Se chega “a” e se chega “ao”. “Em, na, no”, não. Nosso colunista corrige, na Mira

O Estadão (6), reproduzindo, na pág. A9, artigo do New York Times, levanta uma questão, por que, em alguns casos, um massacre é chamado de terrorismo e em outros não.

Melhor ler o texto inteiro: “Quando podemos chamar de terrorismo”. (https://www.google.com.br/search?q=quando+podemos+chamar+de+atentado+terrorista&oq=quando+podemos+chamar+de+atentado+terrorista+&aqs=chrome..69i57.18

Trecho de artigo na Folha de S.Paulo: “Negra, mulher, tucana, Valois foi colocada lá porque é negra, mulher e tucana. Seu pleito ajudou a mostrar a empulhação que há nas nomeações de mulheres por serem mulheres e de negros por serem negros.”. Competência não passa nem perto do motivo da escolha e o curioso é que ninguém enxerga isso como sendo “machismo”  e racismo em sentido contrário.  

A justificativa de Trump para que não haja controle de armas é das coisas mais medíocres ditas no século 21, disse ele que o criminoso só foi parado porque havia outra pessoa armada atirando em sentido contrário! Dá para acreditar?

Caramba, nas TVs do Grupo Globo só se chega “em”, “na” e “no”, aboliram “a” e “ao”.

Na TV Bandeirantes, no Jornal da Band (6) aprendi, em reportagem sobre a nova NFe,  que o plural de bolo é “bólos” e que o correto não é beneficente, é “beneficiente”.

(CACALO KFOURI)

**************

No UOL

Para governo do (!) MS, União é omissa e tráfico na fronteira sustenta crime no RJ

(!) Título na capa do portal.

Para secretário de (!) MS, narcotráfico na fronteira sustenta violência no Rio

(!) Título na matéria.

Deputado estadual eleito em 2014 pelo PSB, José Carlos Barbosa é quem comanda o combate ao narcotráfico no (!) Mato Grosso do Sul há um ano e meio.

(!) No texto. É ou não é um festival de falta de cuidado? Caras-pálidas, é sem artigo, de, em. Não é pegação no pé, a redação do UOL é um caos, um samba do crioulo doido (dá muito trabalho escrever a versão politicamente correta)!

Em legenda de foto na capa:

Um dos corpos foi encontrado na rua Leonor Quardos (?), no Morumbi

(?) O ex-presidente Jânio Quadros, do Além, manda avisar que o sobrenome da mãe dele é Quadros.     

 MEC acata decisão e diz que desrespeitar direitos humanos não zera redação do Enem

 Obs.: – O que é desrespeitar direitos humanos, emitir opinião com a qual não concordamos – com razão? E a liberdade de expressão, aonde fica? O que a ministra dos Direitos Humanos  fez,  por exemplo, não é desrespeitá-los?

 Atirador do Texas foi dispensado das (Forças Aéreas)(???) por agressão à mulher e aos filhos

 (???) Quais “Forças Aéreas”, cara-pálida? Força Aérea é a USAF, United States Air Force. As outras são da Marinha e do Exército, não existe uma conjunta. Alguém confundiu Forças Armadas com  Aéreas.

 126 celebridades citadas

Bono e Madonna são ligados a paraísos fiscas (!!!) em escândalo

(!!!) Um dos mágicos da capa do UOL ataca novamente! Se escrever fiscais não “fiscas mai lesgal?”.

Com os bens bloqueados pela Justiça, Cunha diz viver em “situação de penúria”

Obs.: – Tadinho, na mesma situação que a ministra Valois.

Cunha diz que compra de seu silêncio foi ‘forjada’ para derrubar Temer

Obs.: – É um artista, comandou a queda de Dilma e, agora, diz que seria usado para derrubar Temer. Com diriam no saudoso programa de rádio “Rádio Camanducaia”, que imaginação “fertilizante.

 Henrique Alves chora ao depor e diz que não sabia de depósitos na Suíça

 Obs.: – Oh, que peninha, ó dó… Chorou  e caíram lágrimas de crocodilo? Outro artista.

 Cármen Lúcia (vive racha)(!!!) entre ministros no STF

(!!!) Capista do UOL rides again! Viverracha? É perfume francês? Eis o título na Folha, de onde reproduziram a matéria: “Desgastada, Cármen Lúcia enfrenta racha entre ministros no Supremo”.

                                                          **************

No Blog do Josias

 Mato Grosso: deputado vai da cadeia à presidência de Assembléia(Assembleia)(*) Legislativa

(*) No texto está certo, na capa, errado, quem foi, quem foi? É publicado no UOL …

Escorando-se no caso do grão-tucano, o plenário da Assembleia Legislativa do(X)(de)(*) Mato Grosso libertou da prisão seu vice-presidente, o deputado estadual Gilmar Fabris (PSD).

(*) A solução está em fazer campanha para acrescentar o artigo “o” antes de Mato Grosso e Guarujá, 90% das pessoas usam, manter sem é complicar a vida.

Obs.: – Quem mesmo criminaliza a política e os políticos?

                                                          **************

No Estadão

PT deve se aliar a partidos que votaram pela saída de Dilma

 Obs.: – Esta é a filosofia do partido, aquela velha e odienta de que os fins justificam os meios.

Presidente estadual do PT, o ex-prefeito de São Bernardo e ex-ministro do Trabalho Luiz Marinho disse, em entrevista a Ricardo Galhardo, que o partido tem de rever a proibição de alianças com siglas que apoiaram o impeachment de Dilma Rousseff para ir às urnas em 2018. “Temos de recuperar bases. A maioria do povo brasileiro também apoiou o impeachment, e nós queremos recuperar a maioria do povo brasileiro.”

Obs.: – Enfim um que reconhece a verdade, a maioria do povo apoiou, faltou dizer que  não considerou golpe.

 Coluna do Estadão

Imposto sindical deve ser recriado por projeto

O presidente da Força Sindical, deputado Paulo Pereira da Silva, desistiu de cobrar do presidente Michel Temer a edição de medida provisória para recriar o imposto sindical, extinto com a reforma trabalhista. O novo imposto sindical será incluído num projeto sem relação com o tema, mas que estiver pronto para ser votado no plenário da Câmara. Com isso, a pauta não será debatida pelas comissões temáticas.

Obs.: – Ou seja, jabuti mais que anunciado, se passar será com a cumplicidade das nobres excelências.

Com apoio de Aécio Neves (PSDB), Luislinda Valois permanece à frente do Ministério dos Direitos Humanos mesmo após ter pedido para receber R$ 61 mil.

Obs.: – Realmente, a sra. não tem um pingo de escrúpulos. Desmoralização de mulheres em geral e negras especificamente, pois se vale das duas características.

 Evangélicos se opõem a controlar arsenais

 O massacre de domingo foi o pior em uma igreja na história moderna dos EUA. Para muitos evangélicos conservadores, políticas adotadas especificamente para o porte e uso de armas não estão detalhadas na Bíblia.

Obs.: – É o não é uma sandice a interpretação que fazem dos chamados Livros Sagrados em todas as religiões? Será que na Bíblia tem alguma recomendação sobre uso de smartphones, geladeiras, ar-condicionado, panela de pressão?

                                                          **************

Na Folha

 Temer contraria centrais e desiste de MP para contribuição a sindicatos

Obs.: – Será que vai adiantar? De acordo com o publicado na Coluna do Estadão – ver mais acima – já estão armando para extorquir os trabalhadores.

 Advogado de Lula diz que Fux desafia “direito internacional”

Em entrevista à Folha,  Fux disse que falava “abstratamente” sobre a situação de Lula e afirmou: “Quando o presidente [da República] tem contra si uma denúncia recebida, ele tem que ser afastado do cargo. Ora, se o presidente é afastado, não tem muito sentido que um candidato que já tem uma denúncia recebida concorra ao cargo”.

Obs.: – Por falar em violações, a fala do advogado desafia a lógica e faz entendimento torto do que disse o ministro, Fux não disse condenado,  falou “se presidente denunciado é afastado”.   Por que alguém já condenado – Lula – e denunciado nove! vezes poderia concorrer?

Haddad deu R$ 30mi a grupos de dança que julgavam a si mesmos

Concursos de arte na gestão petista tinham jurados ligados a duas cooperativas dos principais premiados

Obs.: – Difícil de explicar sem faltar com a verdade, né mermo?

                                                         **************

No Comunique-se

Currículo e nova(?) livro de Bob Wolfenson

 (?) Livro trans?

No Blog do Ancelmo (Gois)

Cultura: Suplicy declara apoio a José Celso Martinez

 Adivinha o que ele cantou? “Bowind (???) in the Wind”, de Bob Dylan.

(???) Aposto que não cantou Bowind e, sim, Blowin’ in the Wind.

Restaurante ‘japonês’ impede na Justiça que concorrente abra no mesmo shopping

Representando pelo Dannemann Siemsen, o Kotobuki alega que a diretoria shopping prometeu, há 16 anos, quando ele se instalou por lá, que os restaurantes não teriam concorrentes diretos.

Obs.: – Se está no contrato, tem de ser cumprido, mas é um retrato fiel do capitalismo à brasileira, por aqui se odeia a concorrência.

                                                         **************

N’O Globo

 Corrente petista contesta negociações para aliança com PMDB

 

A corrente petista Democracia Socialista (DS) divulgou nota nesta segunda-feira com contestação às negociações que são sendo feitas pela cúpula do partido para firmar alianças com o PMDB nos estados para a eleição de 2018.

Obs.: – As correntes petistas lembram muito as denominações das igrejas evangélicas: Construindo um Novo Brasil; Articulação de Esquerda; Mensagem ao Partido; Democracia Socialista, Movimento PT; O Trabalho. E todas acabam sendo ovelhinhas de Lula.

 Atirador era professor da Bíblia e foi expulso da Força Aérea

Devin Kelley ficou preso por um ano

Obs.: – O  pessoal faz leitura arrevesada da Bíblia, não entende nada, pois agredia a família e seus alunos provavelmente saíram a abrir igrejas na velocidade com que se abre franquia do McDonald’s. Ficou preso um ano e comprou armas, que loucura é esta?

Mais uma vez, Trump afirma que armas não são o problema

Obs.: – Bom, há um problema tão grande ou maior, ele, Trump.

                                                         **************

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter