bons 45 minutos

Bons 45 minutos. Blog do Mário Marinho

bons 45 minutos

Os 22 mil torcedores que foram ontem à noite, quarta-feira, à Arena Neo Química saíram do estádio satisfeito com o resultado final – 3 a 0 sobre o São Bernardo – mas, a bem da verdade, viram apenas 45 minutos de bom futebol do Corinthians.

O primeiro tempo foi de amargar.

O São Bernardo se fechou em seu campo e o Timão, sem criatividade, não encontrou espaços para a penetração.

E pior: quando conseguiu chegar à área adversária, seus jogadores concluíam erradamente, sem perigo para Júnior Oliveira, goleiro do São Bernardo.

A história mudou no segundo tempo.

O time voltou sem modificações, mas, com outra postura.

Jogando com a camisa 9, Roger Guedes passou o primeiro tempo todo à procura de um lugar onde ficar.

Mas, no segundo tempo, bastaram 9 minutos para que ele se encontrasse e fizesse o seu primeiro gol da temporada. Aliás, desde 25 de novembro passado que ele não marcava.

E não foi um gol qualquer.

A jogada foi toda bonita.

Aos 9 minutos, recebeu passe limpinho de Giuliano, avançou rápido e com tranquilidade para chegar na cara do goleiro. Na saída de Júnior Oliveira, Roger Guedes tocou por cima, numa precisa cavadinha.

Belo gol.

E 15 minutos depois, novamente Roger Guedes.

Se o primeiro gol foi pelo lado direito, desta vez ele desceu pelo lado esquerdo, recebeu de Renato Augusto e tocou com tranquilidade na saída do goleiro: 2 a 0.

O placar foi encerrado três minutos depois, com William cobrando um pênalti cometido pelo zagueiro Matheus Salustiano que colocou a mão na bola dentro da área.

Muito embora o cobrador oficial seja Fábio Santos, William foi para a cobrança e marcou o seu primeiro gol na volta ao Timão.

Foi vitória absolutamente justa excelente segundo tempo do Corinthians.

Se o time mostrar esse futebol do segundo tempo nas próximas partidas, o torcedor tem motivos para ficar otimista.

Veja os gols da quarta-feira:

https://youtu.be/F079qJOZoB8

______________________________________________________________

Mário Marinho – É jornalista. É mineiro. Especializado em jornalismo esportivo, foi FOTO SOFIA MARINHOdurante muitos anos Editor de Esportes do Jornal da Tarde. Entre outros locais, Marinho trabalhou também no Estadão, em revistas da Editora Abril, nas rádios e TVs Gazeta e Record, na TV Bandeirantes, na TV Cultura, além de participação em inúmeros livros e revistas do setor esportivo.

(DUAS VEZES POR SEMANA E SEMPRE QUE TIVER MAIS
 NOVIDADE OU COISA BOA DE COMENTAR)
____________________________________________________________________

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter