook. Virou mania nacional falar mal do Neymar. Mas, se esse gol não foi gol de craque, então eu nem sei para que serve a bola”.

Fica tranquilo, Sérgio Vaz: foi gol de craque.

Minutos depois, lá estava Neymar novamente atazanando a defesa uruguaia e só não marcou graças à bola defesa do goleirão Muslera que não pôde segurar firme a bola que acabou sobrando para Raphinha marcar seu primeiro gol com a camisa da Seleção.

Diversas outras oportunidades foram criadas.

Se o primeiro tempo tivesse terminado em 4 a 0, ao invés de 2 a 0, não seria nenhum exagero.

Fiquei preocupado com o segundo tempo. Será que a seleção vai tirar o pé do acelerador? Será que vai se fechar e tentar manter o resultado?

Como diria Ivo, ledo engano.

A Seleção voltou com a mesma vontade, a mesma disposição e, mais uma vez criou pelo menos duas ou três chances além dos dois gols que marcou.

O Uruguai descontou numa falta muito bem cobrada pelo bom Luizito Soares.

Ao final, os 4 a 1 ficaram de bom tamanho.

Poderia ser de mais, mas o que interessa é que a Seleção jogou o futebol que há muito dela esperamos.

Foram nove jogos nessa campanha Eliminatória para a Copa do Catar. Oito vitórias e um empate.

Mas, em nenhuma dessas oportunidades se viu a Seleção mostrando o futebol que nos levou a cinco títulos mundiais e a conquistar o respeito e admiração do mundo.

O Brasil ainda não está matematicamente classificado, mas um empate contra a Colômbia, no próximo dia 11, já pode garantir a vaga.

Acompanhe os gols com o entusiasmado narrador uruguaio:

https://youtu.be/GCkGJDednQc

Agora, veja os melhores momentos do show:

https://youtu.be/xLcqs41-0dg

___________________________________________________________________

Mário Marinho – É jornalista. É mineiro. Especializado em jornalismo esportivo, foi FOTO SOFIA MARINHOdurante muitos anos Editor de Esportes do Jornal da Tarde. Entre outros locais, Marinho trabalhou também no Estadão, em revistas da Editora Abril, nas rádios e TVs Gazeta e Record, na TV Bandeirantes, na TV Cultura, além de participação em inúmeros livros e revistas do setor esportivo.

(DUAS VEZES POR SEMANA E SEMPRE QUE TIVER MAIS
 NOVIDADE OU COISA BOA DE COMENTAR)
____________________________________________________________________

1 thought on “Seleção show de bola. Blog do Mário Marinho

  1. Já a deficiência da marcação uruguaia, nada a ver, certo? Os uruguaios que devem estar malhando o Cavani e o Suarez, certamente acharão seu comentário irrelevante, certo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter